Advertisements
Anúncios

Bloqueio judicial da BRL Trust, dona do “Fielzão”, atinge outras empresas ligadas ao “Fundo Arena”

Os problemas judiciais da BRL TRust, fundadora e uma das proprietárias do Fundo Arena, responsável pelos recursos das obras do “Fielzão”, a cada dia complicam mais o projeto.

Após decisão da Justiça Federal que bloqueou os bens da empresa, e também de seus proprietários, outras participantes do fundo, umbilicalmente ligadas à BRL, foram também atingidas.

Estão proibidas de operar financeiramente, segundo dados obtidos na JUCESP, a Jequitibá Patrimonial e a Arena Itaquera S/A.

Dias atrás, a BRL conseguiu desbloquear um de seus CNPJs, através de recurso contra a Liminar concedida a seus credores, porém, outros três, além das referidas parceiras e também seus proprietários, que se confundem e alternam quase que trimestralmente, permanecem na mesma situação.

A “dona” do “Fielzão” enfrenta, além dessa pendência jurídica, outras mais, não menos graves, entre elas acusação de fraude quando era associada ao banco BVA, num golpe que, segundo o MP, lesou em R$ 500 milhões toda a clientela.

Terá, o BNDES, a mesma coragem de expor o banco, que tiveram os dirigentes do Corinthians ao negociar o patrimônio do clube, e a CAIXA, a pedido de Lula, de emprestar recursos públicos a uma empresa que, claramente, sobrevive de picaretagens ?

O estádio, que o Corinthians, precipitadamente, julga ser seu, pode ser finalizado, até porque a construtora não tem mais alternativa, mas, assim como as “malandragens” em torno dá obra estão explicitadas, é obvio que, por vias normais, o clube nunca conseguirá quitar os mais de R$ 1 bilhão devidos à ODEBRECHT.

Resta saber, então, com o agirá a BRL Trust, de histórico complicado, que tem os bens do Timão a sua disposição, por absoluta falta de responsabilidade de seus conselheiros.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: