Advertisements
Anúncios

Estádio do Corinthians: Taj Mahal, Fórum Trabalhista de São Paulo ou Avenida Água Espraiada

fielzão

Por JOSE RENATO SATIRO SANTIAGO

Um dos mais belos monumentos de toda a história.

Talvez esta seja a forma mais simplista de qualificar o Taj Mahal.

Ele também é considerado, por muitos, como a maior prova de amor de todos os tempos.

Trata-se de um mausoléu que o imperador Shah Jahan mandou construir para a sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam.

Pode ser considerada uma unanimidade quanto a sua beleza e esplendor?

Muito possivelmente, sim.

Mas há outro lado da história que faz com que sua beleza e esplendor fiquem comprometidos, para algumas pessoas.

Durante os quase 20 anos de sua construção, que contou com cerca de 20 mil homens, milhares de pessoas foram mortas, desmembradas e mutiladas pelo imperador.

Uma das lendas diz que logo após sua conclusão, os próprios arquitetos e decoradores foram cegados e tiveram as mãos cortadas, sob ordem do imperador, para que não pudessem voltar a construir algo tão belo.

É possível separar uma coisa da outra?

Talvez sim.

Talvez não.

A verdade é que ao se lembrar deste monumento, a primeira coisa que vem em mente é sua beleza.

Pois bem…

Miremos nossa olhar para o Brasil.

Na região da Lapa na cidade de São Paulo, se destaca uma grandiosa construção.

Uma belíssima obra da engenharia brasileira.

Localizado na Avenida Marquês de São Vicente, o Fórum Trabalhista de São Paulo recebe em seu nome, outro grande, Ruy Barbosa.

“O Águia de Haia” foi um grande defensor do princípio da igualdade.

Durante sua construção, houve o desvio de quase R$ 1 bilhão (valor atualizado), em um dos maiores escândalos da história brasileira, que envolveu o ex-juiz Nicolau dos Santos Neto, o ex-senador Luís Estevão dentre outros.

É possível separar uma coisa da outra?

Talvez sim.

Talvez não.

A verdade é que ao se lembrar deste prédio, a primeira coisa que vem em mente é o escândalo.

Pois bem…

Na zona sul de São Paulo, uma belíssima avenida corta uma importante região da cidade.

Seu nome, avenida Jornalista Roberto Marinho, vulgo avenida Água Espraiada (seu nome original).

São cerca de 5 quilômetros de uma avenida que obedeceu as melhores especificações técnicas.

Seu custo chegou a um quase inimaginável valor de R$ 900 milhões, um completo absurdo.

Um super faturamento que já proporcionou a devolução de valores que foram desviados pelo governo da época, comandado pelo Sr. Paulo Maluf.

É possível separar uma coisa da outra?

Talvez sim.

Talvez não.

A verdade é que ao se lembrar desta avenida, a primeira coisa que vem em mente é o escândalo.

Pois bem…

Na zona leste de São Paulo se ergue o estádio que irá abrigar alguns jogos da Copa do Mundo de 2014.

Segundo jornalistas que tiveram a oportunidade de visita o empreendimento, trata-se de um belíssimo projeto com suntuosas características que fará com que seja uma das mais belas arenas esportivas do mundo.

Construído com recursos públicos diretos, combinados com financiamento e incentivos fiscais sob condições exclusivas e interferência pessoal até mesmo do Presidente da República, confesso torcedor do Sport Club Corinthians Paulista, que será proprietário do empreendimento, o estádio é constantemente envolvido a questionamentos e duvidas jurídicas que passam desde a legalidade destas condições "especiais" e "exclusivas" até a ausência de garantias reais que suportem o uso de recursos do BNDES, algo jamais visto na história deste país.

É possível separar uma coisa da outra?

Talvez sim.

Talvez não.

No entanto…

Será que apenas os torcedores alvinegros podem entender o estádio do Corinthians como sendo um Taj Mahal?

Será que os torcedores alvinegros não podem entender que o estádio do Corinthians como sendo mais um Fórum Trabalhista de São Paulo ou Avenida Agua Espraiada?

Será que os torcedores de outras agremiações não podem também ter opiniões difusas sobre o estádio do Corinthians?

Certamente podem.

Todos podem.

Afinal…

O sentimento de repulsa não tem qualquer associação clubistica.

O sentimento de admiração pelo mesmo também não.

Confundir isso é um equívoco maior que a soma de dinheiro publico investido em todos estes empreendimentos nacionais.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: