Advertisements
Anúncios

Frente Nacional do Torcedores ocupa prédio da CBF e pede saída de Marin

COMUNICADO OFICIAL DA FRENTE NACIONAL DOS TORCEDORES SOBRE OCUPAÇÃO DA CBF

A Frente Nacional dos Torcedores acaba de ocupar novo prédio da CBF na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, na manhã deste domingo, 30 de junho.

A ação foi pacífica e não teve resistência dos guardas do edifício.

O movimento exige a saída imediata de José Maria Marin tanto do comando da entidade quanto da organização da Copa 2014 (COL-2014).

Igualmente, seus integrantes exigem a aprovação imediata da PEC 202/2012 que visa a regulamentação desportiva.

O movimento apresenta outras exigências na seguinte carta (em anexo também):

“Rio de Janeiro, 30 de junho de 2013.

A Frente Nacional dos Torcedores, movimento que luta por um futebol justo, democrático e popular, ocupa a nova sede da Confederação Brasileira de Futebol para que finalmente nossas exigências sejam atendidas.

Não nascemos ontem nem somos ligados a qualquer dirigente esportivo. Somos a Frente do Torcedor, a Frente que luta por mudanças no futebol, a Frente que lutou pela saída de Teixeira, e que agora quer a saída imediata de José Maria Marin da CBF e do COL-2014. Queremos a regulamentação desportiva em busca de democratização, transparência, moralidade, popularização e participação popular nas instâncias decisórias da organização do esporte.

O Torcedor é quem sustenta o sistema do futebol. O Torcedor é a célula-mãe de toda a grandeza do futebol. Estamos aqui, e não podemos ser ignorados! Queremos participar diretamente da escolha do novo presidente da CBF, queremos a abertura das contas da CBF e, mais, a abertura política da CBF.

O futebol brasileiro vivencia um processo de elitização teatral. Os estádios populares estão sendo transformados em arenas elitistas, as arquibancadas estão sendo encadeiras, e nossa cultura popular torcedora está sendo reprimida com o avanço desse modelo submisso aos interesses da máfia da bola e da FIFA.

O higienismo social é cada vez maior com os valores absurdos dos ingressos. A pasteurização das torcidas é intensificada com os recorrentes casos de abuso policial, que são aplaudidos por uma grande mídia vendida que deseja criminalizar a cultura torcedora.

Estamos aqui nesse castelo da corrupção que custou milhões de reais para exigir a saída imediata de José Maria Marin (vulgo Zé Medalha) do comando da CBF e Comitê Organizador Local da Copa 2014. José Maria Marin deve renunciar ao cargo, pois não possui qualquer capacidade político-administrativa, nem mesmo tem aptidão moral para seguir no comando da CBF.

Da mesma maneira, o Governo brasileiro deve impor a saída de Marin do COL-2014, afinal, um filhote da ditadura não pode conduzir a Copa do Mundo. O lugar de Marin é na Comissão Nacional da Verdade, ou em alguma clínica de reabilitação para cuidar de sua cleptomania.

Fora Marin!

Exigimos, igualmente, a votação e aprovação da PEC 202/2012!

A PEC Dr. Sócrates visa regulamentar a organização do esporte. O Governo brasileiro precisa estar posicionado de modo favorável a esse crucial avanço no combate à máfia da bola. Todo poder do futebol deve ter acesso aos Torcedores.

A regulamentação deve ser construída com participação direta de torcedores e atletas. Regulamentação desportiva JÁ!

Queremos a revogação da Lei Geral da Copa nos pontos que rebaixam a soberania nacional perante a máfia da FIFA. Reivindicamos a urgente rejeição ao PLS 728/2011, que criminaliza o direito de protesto, estabelecendo a ditatorial tipificação do crime de terrorismo.

Protesto não é crime!

Por ingressos populares e com livre direito cultural de torcer: por uma Copa do Povo! O Brasil pode fazer a Copa sem receber chutes no traseiro dessa instituição corrupta. Amamos o futebol, odiamos a FIFA!

Fora FIFA!

Exigimos a indispensável criação de uma comissão legislativa com participação direta dos Torcedores para a criação de um novo estatuto do Torcedor. Exigimos um novo Estatuto do Torcedor a ser construído diretamente pelos Torcedores! Pela volta da festa nos estádios, por ingressos populares, pelo fim da violência no futebol, por uma nova lei contra abuso policial! Um novo estatuto do Torcedor é indispensável.

Exigimos, por fim, o estabelecimento de um diálogo direto com a Presidente Dilma para resolver tais questões, sem intermediários e sem o peleguismo de Aldo Rebelo e dos articuladores do Ministério do Esporte.

Como mulher que sofreu durante a ditadura militar, Dilma deve contribuir verdadeiramente pela saída de Marin, e pelo fim da ditadura da máfia da bola. O futebol precisa de democracia!

Sócrates e João Saldanha estão conosco agora e sempre. A conscientização torcedora avança. Avança a luta torcedora! As Torcidas estão nas ruas: a maior arquibancada do Brasil.

Fora Marin! Regulamentação Desportiva JÁ!

Um outro futebol é possível!

Um futebol justo, democrático e popular!

Frente Nacional dos Torcedores FNT

VERÁS QUE UM TORCEDOR NÃO FOGE À LUTA

www.frentedostorcedores.com.br

frentedostorcedores@gmail.com

invasão cbf

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: