Advertisements

Posicionamento deste espaço nas eleições 2012

Em respeito ao leitor deste espaço, que tanto nos honra com seu prestígio e audiência, mas também para esclarecer insinuações de “petralhas” profissionais, remunerados pelo partido da corrupção para monitorar o trabalho de jornalistas contrários à “companheirada”, deixaremos claro nosso posicionamento político nas eleições 2012.

Sim, porque apesar das bobagens que são ditas por ai, até em faculdades de comunicação, jornalista de bem tem que ter lado, e deixa-lo bem claro àqueles que nele acreditam.

No Rio de Janeiro, entendemos que a melhor opção era a do candidato Marcelo Freixo (PSOL), e lamentamos profundamente que o povo da cidade não pensou da mesma maneira.

No Paraná, a derrota de Ratinho Junior nos alegra, demonstrando que a maior parte do eleitor curitibano percebeu o “truque” que estava por vir.

Em São Paulo, no primeiro turno, quando três candidatos estavam tecnicamente empatados nas pesquisas, deixamos claro que Celso Russomanno (IURD) era a pior opção, ligado que estava ao maior Estelionatário da Fé deste país.

No segundo turno, com as opções apresentadas, decidimos expor nossa repulsa pela candidatura do PT.

Partido este que, em nosso entendimento, trata-se de uma facção criminosa, que já teve sua cúpula condenada por corrupção e formação de quadrilha.

Não há como ser pior e mais dissimulado do que o PT, que surgiu e discursava como esperança no combate ao políticos desonestos, mas, na verdade, atuava às sombras da corrupção, vendendo greves por intermédio de seu personagem principal, favorecendo narcotraficantes, comprando apoio político com dinheiro do povo e, segundo indícios do inquérito policial de Celso Daniel, até assassinando.

José Dirceu, Genoino e Delubio Soares, condenados por corrupção ativa e formação de quadrilha, nunca fizeram nada sem o conhecimento de Luis Inácio Lula da Silva.

O “mensalão”, evidentemente, não seria exceção.

Esperamos ter deixado bem claras as nossas preferencias, absolutamente pessoais, com a liberdade de quem já criticou duramente todos os lados da moeda, durante os anos de existência desse espaço.

Aos “petralhas”, além da falta de respeito, deixo abaixo a definição para o termo, retirada do dicionário Sacconi da Lingua Portuguesa:

PE.TRA.LHA

Adj. e s.cdd. (o/a) Pejorativo

1- Que ou pessoa que, sem nenhum escrúpulo, não vacila em cometer todo e qualquer ato marginal à lei, como usurpar, mentir, extorquir, ameaçar, chantagear, roubar, corromper, ou que defende com ardor ladrões, corruptos, usurpadores, mentirosos, cínicos, extorsionários, chantagistas, etc. que, porém, posam de gente honesta e defensores intransigentes da ética: jornalista petralha; jornaleco petralha; há petralhas nesse governo ?

// s.f. (a)

2- Petralhada: se há algo positivo nas agressões que a petralhada vem dirigindo contra a imprensa é o fato de que, finalmente, o verdadeiro caráter desse grupo veio à tona.

// adj.

3- Característico ou próprio desse tipo de pessoa; sórdido; nojento; asqueroso; canalha; calhorda: comentário petralha; o jeito petralha de governar; a agressividade petralha.

* Esse neologismo foi criado pelo jornalista Reinaldo Azevedo, que o formou de petista (em referencia ao simpatizante ou membro desonesto, aloprado ou inescrupuloso do PT) + Irmãos Metralha, gêmeos bandidos atrapalhados das histórias em quadrinho e dos desenhois animados.

Petralhada (pe) s.f. (bando de petralhas; petralha (2)).

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: