Advertisements
Anúncios

São Paulo é finalista da Copa Sul-Americana

Jogando muito melhor que seu adversário, o São Paulo perdeu um caminhão de gols, mas ficou apenas no empate com a Universidad Católica, em zero a zero.

Suficiente para classifica-lo para a primeira final de Sul-Americana de sua história.

A primeira etapa, violentíssima, foi amplamente dominada pelo São Paulo, que perdeu várias oportunidades de gol, sem correr riscos do adversário.

Logo aos 57 segundos, Lucas cruzou pela direita e Luis Fabiano bateu no peito do goleiro, com perigo.

Aos 20 minutos, Lucas, um dos melhores em campo ao lado de Osvaldo e Paulo Miranda, deixou Jadson na cara do gol, que bateu cruzado, à direita do gol.

Cinco minutos depois Jadson teria nova oportinidade, bem defendida pelo ótimo goleiro chileno.

O pau quebrava em campo, com inúmeras faltas chilenas e alguns revides tricolores.

Numa delas, aos 28 minutos, Rogerio Ceni bateu com maestria, para defesa ainda melhor do arqueiro do Universidad Católica.

Antes do intervalo, aos 41 minutos, Osvaldo deu belo drible de corpo no zagueiro, bateu a gol, o goleiro defendeu, no rebote Luis Fabiano concluiu, nova defesa, e a bola sobrou novamente para o avante Tricolor chutar para fora.

O panorama foi mantido na segunda etapa, com o Tricolor buscando o ataque e a Católica se defendendo do jeito que dava.

E batendo.

Jadson, aos 3 minutos, tentou cruzar na área, mas a bola fez uma curva e o goleiro chileno teve que se desdobrar.

Aos 13 minutos, Osvaldo deu grande arrancada, tocou a Luis Fabiano que abriu para Jadson bater por cima da meta.

Com o tempo, embora sem abdicar do ataque, o Tricolor, jogando pelo empate, diminuiu o ritmo da partida.

A Católica nem assim se arriscava, jogando por um lance de sorte, sem fazer muito por merecê-lo.

Aos 31 minutos, Osvaldo fintou dois adversários, bateu da entrada da área, mas o goleiro defendeu.

Dois minutos depois o Morumbi veio abaixo com a entrada de Paulo Henrique Ganso no lugar de Jadson.

Luis Fabiano perdeu gol incrível aos 34 minutos, quando poderia ter servido a Ganso, que estava sozinho dentro da área.

No final, com a missão cumprida, mesmo merecendo a vitória o Tricolor não reclamou do empate, que levou o clube a decidir mais um título internacional em sua vida.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: