Advertisements

Corinthians joga bem e vence Cruzeiro no Pacaembu. São Paulo dá vexame contra pior do campeonato

Jogando com a segurança de sempre, o Corinthians venceu o Cruzeiro, por dois a zero, no Pacaembu, em partida muito bem disputada.

Danilo, cada vez melhor, e Romarinho, sempre dando opções para o ataque, foram os melhores em campo.

A primeira etapa começou bem equilibrada, com Corinthians e Cruzeiro buscando o ataque, embora poucas oportunidades tenham sido criadas.

Porém, aos poucos, o Timão foi dominando as ações, enquanto os mineiros, vez por outra, passaram a confundir marcação forte com violência.

Danilo teve a primeira boa chance do jogo, aos 17 minutos, quando acertou bela batida de fora da área, a bola desviou na zaga e dificultou a defesa de Fabio.

Três minutos depois o sempre estabanado Cassio saiu mal do gol e Leandro Guerreiro perdeu gol incrível.

Aos 21 minutos, quando somente o Corinthians atacava, Jorge Henrique antecipou-se a Sandro Silva dentro da área e foi derrubado.

Leandro Vuaden, covardemente, não expulsou o zagueiro mineiro que já tinha cartão amarelo.

Na cobrança, Chicão, com enorme categoria, abriu o marcador.

Celso Roth, percebendo que Sandro Silva poderia ser expulso na primeira falta que fizesse, após a amarelada da arbitragem, tratou de substituí-lo por Fabinho, aos 26 minutos.

Romarinho, aos 30 minutos, recebeu lançamento de Alessandro, dentro da área e, de primeira, quase ampliou.

Aos 42 minutos, novamente Romarinho surgiu na cara de Fabio, bem lançado por Sheik, mas teve batida abafada pelo goleiro cruzeirense.

O Corinthians voltou para o segundo tempo tranquilo, esperando o Cruzeiro, que pouco conseguiu criar, parando na sempre eficiente marcação alvinegra.

Aos 2 minutos, Fabio saiu mal, a bola ficou com Fabio Santos que cruzou rasteiro para Sheik chegar milésimos de segundo atrasado.

A única jogada, razoável dos mineiros foi uma cobrança de falta de Montillo, que passou à esquerda de Cassio.

No mais, o Timão, nas poucas vezes que se arriscou, sempre foi mais perigoso.

Romarinho, de cabeça, aos 25 e 37 minutos, quase ampliou o marcador, em duas bolas que passaram muito perto do gol.

Aos 41 minutos Tite colocou o estreante Guerrero no gramado para se ambientar com a Fiel Torcida.

Houve tempo ainda para o aniversariante Paulinho, aos 48 minutos, acertar belo tiro no ângulo esquerdo de Fábio e marcar um golaço.

Vitória importante e que dá motivação para o Timão, quem sabe, iniciar uma reação que seria histórica nesse Brasileirão.

Em tempo: O vexame do São Paulo, ao perder para o pior time do campeonato, por quatro a três, quando chegou a estar atrás em quatro a um, é absolutamente impossível de ser comentado. Triste, apenas isso…

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: