Advertisements

Governo e CBF mentiram novamente

Começou muito antes de 2014 a sangria de dinheiro público para a Copa do Mundo.

Nada que já não fosse esperado.

Governo e CBF mentem em conjunto, a Globo comemora com o ufanismo de sempre e boa parte da população continua não cansando de ser enganada.

Este é o País do mensalão, do dólar na cueca, do treinador que não explica origem de dinheiro na CPI e até do dirigente que arruma atestado para fugir de investigação.

E a farra apenas começou.

O roubo, no final, será ainda maior.

Confira abaixo.

Da “FOLHA”

Verba pública financiará 94% dos estádios da Copa

Documento do Ministério do Esporte mostra que país vai gastar R$ 5,3 bilhões

Previsão de investimento em arenas para o Mundial de 2014 já ultrapassa em 167% o valor estimado há apenas dois anos pela CBF

MARIANA BASTOS

PAULO COBOS

DA REPORTAGEM LOCAL

Agora é oficial. A Copa de 2014, que Ricardo Teixeira, o presidente da CBF, dizia que seria o Mundial da “iniciativa privada”, terá 94% dos R$ 5,342 bilhões para a reforma e a construção de estádios bancados pelos cofres públicos.

A conta foi formalizada pelo Ministério do Esporte, que divulgou documento que detalha as responsabilidades dos gastos do Mundial e especifica quanto custará cada um dos 12 estádios da Copa e quem irá pagá-los -também fez isso para as obras de mobilidade urbana necessárias para a competição.

O contrato mostra que R$ 3,427 bilhões para as obras nas arenas serão bancados com dinheiro do BNDES. O governo federal argumenta que o banco estatal de fomento fará empréstimos em condições de mercado, o que não configuraria uso de verba pública.

Mas, desse montante, só R$ 175 milhões devem ser tomados por entidades privadas -R$ 25 milhões pelo Atlético- -PR e R$ 150 milhões pelo São Paulo. O resto, ou quase tudo, será levantado pelos governos estaduais, que falharam na tentativa de angariar parceiros privados para as obras.

Além do dinheiro do BNDES, os Estados ainda preveem investir, com recursos próprios, quase R$ 1,6 bilhão nas arenas. O governo de Brasília, por exemplo, promete bancar com dinheiro do seu orçamento R$ 345 milhões dos R$ 745 milhões que vai custar o novo Mané Garrincha, o mais caro de todos os estádios do Mundial.

Em 2007, quando o país ganhou o direito de abrigar a Copa pela segunda vez, a CBF, responsável pela candidatura brasileira na Fifa, estimava que o país gastaria pouco menos de R$ 2 bilhões com estádios. Ou seja: a estimativa atual já é 167% maior do que a original.

O fato de os cofres públicos assumirem quase toda a conta dos estádios vai na contramão do que Ricardo Teixeira discursava até ano passado. Em maio, por exemplo, a CBF divulgou comunicado, assinado por ele, em que o cartola era categórico na defesa de verbas privadas.

“A Copa do Mundo será melhor quanto menos dinheiro público for investido. Essa equação é que norteia o projeto desde o início. Ao governo, em todos os seus níveis, caberá os gastos com obras que lhe dizem respeito. O investimento maior terá de vir da iniciativa privada”, escreveu o cartola.

Os mais de R$ 5 bilhões que o Brasil pretende gastar com estádios ficam acima do despendido pela África do Sul nas arenas da Copa-2010. A projeção de investimento dos sul-africanos é de R$ 3,9 bilhões. São dois estádios a menos que o Brasil, mas alguns dos projetos são arquitetonicamente mais ousados que os brasileiros, como o do Soccer City, em Johannesburgo, e os das arenas da Cidade do Cabo e de Durban.

Os organizadores do Mundial brasileiro querem que as obras de todos os estádios comecem em março, mas nem todas as sedes cumprirão o prazo.

Facebook Comments
Advertisements

14 comentários sobre “Governo e CBF mentiram novamente

  1. Marco Aurélio

    VAMOS LÁ, EU COMEÇO !

    Morumbi não !!

    Dinheiro público em obra particular!!

    Foi construido com nosso dinheiro e agora vão reformar !!

    Time safado!!

    Dirigente corruptos!!

    Jd Leonor!!

    Ano da Fundação !!

    Já faliram!!

    Segunda divisão em 1991!

    Virada de mesa!!

    Richarlisson !!

    Penalt não marcado no João Paulo em 1986!!

    Não expulsão do Chicão em 1977!!

    Gol de mão do Leivinha!!

    Impedimento do Borges em 2008!

    Mudança do Jogo de Goias para Brasilia!!

    SEGUE A LADAINHA DOS RECALCADOS….

  2. Thor-Palmeirense

    vou adiantar aqui os nome dos componentes da tropa de choque do nosso popular presidente, é só gente fina:Rumero Jucá, Wellington Salgado,Sarney,Collor,Renan,Almeida Lima,Genoino,etc.

    E a mais fina flor da moral,da ética,da honestidade.Isso sem falar na tropa dos bastidores tentando calar a imprensa sem jabá,TCU,Ministério Pública,enfim todos que falam a verdade.

    É, porque a mentira é a palavra de ordem deste popular governo, onde a classe média paga uma das mais altas cargas tributária do mundo com retorno zero em serviços públicos:Justiça,saúde,segurança,educação,enfim o básico numa sociedade civilizada.

    Os aloprados chamam isso de demacracia.Democracia sim, pra quem faz parte da panela,tem uma ONGzinha,membro do MST,da CUT,enfim dos que batem palmas e dizem amém.É, minha gente, logo logo seremos uma Venezuela,um Irã,uma Cuba…Pois é, o nosso presidente diz que lá existe democracia. Quê lindo!

  3. João Flávio

    Então o BNDES vai emprestar para os governos estaduais. Duvido que a dívida vai ser paga. Depois vem mais uma mutreta para oficializar o calote.

    E tanto governadores aliados do Lula quanto opositores vão receber dinheiro. Mas é claro, nenhum teve peito (leia-se interesse) para ser contrário à realização da Copa no Brasil e contrariar os financiadores de campanha que enchem os bolsos nessas farras.

    E tem gente que briga para defender governo ou oposição como se não fossem farinha do mesmo saco!

  4. João Flávio

    Realmente Marco Aurélio, expulsar o Chicão em 77 só porque ele quebrou a perna do adversário caído no chão seria um absurdo.

    Sem falar na mutreta para tirar o Reinaldo da final.

    Esse São Paulo é mesmo um perseguido injustiçado!

  5. Máfia Bambi

    Faltou citar os mais de 20 atletas do Bertolucci nas bases do SPFW desde 2006, esgoto a céu aberto não ligado à rede da Sabesp, conchavos com políticos influentes para evitar a construção de uma arena moderna em São Paulo para a Copa 2014 (e assim a cidade perdendo a abertura da Copa), usurpação da sede do Germânia, dinheiro de presente da FPF para consertar os amortecedores do Panetone, falta de desfibrilador e morte de jogador em pleno jogo, ingressos para o show da Madonna ao árbitro, gols impedidos em seis partidas seguidas, esburacar o próprio gramado para evitar confronto entre Corinthians e Palmeiras no Panetone, Barueri sacar seu goleiro e seu artilheiro de partida decisiva (e depois o SPFW contratar 3 jogadores do Barueri e jogar na Arena Barueri em vez de no Pacaembu), aliciamento de jogadores (vide Dagoberto, Josué, Aloísio, Guiñazu, Fernandão etc.), destruição da avenida Paulista em comemoração de título em 2005.

  6. Fábio Barbano

    Concordo. Oposição e situação é só ceninha. São todos iguais, e totalmente unidos quando é do interesse deles.

    Sobre a grana dos governos estaduais, pagando o empréstimo ou não, é dinheiro público indo para o ralo.

    Parece que só o Beira Rio, o Morumbi e a Arena da Baixada não sofrerão com isso (já que aí o dinheiro do empréstimo do BNDES será pago pelos clubes, não pelo governo do Estado).

  7. Fábio Barbano

    E alguém acreditava nessas historinhas de setor privado bancando construção de estádio em cidades que não possuem nem time de futebol decente?

    Só alguém muito sem-noção investiria 500 milhões em um elefante branco. Um investimento desses teria que dar um retorno anual de no mínimo 50 milhões (10%) para ser viável. Menos que isso é mais negócio aplicar a grana… Agora me digam, qual estádio no Brasil fatura isso por ano? Se em São Paulo e no Rio nenhum estádio fatura isso, como esperar que um estádio em Cuiabá, Natal, Manaus, Brasília e outras cidades que nem time tem vá faturar? Com shows? Bah, a maioria dos grandes shows internacionais fica restrita a Rio e SP. Tava na cara que ninguém investiria nesses elefantes brancos!

  8. Jônei, Um Justo

    *** Mensagem a Fernando e outros populares ***

    Agradeço por V.Sa. afirmar que meu jeito de escrever assemelha-se ao de Andrade Neto, meu mentor. Confesso que me espelho em seu estilo e genialidade, entretanto deles ainda estou a anos-luz de distância.

    Quer dizer que agora todos que escrevem um português escorreito seriam identidades forjadas de Andrade Neto?

    Siga em frente e me confunda com meu mentor; é uma prova incontestável que estou na senda correta.

    Tenho pena de todos os não-Andrade-Netos que tropeçam no idioma e no raciocínio.

    Sua mente de estreito alcance deve oxalá acreditar que todos os ganhadores do prêmio Nobel, assim como todos os imortais da ABL, são pseudônimos de Andrade Neto, o maior escritor-fantasma do planeta.

    Deleite-se com seu fardo diário de feno, aprenda a pensar e volte aqui quando aprender a interpretar estilos literários.

    Assina

    JÔNEI, UM JUSTO (único e insubstituível aprendiz de A. Neto)

  9. Renato

    A CANDIDATURA MORUMBI-2014 FOI IMPOSTA DE MODO ARBITRÁRIO, CONTRARIANDO A OPINIÃO PÚBLICA PAULISTANA.

    TRATAVA-SE DE UMA ESCOLHA IRRACIONAL, DEVIDO AO ANACRONISMO DO ESTÁDIO SÃOPAULINO E AO LIMITADO GANHO QUE TRARIA PARA A CIDADE DE SÃO PAULO – A QUAL APRESENTA INÚMERAS CARÊNCIAS, INCLUSIVE UM NOVO ESTÁDIO, DENTRE OUTRAS MUITO MAIS GRAVES.

    OS PARTIDÁRIOS DA CANDIDATURA MORUMBI JUSTIFICARAM A ESCOLHA ABERRANTE COM O MOTE: “NÃO SERÁ GASTO DINHEIRO PÚBLICO NO MORUMBI.” POR MAIS DUVIDOSA QUE FOSSE ESSA AFIRMATIVA, ELA ERA A ÚNICA TÁBUA DE SALVAÇÃO ARGUMENTATIVA DOS DEFENSORES DO MORUMBI.

    MAS ERA INEVITÁVEL QUE A VERDADE VIESSE À TONA, E QUE DESMENTISSE O ÚNICO ARGUMENTO PRÓ-MORUMBI. ENTRETANTO, NÃO SE ESPERAVA QUE A REVELAÇÃO FOSSE TÃO CHOCANTE:

    “São Paulo será o estado com maior montante a ser aplicado: R$ 3,4 bilhões. Apenas as obras do monotrilho “Linha Ouro”, pagas com recursos dos governos estadual e municipal, além de financiamento da CEF, custarão quase R$ 2,9 bilhões. A reforma do Morumbi, que será realizada com recursos do São Paulo Futebol Clube, está orçada em R$ 240 milhões.”
    http://contasabertas.uol.com.br/WebSite/Noticias/DetalheNoticias.aspx?Id=17

    – Reforma do estádio do Morumbi: R$ 240 milhões (a maior parte, financiado pelo BNDES).
    – Urbanização do entorno do Morumbi: R$ 315 milhões (erários municipal e estadual).
    – Construção do Monotrilho – Linha Ouro: R$ 2,860 bilhões (erários estadual e municipal).
    http://contasabertas.uol.com.br/website/noticias/arquivos/17_Matriz%20de%20Responsabilidades.pdf

    SÃO PAULO SERÁ A CIDADE-SEDE QUE GASTARÁ MAIS PARA RECEBER A COPA-2014.

    ESPECIFICAMENTE NO MORUMBI SERÃO GASTOS, SEGUNDO ESTIMATIVA APENAS PRELIMINAR, MAIS DE MEIO BILHÃO DE REAIS, MAJORITARIAMENTE DE RECURSOS PÚBLICOS (É IMPORTANTE TER SEMPRE EM MENTE QUE O MORUMBI É UM ESTÁDIO PARTICULAR, DO SPFC).

    A GRANDE OBRA QUE MARCARÁ A REALIZAÇÃO DA COPA DO MUNDO DE 2014 EM SÃO PAULO, AO CUSTO ESTIMADO PRELIMINARMENTE DE QUASE 3 BILHÕES, SERÁ O MONOTRILHO – LINHA OURO. LIGANDO, É DE SE PASMAR, O AEROPORTO DE CONGONHAS AO MORUMBI!

    A CIDADE DE SÃO PAULO ESTÁ PARANDO. ESTÁ SE DESMANCHANDO. AS PESSOAS EM SÃO PAULO ESTÃO SE ESTRESSANDO, ESTÃO SOFRENDO, ESTÃO ADOECENDO, ESTÃO MORRENDO. TUDO ISSO POR PROBLEMAS DE INFRAESTRUTURA.

    PORTANTO, NÃO É JUSTO, NÃO É RACIONAL, NÃO É MORAL, DESPERDIÇAR A REALIZAÇÃO DE UM EVENTO RARO E DE IMPORTÂNCIA INCOMPARÁVEL, COMO A COPA DO MUNDO, COM TODA GRANDIOSA MOBILIZAÇÃO DE ESFORÇOS E RECURSOS QUE PROPORCIONA, PARA PRODUZIR BENEFÍCIOS TÃO RESTRITOS; PRATICAMENTE, PARTICULARES, EM FAVOR DO SPFC.

    A COPA DO MUNDO É UMA FESTA POPULAR. A COPA DO MUNDO NÃO PODE SER A FESTA PARTICULAR DO SPFC.

    A COPA DO MUNDO DEVE DEIXAR UM LEGADO MATERIAL PARA O POVO PAULISTANO. A COPA DO MUNDO NÃO DEVE SERVIR APENAS PARA VALORIZAR O PATRIMÔNIO PARTICULAR DO SPFC.

  10. Márcio

    Quando contrariodo, o pessoal do Jd. Leonor reage como os meninos mimados, protegidinhos tradicionais do poder público, que são: fazem xilique, apelam, querem agredir…

  11. Afânio

    Tá aí o resultado! Espero que aqueles que comemoram a Copa do Mundo no Brasil não chorem pela falta de escolas, hospitais, cento de saúde próximos às suas casas para que seus entes queridos sejam atendidos decentemente pelo Estado. Além disso, quero perguntar: 5 bilhõe?!?!?!? Se essa é a previsão inicial, pode apostar que essas obras não saem por menos de 20 bilhões, vide o “laboratório” que foram os Jogos Panamericanos. Tudo business e nós, trouxas, e que vamos pagar a conta.

  12. Afânio

    O mais engraçado é como um post importante como este, já que trata de gasto público, tenha tão poucos comentários. Depois, nós, brasileiros, reclamamos do “Panetone Arruda”, “Meia-na-cueca” e outras atrocidades. Não adianta ficar reclamando na mesa de boteco para se mostrar de valente para os amigos e amigas, é preciso lutar para que o dinheiro público seja bem empregado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: