Advertisements

A escolha perfeita

Carlos Eugênio Simon foi confirmado como árbitro brasileiro para a Copa do Mundo.

Não que não soubéssemos, mas ainda havia a expectativa de observar se eles realmente teriam coragem de fazer esta escolha.

E tiveram.

Na verdade, a indicação de Simon homenageia os homens que comandam o nosso futebol.

Três Copas do Mundo seguidas, cerca de doze anos, em que nada melhorou, nem na gestão esportivo, menos ainda na arbitragem.

Facebook Comments
Advertisements

11 comentários sobre “A escolha perfeita

  1. Tricolor

    O mais engraçado de tudo foi o Arnaldo Cesar Coelho dizendo que o Simon ainda é o melhor árbitro do país.
    Confesso que num primeiro momento até achei que fosse piada.

    Achar que o Simon é melhor do país só mostra duas coisas: ou o cara é cego, ou os árbitros são muito ruins mesmo.

  2. Francisco Terra

    Sendo palmeirense já teria motivos para condena-lo, pois este pilantra tirou o título brasileiro do Palmeiras.
    Mas creio que toda torcida brasileira sabe que ele é ruim e mal intencionado.

    FRANCISCO TERRA. BRAÇO FORTE. MÃO AMIGA.

  3. Carlitus

    Simom é tão ruim quanto todos os outros. Mas, toda regra tem exceção: muitos são péssimos.

  4. Jônei, Um Justo

    Sabe, Paulinho, as falcatruas no futebol brasileiro parecem ser infindáveis!!!

    Primeiro o SPFC afirma que a reforma do Morumbi seria bancada exclusivamente com recursos da iniciativa privada. Cheios de empáfia os dirigentes e o prefeito denotaram prescindir do apoio público, mas agora tentam a todo custo socorrer-se do erário. Estão desesperados!

    É sabido que o BNDES não tem e nunca teve entre suas atribuições dar de mamar a times de futebol, entidades privadas que não possuem o mínimo compromisso com o interesse público mas tão-somente com o bem-estar de seu seleto número de aburguesados associados.

    Agora o time do Jardim Leonor tenta ardilosamente nos bastidores conseguir empréstimo direto do BNDES, já que nenhuma instituição bancária demonstrou interesse em participar de tão arriscado empreendimento.

    Não bastasse isso agora o Corinthians aproveita-se da delicada situação do SPFC e apresenta a enésima proposta de construção de seu estádio com o intuito de fazer sombra à candidatura do Morumbi.

    Sabe Paulinho, não sou contra o Morumbi, o SPFC ou o Corinthians. Sou contra a improbidade, o “jeitinho”, a troca de favores, o tráfico de influências, o “toma-lá-dá-cá”. Luto única e exclusivamente em benefício da verdade, da moral e da honestidade.

    Se o SPFC realmente conseguisse reformar o Morumbi com recursos próprios eu seria o primeiro a hastear a bandeira de sua candidatura e eventualmente compraria um camarote vitalício para assistir aos jogos do mundial.

    A construção do estádio corinthiano com verbas de origem duvidosa seria tão hedionda quanto a reforma do Morumbi como dinheiro público.

    Alguns seres de reduzida capacidade de raciocínio que freqüentam este blog, ao comparar as duas alternativas, chegam à conclusão de que “dentre os males, o menor”.

    Estão completamente equivocados, caro Paulinho! Ambas as opções são inaceitáveis e prontamente descartadas por qualquer ser humano que possua compromisso com a moral.

    O SPFC é acusado por alguns de ter construído seu estádio com dinheiro público e carrega essa mácula em sua história. Gostaria o Corinthians de levar a fama de ter construído seu estádio com dinheiro eventualmente oriundo de crimes?

    Paulinho, acredito que a única opção seja descartar a candidatura de ambos os estádios pelo bem da moralidade. Tanto o Morumbi quanto o “Maquetão” corinthiano apenas manchariam mais uma página da história do futebol brasileiro.

    A abertura da copa do mundo de 2014 deve sim ser realizada em solo paulista, locomotiva do Brasil, mas em outro estádio.

    Lanço agora a candidatura oficial do estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, para receber a abertura do mundial. Será uma excelente oportunidade para homenagearmos o povo sofrido do interior, a alma pura do “caipira” de pés vermelhos de barro, bom pai de família, e ao mesmo tempo glorificar a Associação Atlética Ponte Preta, fundada em 11 de Agôsto de 1900, no Dia do Advogado, há 110 anos.

  5. euclydes zamperetti fiori

    Na verdade tudo estava encaminhado para este final, os bastidores da FIFA são tão ou + podres que os dq.

    zamperetti fiori
    ci9dadão e,
    ex-árbitro de futebol

  6. Lestat

    Vejam o lado bom da coisa…enquanto ele se prepara para apitar a Copa, possivelmente apitará pouco ou nada nos campeonatos pelo Brasil.

    Menores chances de termos nossos times garfados por esse sujeito.

  7. timão2010

    e o corporativismo, como fica? esqueces que Arnaldo tb apitou uma copa e sabe como funciona o esquema?

  8. Guilherme

    Só uma correção.

    Na verdade, 8 anos. Isso porque a primeira copa que ele apitou foi em 2002…Apesar de serem 3 copas, são apenas 8 anos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: