Advertisements

Palmeiras cai para a 2ª Divisão pela segunda vez em sua história

De maneira triste, após a confirmação do empate da Lusa com o Grêmio, em dois a dois, agora há pouco, o Palmeiras, de tantas glórias, está rebaixado pela segunda vez em dez anos para a Série B do Brasileirão.

Uma obra a ser assinada pela pior gestão da história do clube.

Desde a incompetência e falta de personalidade de Arnaldo Tirone, passando pela teimosia e “trairagem” de Roberto Frizzo, até a “esperteza” do inconfiável Piraci Oliveira.

Gente que em vez de se preocupar com o clube preferiu utilizar-se dele para a própria realização pessoal.

Tirone aprendeu a negociar com empresários de futebol, fez contatos, e dificilmente deixará sua lanchonete falir novamente.

Frizzo fez o que pode para minar o trabalho de Felipão, com fofocas, intrigas e até incitação de discórdia com jogadores.

Piraci Oliveira, que já havia prestado desserviços anteriores ao clube, como a criação da deplorável “lista negra” de associados, promoveu-se pela internet, distribuiu ingressos “gratuitos” para demonstrar bondade, mas, no meio disso tudo, lucrou com o nome do Palmeiras em palestras e até num livro lançado recentemente, por sinal, literariamente inexpressivo.

É isso.

Ocupados com a exposição do próprio umbigo, os dirigentes palmeirenses (?) esqueceram-se do clube e, principalmente, do time de futebol, aliviados que estavam com a lotérica, porém enganosa conquista da Copa do Brasil.

E o resultado não poderia ser diferente.

Cabe agora ao torcedor exigir as mudanças e, sem violência, através das urnas, expulsar os responsáveis por mais este triste momento da vida palmeirense.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: