Advertisements

Atletas poderiam aproveitar momento para lutar contra corrupção em transações de futebol

Com a consolidação do Bom Senso FC, e a definição das diretrizes principais de suas lutas, os atletas de futebol, depois de um longo período de letargia, acordaram para a real importância que possuem no contexto do esporte.

Se conseguirem implementar, aos menos, as mudanças de calendário – e tudo indica que conseguirão – terão dado enorme passo não apenas para a melhoria das condições de trabalho, mas também no que diz respeito a posicionamento político nas principais discussões pertinentes ao futebol.

Porém, passada essa etapa, será necessário dar continuidade ao movimento, enfrentando outras batalhas, por vezes, mais complicadas do que as travadas no momento.

Exigir, por exemplo, transparência nas transações de futebol, com a eliminação do intermediário, evitando assim que o pagamento de comissões a terceiros sirva a seu objetivo principal que é o de remunerar -ilicitamente – os dirigentes de futebol, que vendem a imagem de “não remunerados”, mas que, na verdade, acabam por sobreviver dessas negociatas.

Seria melhor para todos.

Os jogadores, que deixariam de dividir salários, premiações, entre outras receitas com “espertalhões”, e para o clube, que economizaria, e muito, com o pagamento dos referidos comissionamentos.

Resta saber se os atletas topariam essa briga com dirigentes e agentes, sabedores que, apesar do apoio popular, o risco de represália seria bem maior, pois estariam mexendo na essência do sistema corrupto do futebol brasileiro.

Advertisements

Facebook Comments

13 Responses to “Atletas poderiam aproveitar momento para lutar contra corrupção em transações de futebol”

  1. João Carlos Says:

    Paulinho porque vc não foi chamado para a reunião?soube que tem bastante comida,boca livre do bom e do melhor.

  2. Invejão 2013 Says:

    ENQUANTO ISSO, NA COPA SP DE FUTEBOL JÚNIOR
    Boicote ao São Paulo na Copinha de 2014 ganha mais três adeptos
    Coritiba, Sport e Vitória também enviaram carta à FPF condicionando a inscrição no torneio do próximo ano à exclusão do Tricolor, que conta com o apoio do Grêmio no debate

    Bruno Andrade – 01/10/2013 – 16:00 São Paulo (SP)

    Além dos quatro grandes clubes do Rio de Janeiro (Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco) e dos dois de Minas Gerais (Atlético-MG e Cruzeiro), mais três equipes de ponta do Brasil enviaram carta à Federação Paulista de Futebol condicionando a inscrição na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2014 à exclusão do São Paulo: Coritiba, Sport e Vitória.

    O grupo acusa o clube paulista de aliciar jovens jogadores durante as competições envolvendo as divisões de base. A reportagem do LANCE!Net apurou que Marco Polo Del Nero, presidente da FPF, já enviou uma resposta para todos os times envolvidos no boicote. Nela, o dirigente pede que eles repensem na decisão.

    O Corinthians, dono de oito títulos da Copinha, e o Santos, atual vencedor, ainda não se pronunciaram oficialmente. A decisão da dupla paulista deve ser conhecida nos próximos dias. O rival Palmeiras, por outro lado, deu de ombros para a polêmica e já garantiu presença na competição do próximo ano.

    Além de Palmeiras, Grêmio e Internacional avisaram que vão participar do torneio. O Grêmio, aliás, é o clube que tem dado suporte e apoio ao São Paulo neste caso. Fábio Koff, presidente do time gaúcho, ligou recentemente para Juvenal Juvêncio, presidente são-paulino, oferecendo ajuda na discussão.

    Em rápido contato por telefone com o LANCE!Net, Marcos Tadeu Novais dos Santos, diretor de futebol de base do São Paulo, afirmou desconhecer o movimento de boicote. Logo, ele não teme que a equipe seja excluída da competição.

    – O São Paulo foi convidado para participar da Copa São Paulo. Aceitamos o convite e vamos participar. Agora, a gente teme o que a gente sabe. Não posso temer algo que desconheço (boicote) – declarou.

    O boicote ao São Paulo em competições das divisões da base não é novidade. No primeiro semestre deste ano, o clube desistiu de participar da Taça BH (Sub-20) por causa da pressão dos adversários. Na ocasião, o clube da capital paulista alegou coincidência de datas com o Paulistão para jogadores dessa mesma faixa etária.

    SÃO PAULO NA PAREDE

    Em março deste ano, Coritiba, Cruzeiro, Atlético-MG, Atlético-PR, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Vasco, Vitória, Ponte Preta, Internacional, Grêmio e Grêmio Prudente, apoiados pela Abex (Associação Brasileira dos Executivos de Futebol), realizaram uma reunião e se uniram contra o São Paulo. Na ocasião, os clubes afirmaram que a estratégia do Tricolor era seduzir jovens jogadores com salários maiores.

  3. Alex Says:

    Paulinho, os clubes também deveriam aproveitar este momento e começar a pensar na implementação de uma liga particular, fechada, com os melhores e maiores clubes, sem rebaixamento, e vender o produto diretamente às TVs, sendo a cota master (jogos de quarta e domingo) para quem pagar mais e a cota menor (jogos de quinta e sabado) para quem der o segundo maior lance, dividindo o lucro com os atletas (igual à NFL) para dar um pé na bunda da CBF, que cuidaria exclusivamente de sua frangalhada copa do brasil e seleções.

  4. Victor Dunstan Says:

    Paulinho,melhorias,somente boa mesmo,será em prol também dos torcedores,mudança de horários,e punir clubes que atrasam salário!!

    Esse Beijoqueiro2013,viaja…Copa sp,é uma porcaria,juvenal fosse inteligente(SQN) usava mulecada pra jogar paulistão…foda-se essa porcaria de copa sp!!!

  5. Daniel A J Jr Says:

    Realmente seria um bom momento da liderança dos jogadores discutir também a situação dos jogadores da 2º, 3º, 4º divisão que ficam sem jogar por problemas no calendário e falta de competição rentável. Outra questão com a diminuição de jogos, a exposição será menor e fatalmente a arrecadação pelo mais variados modos diminuíra, estariam dispostos os jogadores a diminuir os salários e premiações também??? Parabéns pelo blog…

  6. Bumba meu boi no curica Says:

    Se eliminarem as comissões tem um CRUBE em São Paulo que vai ficar orfão de diretores/dirigentes/técnico/preparador/médico..etc..etc pois só estão lá por isso…..

  7. Alex Says:

    Boa notícia, Invejão 2013, Copa São Paulo 2014 já é nossa…até porque se chama Copa “SAO PAULO”!

  8. Roberto Calçado Says:

    MAIS DOIS ESTÁDIOS DA COPA PODEM NÃO FICAR PRONTOS:

    World Cup woes cause cash crisis at roofing firm

    Roofing specialist Hightex is looking for short-term finance to enable it to keep trading following a string of problems on World Cup stadium work in Brazil.

    A Stock Exchange announcement today confirmed the firm has been forced to suspend its shares and will have to delay its latest results announcement.

    Hightex won a string of contracts in Brazil to install its iconic cable supported membrane roofs on World Cup stadiums.

    Installation of the roof of the Maracana Stadium in Rio de Janeiro was completed in May

    But the installation of the membrane roof on two other Brazilian stadia – Estadio Beira-Rio in Porto Alegre and Arena Das Dunas, Natal – was delayed during July and August because of late completion of steel works.

    Hightex said it has “experienced difficulty” in obtaining the relevant financial information on these three significant contracts from its Brazilian joint venture, SEPA Hightex Coberturas Ltda,

    It added: “It will not be possible to clarify the position in the immediate future and thus the Company is unable to meet its reporting timetable in relation to the announcement of its half yearly report for the six months ended 30 June 2013.

    “Consequently, the Company’s shares have been suspended from trading on AIM from 7.30am this morning.”

    Delays in payments from Brazil have also triggered a cash-flow crisis.

    Hightex said: “In addition, as a result of delays in substantial cash receipts due to it from contracts in Brazil and minor delays from other projects the Company finds itself with very limited cash resources and without additional funding or significant receipts may not be able to continue to trade.

    “Hightex is in active discussions with a number of potential providers of short term finance and continues to take all appropriate actions to recover amounts due in respect of Brazilian projects.

    “The Company’s ordinary shares will be readmitted to trading on AIM on publication of its half yearly report and a further announcement will be made in due course.”

    http://www.constructionenquirer.com/2013/09/26/world-cup-woes-cause-cash-crisis-at-roofing-firm/

  9. Junior de Goiania Says:

    Esse movimento não vai dar me nada… além do que tem gente mal intencionada por trás desses fantoches começando pelo tal de “Olivetto gambá”….

  10. Ronx Says:

    Quanto eles não ganham com isso?? Acho difícil eles darem um “tiro no pé”. Muitos se aproveitam dessa transações, também!!

  11. terenciotrindade Says:

    Gostaria de saber porque do seu otimismo de que eles conseguirão implantar as mudanças no calendário? Eu acho que o futuro deste movimento, infelizmente, é o mesmo do que os dos prostestos nas ruas de meses atrás.

  12. Lampião - Odaliscas da Fiel, a torcida curicana! Says:

    Jogador quer jogar pouco e ganhar mais.

    Outra coisa, acha que eles seriam contra os empresários que conseguem fazer os clubes pagar um alto salário por um futebol pífio???

    Pelo futebol brasileiro atual…jogador craque deveria ganhar uns 50mil, bom demais!!

    Hoje qualquer perna de pau ganha 100mil

  13. Atletas poderiam aproveitar momento para lutar contra corrupção em transações... - World Cup Football | World Cup Football Says:

    […] …string of problems on World Cup stadium work in Brazil. A Stock Exchange announcement today confirmed … contracts in Brazil to install its iconic cable supported membrane roofs on World Cup stadiums. Installation… …read more […]

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: