Advertisements

Coluna do Fiori

fiori4 

FUTEBOL: POLÍTICA, ARBITRAGEM E VERDADE

Fiori é ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol, investigador de Polícia e autor do Livro “A República do Apito” onde relata a verdade sobre os bastidores do futebol paulista e nacional.

http://www.navegareditora.com.br   Email: caminhodasideias@superig.com.br

SUBMISSÃO A ESCALA

Inadmissível o servilismo mostrado pelo árbitro Paulo César de Oliveira (FIFA-SP) aceitou com regozijo seu escalar em partida da série A2 do campeonato paulista mesmo tendo sido desrespeitado enquanto cidadão após o anuncio de sua suspensão por cinco jogos depois da partida entre: Barueri x Palmeiras.

RELEMBRANDO

No lance que originou o tento do Barueri, Paulo César errou feio, errando novamente quando tentou passar a culpa para seu assistente Alberto Polito Masseira, se fosse suspenso por duas partidas, punições corretas, publicaram cinco, execraram Paulo César, no frigir, nada consumado.

MORAL

É necessário ter linha de conduta coerente, assim agindo, respeita-se para ser respeitado.

Paulo César de Oliveira deveria ter solicitado que o presidente da CEAF-SP dissesse aos membros dos órgãos de imprensa que sua suspensão houvera sido anulada, ao compartilhar da inexplicável argumentação que a suspensão se referia somente a partidas da série A1, assinou ser condicionado.

OUTROS TEMPOS

Em situação análoga tenham absoluta certeza que este ex-árbitro faria exatamente o que proclamou, por menos devolvi relatórios, um destes se referia à partida pela divisão principal, não acolhi a quebra de recomendação emanada de há muito pelo então Departamento de Árbitros no tangente à apresentação pessoal.

O bandeirinha, hoje cognominado assistente, não se apresentou devidamente barbeado, na época o diretor era Jose Astolfi.

SÉRIE A1

Santos x Oeste

Árbitro: Vinicius Furlan, atuação normal.

Corinthians x Palmeiras

Árbitro: Wilson Luiz Seneme, em meu entendimento a expulsão de Roberto Carlos foi correta, carrinho perigoso, percebi que após a expulsão Seneme ficou meio perdido, sofreu pressão por parte do técnico corintiano, deveria ter tomado posição, ou seja, expulsão de Mano Meneses.

Quanto à eliminação de Clayton Xavier, se foi por reclamação tudo bem, não sendo, pura média.

Sertãozinho x São Paulo

Árbitro: Rafael Claus, atuação normal.

São Paulo x São Caetano

Árbitro: Rodrigo Ferreira do Amaral, atuação normal.

Ponte Preta x Corinthians

Árbitro: Rodrigo Braghetto, atuação normal.

Palmeiras x Portuguesa

Árbitro: Marcelo Rogério, em lance que antecedeu ao tento da Portuguesa, alguns integrantes de seu banco reclamaram saída de bola, tanto o árbitro quanto seu assistente 01 deram o continuar da jogada, na seqüência o ataque da lusa marcou o gol.

Cartão Amarelo: na aplicabilidade dos cartões entendo que faltou coerência, no todo tanto técnica quanto disciplinarmente o trio comportou-se normalmente.

POLITICA

Este ano teremos carnaval, copa do mundo e eleições, seremos bombardeados em todos os meios de comunicação com promessas desprovidas de lógica, devemos estar conscientes que: “Ta tudo dominado”, este papo de dizerem que partido tal é composto por políticos honestíssimos é balela, são farinhas do mesmo saco, produtos de nossa cultura, com ínfima exceção, a maioria: Toma Lá Dá Cá. 

Acorda Brasil

SP-06/02/10

Facebook Comments
Advertisements

9 comentários sobre “Coluna do Fiori

  1. Ribamar Corinthiano Bianchini

    Fiori, concordo contigo com relação aos políticos e vou mais alem: NÃO ACREDITEM QUANDO O SERRA FALAR QUE VAI ACABAR COM AS ENCHENTES EM SÃO PAULO, estou alertando porque o tempo esconde muita coisa né? Até outubro muita gente vai se esquecer que o Serra e o Kassab foram os responsáveis por colocar o povo de sampa literalmente na “BOSTA” viu.

  2. Jônei, Um Justo

    Sabe, Paulinho, as falcatruas no futebol brasileiro parecem ser infindáveis!!!

    Primeiro o SPFC afirma que a reforma do Morumbi seria bancada exclusivamente com recursos da iniciativa privada. Cheios de empáfia os dirigentes e o prefeito denotaram prescindir do apoio público, mas agora tentam a todo custo socorrer-se do erário. Estão desesperados!

    É sabido que o BNDES não tem e nunca teve entre suas atribuições dar de mamar a times de futebol, entidades privadas que não possuem o mínimo compromisso com o interesse público mas tão-somente com o bem-estar de seu seleto número de aburguesados associados.

    Agora o time do Jardim Leonor tenta ardilosamente nos bastidores conseguir empréstimo direto do BNDES, já que nenhuma instituição bancária demonstrou interesse em participar de tão arriscado empreendimento.

    Não bastasse isso agora o Corinthians aproveita-se da delicada situação do SPFC e apresenta a enésima proposta de construção de seu estádio com o intuito de fazer sombra à candidatura do Morumbi.

    Sabe Paulinho, não sou contra o Morumbi, o SPFC ou o Corinthians. Sou contra a improbidade, o “jeitinho”, a troca de favores, o tráfico de influências, o “toma-lá-dá-cá”. Luto única e exclusivamente em benefício da verdade, da moral e da honestidade.

    Se o SPFC realmente conseguisse reformar o Morumbi com recursos próprios eu seria o primeiro a hastear a bandeira de sua candidatura e eventualmente compraria um camarote vitalício para assistir aos jogos do mundial.

    A construção do estádio corinthiano com verbas de origem duvidosa seria tão hedionda quanto a reforma do Morumbi como dinheiro público.

    Alguns seres de reduzida capacidade de raciocínio que freqüentam este blog, ao comparar as duas alternativas, chegam à conclusão de que “dentre os males, o menor”.

    Estão completamente equivocados, caro Paulinho! Ambas as opções são inaceitáveis e prontamente descartadas por qualquer ser humano que possua compromisso com a moral.

    O SPFC é acusado por alguns de ter construído seu estádio com dinheiro público e carrega essa mácula em sua história. Gostaria o Corinthians de levar a fama de ter construído seu estádio com dinheiro eventualmente oriundo de crimes?

    Paulinho, acredito que a única opção seja descartar a candidatura de ambos os estádios pelo bem da moralidade. Tanto o Morumbi quanto o “Maquetão” corinthiano apenas manchariam mais uma página da história do futebol brasileiro.

    A abertura da copa do mundo de 2014 deve sim ser realizada em solo paulista, locomotiva do Brasil, mas em outro estádio.

    Lanço agora a candidatura oficial do estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, para receber a abertura do mundial. Será uma excelente oportunidade para homenagearmos o povo sofrido do interior, a alma pura do “caipira” de pés vermelhos de barro, bom pai de família, e ao mesmo tempo glorificar a Associação Atlética Ponte Preta, fundada em 11 de Agôsto de 1900, no Dia do Advogado, há 110 anos.

  3. euclydes zamperetti fiori

    Senhor Ribamar,

    Sou convicto que sabes tanto quento eu que na verdade o problema das enchentes em sampa é antigo, quanto aos desabrigados historica e geograficamente o negócio ñ é tão simples assim.

    VOTO:
    Caso queiras saber meu voto, tenhas certeza dq dos q. ai estão nenhum o recebera, quanto aos integrantes dos partidos entendo serem farinhas do mesmo saco salvo pouquissimas cabeças, não entendo como se pode enriquecer quer direta ou indiretamente em pouco tempo como ocorre com nossos politicos, com seus parentes, seus amigos e todos que os adulam.

    Grato por sua participação,

    por isto insisto:

    Acorda Brasil

    cidadão e,
    ex-árbitro de futebol

  4. euclydes zamperetti fiori

    Caro Jonas,
    Não te lembras porque aq sempre é carnaval, eles nos roubam e grande maioria os apaude, quero crer q. ñ sejas parte desta platéia.

    valeu

    zamperetti firoi
    cidadão e,
    ex-árbitro de futebol

  5. Carlos

    Probo Fiori!!
    Saudações!!!
    Nos brinde com uma história do seu tempo de árbitro dentro das 4 linhas!

  6. euclydes zamperetti fiori

    Carlos ,

    foram todas , tenha certeza q. errei + o erro ñ foi para tirar ventagens como vc ou seus amigos fazem e fizeram.

    Você ñ é carlos, vc deve ser qualquer destes q. roubam as entranhas de nossa gente.

    Quando vc criara coragem apresentando-se com seu verdadeiro nome.

    Qualquer, mande e-mail para: paulinhonet@terra.com.br, lá marcaremos encontro pessoal + como você é Lixão,

    Topo téte a téte com vc e sua pá de malas, pode ser no estádio municipal Paulo Machado de Carvalho-nosso querido Pacaembu, ou em quaklquer esquinq da vida.

    + sem sua contumáz covardia, certo.

    zamperetti fiori

  7. euclydes zamperetti fiori

    Carlos,

    Estou convencido que você além de ser covarde é ladrão.

    zamperetti fiori
    cidadão e,
    ex-árbitro de futebol

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: