Advertisements

Morumbi respira com dificuldades

O São Paulo entrou na fase do desespero em relação à situação do Morumbi ser um das sedes do Mundial.

O Secretário Geral da FIFA disse, na ultima semana, que não há condições do clube receber as principais partidas.

Na ultima semana o diretor de Marketing do clube, aquele que trabalha para Edir Macedo, admitiu que o Tricolor não tinha projeto de reforma, e que, na verdade, planejava fazer um “puxadinho”.

A FIFA, evidentemente, não embarcou nessa.

O projeto de Ruy Ohtake era realmente ruim, e nem no DVD funcionava direito.

Um apanhado de idéias irrealizáveis, que contavam com a benevolência publica para sair do papel.

A luta do Tricolor, no momento, é para manter o Estádio como sede, mesmo que seja apenas para partidas menores.

Se possível, articula para receber uma das semi-finais.

Uma coisa é certa.

Se a cidade de São Paulo, uma das maiores do mundo, ficar restrita a partidas sem expressão no torneio, o vexame será irreparável.

Advertisements

Facebook Comments

185 comentários em “Morumbi respira com dificuldades”

  1. Talvez se você fosse um jornalista mais sério e menos tendencioso, já teria tentado uma entrevista com Juvenal Juvêncio (tal qual como fez o jornalista Marcello Lima da JP) e quem sabe teria visto o novo projeto que realmente, nada tem a ver com o projeto péssimo e antigo de Ruy Ohtake.

    Paulinho: Marcello Lima, o são paulino ? Ah ! Tá…

  2. Cara você precisa se convencer que se sair o Morumbi, a cidade de São Paulo não vai ser sede da Copa, pois não existe terreno para fazer outra arena. Não é a toa, que a dona FIFA já avisou que pode tirar duas sedes das escolhidas. Este vai ser o troco do vingativo Ricardo Teixeira, no Juvenal Juvêncio e no presidente Lula, que o ridicularizou em público. Você já se esqueceu o que o Lula disse, em alto e bom som, ao visitar o Morumbi uns tres meses atrás: “Ô Orlando (Silva = ministro dos esportes) fala para o Ricardo Teixeira parar de falar merda, pois a copa vai ser aqui no Morumbi”. Agora se ele tirar São Paulo (a cidade) fora. morre a Copa. Aposto com quem quiser, pois se o Lula vai ficar puto com esta atitude, imagine o Serra, que pode ser o próximo. Se fecharem as torneiras o RT dança.

  3. Pois é. O Ruim Otake possui cérebro de cervídeo. Jamais faria algo bom para as moças da vila Sônia.

  4. Acabou de ser noticiado na CBN que se não der certo para a Copa do Mundo o Morumbi está tentando sediar ao menos a próxima xxxxxxxx, ou então a Copa do Mundo de Cabeleireiros.

    Brincadeiras a parte, uma coisa é certa. Foi só alguém de fora (ou seja, imparcial, sem rabo preso com a diretoria do SPFW, como sói acontece com a imprensa esportiva) conhecer as instalações do Morumbi para confirmar o que eu e tantos outros que já foram naquele fim de mundo já sabemos há muito tempo. O Morumbi é baita elefante branco, um monte de concreto, sem condição de abrigar nem mesmo a Copa do Mundo de Cabeleireiros. E não adianta espernear xxxxx. Quem tem o mínimo de noção sabe o que eu estou falando. É ou não é Paulinho?

  5. Deixando o clubismo de lado e sendo isento,

    Esse caso do Morumbi pode servir de lição para muitos não só para o SPFC.
    A soberba deste clube foi tamanha que ele pensou ser “auto-suficiente”. Auto-suficiência neste caso não siginifica se um clube fecha sempre no azul, mas o que quero dizer é que NENHUM clube consegue sobreviver sozinho sem apoio dos ditos “rivais”.
    Além de suas deficiências, o Morumbi claramente sofreu e sofre uma baita má vontade de nós os não-são-paulinos e porque?
    Por que essa diretoria atual do SPFC nunca evitou atritos com os demais clube, agiu sempre pensando que o SPFC estava muito acima do futebol brasileiro. Em muitos casos, sim, o SPFC pode ser considerado um “caolho em terra de cegos”, mesmo assim não é por causa disto que este clube poderia se dar ao luxo de achar que não precisa dos outros clubes para nada.

  6. Um fato não tem relação com o outro, pois, por enquanto, o único estádio que foi apresentado para ser a sede paulista é o Morumbi.

  7. Como essa diretoria do spfc é insuportável, não? O estadio não tem a mínima condição. Desistam! Vamos construir um outro para todos os clubes, inclusive o spfc, que poderá jogar lá se quiser, oras!

  8. Paulinho, você está ficando repetitivo, assim como o Citadini! Gostaria de ver uma matéria sua sobre as outras cidades e os seus “estádios” – em que situação se encontram e o que precisa ser feito…..Você só fala do Morumbi!
    Do jeito que você crítica a tudo e a todos parece que este seu mundo que vislubra tudo e todos tem de ser perfeitos ou de primeiro mundo! Vai com calma…..

  9. A mesma que as obras começariam no final de 2008?

    Se não cumprem nem a data de início, vão cumprir a data de término… tá bom.

    Nem sairá do papel \o/

  10. o seu manezinho, por que vc nao lê a coluna do PVC sobre o Morumbi e a copa,? Vc o admira tanto, quando lhe convem. Para de criticar o Morumbi e seus projetos seu zica brava! Por acaso vc já construiu alguma coisa? É engenheiro? O que vc entende de projetos?Ao invéz de só criticar, por que não propõe alguma coisa?

  11. Sinceramente este assunto ja deu no s***. Fora que suas fontes são contra o Morumbi, voce fala a diretoria do SP desmente e nós ficamos como um idiota sem saber em qual mentira acreditar.

    Paulinho: Os FATOS demosntram quem está falando a verdade

  12. É IMPRESSIONANTE O NÍVEL DE IMBECILIDADE DE ALGUNS AQUI. POR QUE O ÍNTEGRO PAULINHO NOTICIA DE FORMA NEUTRA QUE O MORUMBI AGONIZA, ACUSAM-NO DE “FAZER CAMPANHA CONTRA”… QUEM FEZ CAMPANHA CONTRA FOI ESSE DIRETOR DE MARKETING, FOI A INCOMPETÊNCIA DA DIRETORIA QUE EMBARCOU EM UMA FURADA SEM TER DINHEIRO E CONDIÇÕES, FOI O GOVERNO ESTADUAL E MUNICIPAL… ESSES SIM FIZERAM CAMPANHA CONTRA. ABRAM OS OLHOS! DEIXEM DE SER MASSAS DE MANOBRA! ANDRADE NETO, CIDADÃO, EX-TORCEDOR E PALADINO DA MORAL, DA HONRA E DA JUSTIÇA.

  13. Eu qero te encontrar no Morumbi e rir da sua cara gorda qdo o maior e melhor estádio de SP fizer a partida de abertura da COPA… mas vejo que o seu discurso já está mudando… vc já está admitindo jogos no templo tricolor do futebol…

  14. Ah, que isso elas estão descontroladas….
    Ah, que isso elas estão descontroladas….
    Ah, que isso elas estão descontroladas….

  15. Paulinho,

    Não embarque nessa, fazendo eco a estas notícias parciais. Todo este problema envolvendo a Copa 2014, a cidade de São Paulo e o Morumbi é político e não técnico. É evidente que qq estádio da cidade poderia receber a abertura, basta se adequar às exigências da FIFA. O problema é que outras cidades pleiteiam esta abertura. E aí é mais fácil detonar os outros do que construir algo. Faz parte da história da humanidade e da natureza do ser humano.

  16. Paulinho então qual é a solução? o BNDS não vai financiar o São Paulo, o clube não conseguiu junto a iniciativa privada investidores, o governo federal ao que parece não esta nem ai para os problemas do São Paulo,é a reforma do estádio , o Governo do Estado já afirmou que não vai colocar um centavo se quer, repito Qual a solução?

  17. O São Paulo está desesperado para a escolha do seu estádio para sediar jogos da Copa.
    Ao meu ver, o retorno que o São Paulo terá expondo sua Marca será fantástico e espero para o bem do São Paulo que isto venha acontecer. Prq se a opção para o Estado de São Paulo seja pela construção de um novo estádio, acredito que o Morumbi somente com o uso do São Paulo e para shows, será um gigante que aos poucos irá morrer.

  18. O Ruy Ohtake é um arquiteto renomado internacionalmente, é uma referência na sua profissão. Formou-se na FAU e ñ em faculdadezinha q funciona d favor dentro da Unicamp…

    Ñ é pq ele tirou um sarro dos vampetianos q agora é ruim!

    Paulinho confirma aí, mas acho q o Casares ñ é mais diretor d MKT do SP parece q é o Adaílton s ñ m engano (s ñ m engano!). Acho q o Casares ta c/ outra função lá.

    é legal, hein? s escreveu “…aquele que trabalha para Edir Macedo…”

    Pq nunca escreveu sobre o “honestíssimo” Babylluzzo:

    aqle q trabalha p J. Hawilla

    aqle q trabalha p Lulla

    aqle q trabalhou p Sarney

    aqle q trabalhou p Quércia

    Pow!

    ps: a questão ñ é o projeto do SP p reformar o Morumbi, a questão é pura e simplesmente política!

  19. Ninguém botava fé, quando no início dos anos 50, São Paulinos visionários começaram a erguer o Morumbi.

    Na época, foi a mesma ladainha de todos os lados: o clube não conseguiria erguer o estádio, o local era muito longe da “cidade”, o local era um pântano e a “imprensa” malhando sem dó. Implicaram até com um pinheiro, que ficou bem no meio do canteiro das obras. A “imprensa” da época dizia que o pinheiro era o símbolo da incompetência da diretoria do São Paulo, já que atrapalhava o andamento das obras, que a árvore já deveria ter sido derrubada etc. Na verdade, o motivo da arvore ter sido preservada é que havia um ninho de passarinhos, o presidente deteminou que a árvore só fosse derrubada com a saída dos filhotes…

    Bem, o bom de agora é que vivemos na época da informação digital, a informação está disponível na rede, para qualquer um acessar.

    Digo isso porque será bem legal guardar todos esses textos dos “jornalistas” de agora, para ler quando o estádio estiver reformado em 2014.

  20. A luta do Tricolor, no momento, é para manter o Estádio como sede, mesmo que seja apenas para partidas menores.

    A luta sempre foi essa. E como sede “convencional”, o panetone não precisa de cobertura, estacionamento gigante e toda essa papagaiada que a FIFA diz que exige (mas não exige).

    Essa de sede da abertura foi pra atrair investidores. Ricardo Teixeira, Serra, Lula, Kassab e Usurpador sempre souberam que a CBF possui sede no Rio de Janeiro e que Brasília é de onde virá a grana. Embora queiram transmitir o contrário, nunca se cogitou que São Paulo seria a sede da abertura da Copa.

    E não acho vergonha nenhuma a cidade de São Paulo não sediar nenhum jogo importante. Pra mim poderiam fazer os jogos no panetone do jeito que ele se encontra atualmente. Esse negócio de “São Paulo merece um estádio à altura da grandeza da cidade” é pra mim um péssimo clichê.

  21. O primeiro projeto que o São Paulo apresentou à FIFA era ridículo.
    A diretoria do São Paulo foi mal nessa, pois, acharam que com uma simples “maquiagem” iriam ter o projeto aprovado.
    Agora, o novo projeto enviado, é espetacular. Finalmente entenderam o que deveria ser feito.

    O maior problema que o São Paulo enfrenta agora é político. O projeto atende à todas as exigências da FIFA.

    Se os honestíssimos Ricardo Teixeira e Jerome Valcke não resolverem aprontar nenhuma, o Morumbi será estádio da Copa. Agora, se será palco da abertura, já é outra história. Nisso aí tem muitos interesses envolvidos. Quem pagar mais, leva. Vamos ser se São Paulo vai querer entrar nessa briga.

  22. Os fatos reais são que NINGUÉM,NENHUM ESTÁDIO ATÉ AGORA
    MEXEU UMA PALHA PRA COPA DO MUNDO.

    E o blog,faz campanha,SIM,contra o Morumbi,acreditando ate nesse tal
    cara da Fifa que ja fez tramóias e inexplicavelmente voltou pra fifa.

    Há muitas maneiras de dizer a verdade.

  23. O juka kfouri falou semana passada sobre isso e passou batido aqui no blog
    inclusive desmascarando esse tal de secretario da fifa,e olha que ele não é são paulino heim…..

  24. Eu como saopaulino torço para que o SP nao seja a sede de nada. Pra que se endividar, deixar de contratar bons jogadores por causa de meia duzia de jogos? Depois vao largar a bomba ($$$) pro SP pagar.
    A sede que seja la no “xxxxxxxx” – Arena Ultragaz !

  25. Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui!

  26. Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui!

  27. Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui!

  28. Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui!

  29. Podem me corrigir se eu estiver errado, daqui a cerca de 9 meses teremos uma copa na África?.. ou estou enganado….? ah bom , tudo bem então!

  30. Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui Ui!

  31. Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui Ui!

  32. Ui! Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui!

  33. Ui! Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

  34. Ui Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

  35. Ui! Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

  36. A África do Sul tem todas as condições de sediar uma copa! tinha a 5 anos atras, tinha a um ano atrás e tem hoje faltando cerca de 9 meses para o inicio da copa, OK!

  37. Possibilidade de ser heptacampeão e com o estádio na Copa? Os outros não se aguentam de ciúme mesmo…

  38. Ui! Ui! Ui Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

  39. Ui! Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui Ui! Ui!

  40. Ui! Ui! Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui Ui!

  41. Saindo ou não do papel, é a melhor proposta até agora, pois todas as outras propostas são com dinheiro publico, uma vergonha!!!. SP + bndes ou estadio novo pro curincha…

  42. Gozado, falam tanto do Morumbi, e as outras sedes? pelo jeito esta tudo uma maravilha, todos os projetos já começaram, Natal já escolheu terreno e o Maraca possui espaço para estacionamento e várias vias para escoamento. Isso tudo é lobby para construir um estádio com dinheiro público (e fazerem a festa já conhecida) e depois doarem a times sem estadio. Claro q o Morumbi tem problemas, mas e os outros?

  43. As tricoletes insistem em olhar somente nesse tal de Marcello Lima kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  44. vexatorio mesmo, esse é problema de termos apenas um time grande na cidade, novamente o sao paulo sozinho se esforça pra manter o nome da cidade em alta, o sao paulo carrega a cidade nas costas, pq se depender do guarani da pompeia, com aquele campo (estadio é só mais de 40 mil) e do braga do tatuape que nao tem nem titulos direito qto mais estadio a cidade seria motivo de chacota por ai

  45. Para um ex-torcedor até que você se incomoda bastante com o meio do futebol. Por que não veste sua roupa de super-herói e vai combater o mal? Oh, grande paladino da moral, da honra e da justiça!

  46. O Marcello Lima também não é são-paulino. O time dele é Jornalismo Futebol Clube. Pena que alguns não entendem isso. Será que é inveja?

    Paulinho: Ah ! Ta…

  47. Pergunta aos cervídeos:

    – Por que vocês do SPFC estão tão desesperados em sediar um jogo da Copa no Morumbi?

    Se a questão é apenas reformar com verba própria (como o SPFC diz que vai fazer), isso pode ser feito independente de ter Copa ou não. Por que esse desespero, então?

    Ou… seria porque pegando o “bonde da Copa” vcs conseguem mais uma vez pegar um dinheirinho público (como sempre fizeram ao longo da história) para reformar o seu estádio privadão, ops, digo, privado… será?

    Bom… p/ quem já construiu um estádio em parceria com nós contribuintes em um terreno “doado” pelo Estado através da dona Leonor de Barros, esposa do “rouba mas faz” Adhemar de Barros, tudo normal…
    Ou, p/ quem já tentou fechar o grande Palestra nos anos 40 p/ tentar surrupiar nosso estádio, ou p/ quem fez o que fez com o Germânia, “tomando” na mão grande o Canindé, tudo é possível!

    Óbvio que os torcedores efêmeros e voláteis não sabem do que estou falando, pois trata-se de uma torcida sem identidade e sem história, não sabem nem a data de fundação do clube.

    É isso aí, tentem aproveitar mais essa “boquinha”: um dinheirinho público é sempre bom, né?

  48. E vcs que insistem na merda da Arena Ultragaz que nunca, ouviu nunca sairá do papel, pois o próprio Paulinho disse em outras oportunidades que o mesmo não tem credibilidade, fora as falcatruas no qual ja se envolveu.

    Resumindo: Sonhem timinho verde q so ganha titulo vendendo a alma do clube para parceiros.

  49. Paulinho, santa ambiguidade.

    Você é ou não a favor da Copa.

    Se é contra, não teria vexame nenhum, não é mesmo?

    Paulinho: Sou contra a Copa, a favor do Morumbi, desde que seja utilizado dinheiro privado

  50. hahahaha…..prefere acreditar no Citadini, aquele mesmo que a muito tempo atras disse que o Gil era melhor que o Kaká.
    hahahahahahahahahahahahahahahahahahahahaha hahahahahahahhahahahahaha….olha que é o Gil e quem é o Kaká hj…claro dentro de campo, pois fora dele os dois deixam a desejar, um foi preso e o outro é pastor.

  51. Qual a diferença entre Morumbi e Mineirão?!

    Só se o presidente for o Aécio Neves…se for o Serra será em SP.

  52. É, mas o cara de maracujá azedo foi lá pedir de joelhos pra ele fazer um projeto pro CT do curintia né???

  53. Rafael, a copa será no Morumbi.

    São Paulo não precisa e não comporta outro estádio, além dos que já existem. O Pacaembú dá PREJUÍZO, mesmo com o seu timeco jogando lá.

    Todo o resto é politicagem.

  54. Não sabia que você gostava de funk.

    Deve adorar ficar remexendo seu rabicó parafuso no meio do salão né, PIGGY?

  55. “Marcello Lima, o são paulino ? Ah ! Tá…”

    Bem, se for assim, digo :

    Paulinho, o corintiano ? Ah ! Tá …

  56. Alexandre,

    O Casares nunca foi Diretor de marketing. Ele é Vice-Presidente de Marketing e o Adalberto Baptista, que por sinal é um ótimo profissional, já há algum tempo é o Diretor de marketing.

    E que barato. Antes o Paulinho escrevia que o Morumbi não seria sede de nada, agora já coloca o Morumbi como sede de “jogos menores”.

    Caro Paulinho, não existem “jogos menores” em uma Copa do Mundo, ainda mais que não se sabe as Seleções classificadas para o Mundial de 2014 e em que cidade cada uma delas irá atuar.

    Quanto ao Marcello Lima, é um profissional qualificadíssimo. Todos os jornalistas torcem por algum time, mas são poucos os que divulgam suas paixões. Particularmente prefiro os que divulgam suas paixões, como acontece com o Marcello, com você, com o Juca, com o PVC, com o Mauro Beting, entre alguns outros. E normalmente o Marcello ouve as suas fontes, o que seria interessante você começar a fazer, até pq anda frequentando o Morumbi nos jogos.

  57. Paulinho,

    Poque você desmerece o Marcello Lima ?
    A opinião do cara por ser sãopaulino não tem credibilidade ?
    Se é assim amigão… Você é corintiano…
    Qual a credibilidade de um corintiano falando do São Paulo F.C ?

    O Marcello Lima tem uma grande história no rádio e jornalismo. Não tire o mérito das informações das pessoas somente pela fato do time que as mesmas torcem.

    Paulinho: O problema não é o time que se torce, mas defender, mesmo quando está errado…

  58. O Marcello Lima também não é são-paulino. O time dele é Jornalismo Futebol Clube.

    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…
    Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Sem mais…

  59. Nao tem vexame nenhum. Vexame seria utilizar o dinheiro publico para melhorar o estadio. Se a iniciativa privada nao pretende investir no Morumbi, nao ha vexame algum.

  60. Pronto uma ostra virtual(sem cérebro) se metendo no estádio dos outros

    sempre com o mesmo discurso ridiculo das ostras.

  61. Acompanho Copas com atenção desde 1966 (pela TV desde 1970) e nunca vi a marca de um clube aparecer no estádio. Vocês acham mesmo que o escudo do São Paulo estará no gramado durante a Copa? Já notaram que as sedes são anunciadas nas tabelas com o nome da cidade e não o nome do estádio?

  62. “Na ultima semana o diretor de Marketing do clube, aquele que trabalha para Edir Macedo, admitiu que o Tricolor não tinha projeto de reforma, e que, na verdade, planejava fazer um ‘puxadinho'”.

    E o pior é que é verdade… Mas… acho que não vai levar a lugar nenhum ficar especulando. O assunto se presta a uma ‘guerra de torcidas’ tosca, em que poucos opinam com a razão, a maioria simplesmente torce pra que seu clube se dê bem ou para que o rival se dê mal, sem se importar muito com a ética ou com a maneira como as coisas serão feitas.

    Na minha ótica, mesmo sendo ruim o Panetone será escolhido pra Copa sim. E é preciso ser muito ingênuo ou sem-vergonha pra falar que não vai rolar dinheiro público nessa história. Assim como nas outras sedes também. É a Copa do Brasil, é a Copa de RT. O pessoal quer o quê?

  63. O curioso foi que a torcida comprou a idéia que a diretoria vendeu que o primeiro projeto era maravilhoso, que o Ohtaque é genial, que há investidores; agora a mesma diretoria confessa que era só maquiagem, contrata outro escritório de engenharia e não apresenta investidores.

  64. Que fatos? Os da turma do RT, Andrés Sanches, Marco Polo del Nero, Vicente Candido, Boris Berezoviski etc, etc, etc.

  65. Se o futebol é um patrimonio nacional fica fácil decidir.
    Se o dinheiro não for gasto com um estádio novo ele vai ser gasto com outra coisa e as falcatruas serão as mesmas.Os governos , estadual e federal, tem sim q construir um estadio novo em São Paulo , o estado comporta e precisa.Se este estadio depois tiver q ser entregue ao corinthians para mante-lo , tudo bem.O futebol é como o cinema , o teatro , os parques…é um direito cultural do povo do país do futebol.
    Patrocina-se filmes , peças de teatro , redes de tv e de radio , por que não incentivar o futebol da mesma forma?
    Alguem sabe me dizer qto as redes de tv devem para o governo federal, entre impostos atrasados e emprestimos impagáveis?
    Qdo o governo , seja ele federal , estadual ou municipal , faz uma propaganda no rádio e na tv alguem pergunta se tem superfaturamento?
    Os jornalistas , reporteres , apresentadores recebem dinheiro do governo de forma indireta e não falam nada sobre isso.
    O estado de São Paulo merece um estadio , não um simples estadio , o melhor estadio do país , somos o maior estado da união.

  66. Olha Paulinho, é difícil entrar em blogs sérios como o seu caso o do Juca e mesmo o do Neto (coincidentemente 3 corintianos e eu sãopaulino) e ver tanto desrespeito com matérias sérias, opiniões ponderadas, lúcidas e profissionais, com exceção ao Neto que gosta de uma polêmica, mas ainda ssim merece respeito. Ler textos de Paulinho e Juca e ler comentários que partem para o desrespeito (ou seria desespero???) é realmente muito frustrante, massss é assim mesmo, não é por isso que vocês pararão de escrever e; que bom !!! Todos reclamam do acesso ao Morumbi ser difícil, estão plenamente de acordo, a solução é bem fácil, desapropria-se uma área como Pça da República, Edifício Copan, Edifício Itália e adjacências e pronto!!! Ora, onde imaginam esses críticos que seria consntuído um estádio para algo em torno de 50.000 pessoas??? No centro???? Teria de ser am algum lugar isolado é claro!!! E, sendo isolado, não terá acesso fácil, caso contrário apresentaria os mesmos problemas do Morumbi. Será que estádios de outros estados (não vou citar quais para não ferir ninguém) têm melhores condições em termos de acomodação de imprensa e estacionamentos prontos??? Até agora não foi o Morumbi que sempre acomodou as principais partidas do melhor futebol desse país para 60 mil pessoas (chegou a ter mais de 100 mil) ??? Não vejo problema algum em ajustar o Morumbi para ser sede de jogos da Copa… chega de política para dizer que o Morumbi presta ou não presta, chega de Diretoria do SP contratar um técnico para fazer política com o todo poderoso MT (e que graças a Deus está dando certo)… vamos tratar a coisa com profissionalismo e isenção, neste momento não é o SPFC, é o estado de SP.

  67. A FIFA vai ter que diminuir as exigências.
    Também sou daqueles que acham que não dá para fazer uma Copa do Mundo igual à da Alemanha no Brasil.
    Se for permitido uma “Copa do Mundo à brasileira”, Ok o Morumbi após reformas e adequações dará conta do recado, caso contrário não.

  68. Correta analise, tb acho que a copa será no Morumbi, sendo abertura ou não, e que usará dinheiro publico….o q esta errado.

    Afinal de contas a copa é da CBF.

  69. Paulinho
    Saiu na Folha de domingo na coluna do PVC
    “O MORUMBI está na Copa do Mundo de 2014.
    Por mais que tenha existido pressão pela construção de uma nova arena, em São Paulo, e que as declarações do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, levem a pensar o inverso, o risco do Morumbi, hoje, não é ficar fora do Mundial. É perder o jogo de abertura.”
    Você concorda?

  70. Cara, se os políticos decidissem pelo que é mais razoável ao invés de fazer média em ano de véspera de eleições, o SPFC já teria arrumado os parceiros privados.

    O problema é que tem MUITA gente querendo um estádio novo aqui em sampa, para que possam se locupletar, mesmo que dê prejuízo pro estado futuramente, como dá o Pacaembú hoje.

  71. Que o Marcello é São Paulino e defende a diretoria não ha duvidas. Mas nesta você esta acreditando mais no Citadini do que no PVC, Birner e Juca K.

  72. Porque você não pergunta diretamente para o seu pai, aqui não tem cervideo nenhum.
    No ultimo jogo entre SP e Palmeiras eu vi qual torcida era de cervideo.

  73. eu sei….

    Acontece que pode-se escolher a informação.
    Quando o paulinho poe a opinião do citadini
    e deixa a do juka de lado onde contem mais informção
    do que opinião sem base…ele escolheu qual verdade ele quer
    mostrar no blog,assim como qdo deixa de lado opiniões do
    PVC ou do Birner e acredita nesse secretário da fifa que não tem bons antecedentes ele está tomando uma posição.Certo?

  74. Ué…poderíamos sediar grandes “clássicos” mundiais como um Ba-Ba…
    Barbados X Bahrein, por exemplo, no Morumba…RSRSRSRSRSRS

  75. Só sendo muito tapado pra achar que a cidade de São Paulo precisa de outro estádio.

    Essa discussão é ridícula.

    A cidade não tem transporte decente, não tem leito de hospital pro povo, não tem escola de qualidade para as crianças, não tem segurança, as ruas todas são esburacadas, o trânsito é caótico, o metrô é bom mas insuficiente; e ainda assim o que o estado merece na verdade é um novo estádio, lindo, novinho em folha, padrão europeu, cadeira numerada com encosto de camurça, tudo para mostrarmos ao mundo como somos emergentes.

    Enquanto isso a maiora da população assistirá aos jogos pela televisão, porque não tem grana pra comprar ingresso, pois gastou tudo com escola particular dos filhos, plano de saúde, condomínio para se ter o mínimo de segurança, prestação e seguro do carro pra não ter que depender do transporte publico, milhares de reais em combustível por levar 2 horas para ir e duas para voltar do trabalho, etc, etc, etc.

    Nada pessoal João Carlos, mas lendo comentários como o seu eu sinto tristeza em ser brasileiro.

  76. Paulinho,

    O PVC é palmeirense…

    O Morumbi e a Copa (por PVC)

    Para entender o caso do estádio, é preciso conhecer o jogo político de governadores e do presidente da CBF

    O MORUMBI está na Copa do Mundo de 2014.

    Por mais que tenha existido pressão pela construção de uma nova arena, em São Paulo, e que as declarações do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, levem a pensar o inverso, o risco do Morumbi, hoje, não é ficar fora do Mundial. É perder o jogo de abertura.

    Isso está claro há meses e tem a ver, sim, com questões políticas. Se os governadores mais próximos de Ricardo Teixeira, José Roberto Arruda (DF) e Aécio Neves (MG), esforçam-se para viabilizar obras em seus estádios públicos, e se o governador José Serra (SP) não admite usar dinheiro do contribuinte para reformar ou construir estádio, evidentemente há um viés político.

    Diga-se, o mais correto dos governadores é Serra, embora este possa se dar ao luxo de não mexer nos cofres públicos, porque o estádio paulista é particular, diferentemente do Mineirão e do Mané Garrincha.
    O jogo de governadores é vital para entender o imbróglio do Morumbi. Não foi por acaso que Ricardo Teixeira também disse que sua maior preocupação é com os aeroportos, não com estádios. Digamos que tenha razão quem afirma que São Paulo não tem estádio para abrigar a partida inaugural. Brasília e Belo Horizonte não têm aeroportos.

    Para entender o jogo da Copa-14, é fundamental saber qual a função do dinheiro enviado pela Fifa. São US$ 470 milhões, como disse Ricardo Teixeira ao “Arena Sportv”, na quarta-feira. Quantia dedicada a obras que não deixarão legado.

    Um estádio novo ficará para o futebol brasileiro, seja público ou particular. Um aeroporto reformado permanecerá para uso da população. Um centro de imprensa, não.

    Se for preciso, por exemplo, comprar aparelho de raio-X para inspecionar quem entra e sai do centro de imprensa, esse investimento deve ser feito com dinheiro da Fifa. Se um governador apresentar esse tipo de gasto ao Tribunal de Contas, que devolva o dinheiro e cobre de quem administrou os US$ 470 milhões.
    “José Serra não põe dinheiro público nem sob tortura”, diz um dos membros da candidatura paulista. Isso aumenta a vocação de São Paulo para fazer uma das semifinais, como aconteceu na Alemanha com Dortmund, de estádio que lembra o Morumbi e que abrigou Itália x Alemanha, em 2006. Já pensou Brasil x Argentina numa semifinal, no Morumbi? É melhor essa perspectiva ou o jogo de abertura?

    Na quarta, Ricardo Teixeira assinou mais uma vez seu atestado de incompetência ao admitir que, em 20 anos de mandato, não fez o país ter um único estádio capaz de abrigar uma Copa. Seu risco, agora, é deixar como legado estádios que não serão usados pelo futebol brasileiro, depois do apito final de 2014.

    No Brasileirão-2015, vale mais um Morumbi digno do que uma Allianz Arena em Cuiabá. Em São Paulo, a Copa parece ser, mais do que em outros lugares, um meio de se atingir um fim, o de ter uma arena de alto nível, para jogos e shows, em 2014, 2015, 2016… Em Brasília, é mais provável ter um estádio para a abertura da Copa. Quando ela acabar, sem times de alto nível, o estádio será usado por equipes que lutam no bloco intermediário da Série B.

    Se isso se confirmar, será o fim.

    Por: Paulo Vinicius Coelho (PVC) pvc@uol.com.br

    Fonte: Coluna publicada no jornal Folha de São Paulo (13/09/2009)

  77. SR. GERALDO LINDA, SATURA-ME DEVERAS O SACO ESSE CLIMA DE QUE TUDO E TODOS ESTÃO CONTRA O TRICOLOR DO MORUMBI. PARECE COISA DE MENINOS MIMADOS QUE NÃO PODEM OUVIR UMA VERDADE SOBRE SEU TIMINHO. O PAULINHO JÁ DEMONSTROU QUE É UM TIME DE DIRETORIA FORMADA POR CORRUPTOS E LADRÕES, COMO TODOS OS OUTROS. ANDRADE NETO, CIDADÃO, EX-TORCEDOR E PALADINO DA HONRA, DA MORAL E DA JUSTIÇA.

  78. QUE BOBAGEM É ESSA DE QUE NÃO EXISTE TERRENO EM SÃO PAULO? EIS A MOOCA, REPLETA DE FÁBRICAS DESATIVADAS E COM UM BOM SISTEMA DE TRANSPORTES. EIS A BARRA FUNDA-LAPA, IDEM. EIS A ZONA LESTE PROFUNDA-ITAQUERA, IDEM. BRÁS, IDEM. SOMENTE O TERRENO DA ANTIGA AUTO-LATINA, POSICIONADO EM BAIXO DO VIADUTO PACHECO CHAVES ABRIGARIA TRÊS ESTÁDIOS DE GRANDE PORTE. TERRENO PARA A ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA OS HÁ DE MONTE, E PARA UM ESTÁDIO NÃO? ANDRADE NETO, CIDADÃO, EX-TORCEDOR E PALADINO DA HONRA, DA JUSTIÇA E DA MORAL.

  79. Tricolor Disse:
    Setembro 14, 2009 às 11:49 am

    UI UI UI…

    A vagabunda voltou.
    ===================================

    JA FOI FALAR OI PRA MAMÃE ??? AHAHAHAHA

  80. MENTIRA FELIPE !!!!!

    OS CERVIDEOS NÃO OLHAM SÓ O MARCELLO !!!!

    ELES TAMBEM OLHAM O KAKÁ, O VAMPETA, O RAÍ, …E O QUE MAIS SAIR NA G MAGAZINE.

  81. Grande merda SP não ser sede da Copa.

    Vc acha que vai conseguir ver algum jogo do Brasil ??? Fumou logo cedo ????

    Brasil não tem condição de sediar Copa, deixa de ser idiota.

  82. Vc sabe o que é Facista ? Mas responde sem olhar no google, porque um quadrupede que usa essa palavra assim nem sabe do que se trata, vai no embalo da Vagabunda chamada LINA.

  83. Por: Thiago Ferreira em 11/09/2009
    às 14:37

    São Paulo precisa de um novo estádio.

    A cidade de São Paulo, sem contar a área metropolitana, tem uma população que é maior que a soma das populações de Londres e de Buenos Aires.

    Pois bem:

    Londres possui 13 estádios com capacidade para mais de 20.000 pessoas.

    Buenos Aires possui 14 estádios com capacidade para mais de 20.000 pessoas.

    E São Paulo? A maior cidade do Hemisfério Sul, a mais importante do Brasil – país do futebol, possui 3 (três) estádios com capacidade para mais de 20.000 pessoas…

    Detalhe: esses 3 estádios – Morumbi, Pacaembu e Parque Antarctica – são anacrônicos, totalmente inadequados aos padrões determinados pela FIFA.

    É uma falácia dizer que “São Paulo já tem estádios demais…”

    Vamos ser claros: não se constrói um novo grande estádio em São Paulo porque a prefeitura e o governo do estado não querem.

    E não querem não é por questões técnicas. É por questões pessoais. Clubísticas. Pelo sãopaulinismo e, principalmente, pelo anticorinthianismo das pessoas com poder de decisão.

    Um novo grande estádio, fosse qual fosse o seu proprietário, teria como maior usuário o Corinthians, clube da maior torcida da cidade e do país, a qual hoje em dia tem que disputar os cerca de 15.000 ingressos de arquibancada e geral nos jogos do Pacaembu (as demais acomodações do estádio municipal são destinadas para “numeradas” e “cadeiras especiais”, cujos preços são inacessíveis para a maioria dos corinthianos).

    Com o novo grande estádio, e sem o Corinthians, o Pacaembu se transformaria em um elefante branco. Para satisfação dos moradores das cercanias, que já fazem do estádio e de seu conjunto esportivo uma academia particular, e que passariam a ter tudo isso de modo exclusivo par eles.

    Pior talvez seria a situação do Morumbi, ou melhor, do seu proprietário, o São Paulo. O Morumbi não se sustenta com a fria e frequentemente ausente torcida tricolor. Isso é reconhecido pelos próprios dirigentes tricolores, que dizem que a maior fonte de renda do estádio são shows como os de Madonna, Jonas Brothers, etc.

    Sem dúvida, um novo grande estádio paulistano atrairía os grandes shows para sí. Desse modo, o Morumbi estaria fadado à fechar suas portas; talvez, ser demolido e ter o seu terreno ocupado por algum supermercado ou grande templo religioso…

    Em suma, um novo estádio paulistano seria benéfico para a cidade em sí, para a grande maioria da população e para o Corinthians.

    Por outro lado, um novo estádio paulistano seria ruim para a proprietária do Pacaembu (a prefeitura) e para o proprietário do Morumbi (o São Paulo).

    Eis a real disputa que se desenrola por trás da mera definição da sede paulista da Copa – 2014.

  84. Já que vc é enrabado com o Trajano, lê o que o PVC escreveu a respeito…

    Vai se informar Paulinho!

    Tem dó!

  85. E mesmo sendo essa porcaria de estadio, que nao da lucro, um “elefante branco” como diriam os carcamanos ali da pompeia, dia 27 de novembro tem AC/DC no Morumbi… No minimo um milhao para a conta sem fazer força…. E ainda de quebra comemorando o tetra antecipadamente com um showzaço de rock and roll…. É amigo…. Palmeiras e Inter pegaram a “Highway to Hell” e o sofrimentosó acabará quando ouvirem “Hells Bells”…..
    ahahahahahah Caixao e vela preta pra todos!!!

  86. Mais uma grande bobagem do senhor Paulinho. Aliás, últimamente ele tem escrito inúmeras.

    O Morumbi já é sede da Copa e ponto. A dúvida é se será palco da abertura ou de uma das semis.

    Eu, particularmente, prefiro que seja o estádio da semi, pois será um jogo melhor. Mas, economicamente, sediar a abertura é mais interessante.

    A decisão é política e não técnica. BH e Brasília vão ajudar a CBF com dinheiro público, coisa que não vai acontecer em São Paulo. Decisão que sou contra, na minha opinião o governo estadual deveria investir mais na infra-estrutura nos arredores do estádio, como por exemplo, estacionamento. A Copa é de São Paulo e não do São Paulo. E, antes que me batam, esses investimentos não seriam benéficos apenas para o São Paulo. Se a prefeitura continuar com a administração do estacionamento, por exemplo, os investimentos poderão retornar à cidade, lembrando que o Morumbi reformado poderá receber muitos outros tipos de espetáculo.

    Enfim, o Morumbi está longe de ser o estádio dos sonhos, mas, tirando o Maracanã, todos os outros estão MUITO atrás.

  87. Ora, ora, os jornalistas corintianos fazem um tremendo esforço para justificar a construção de mais um estádio em Sampa, que obviamente deverá ser doado compulsoriamente ao final da Copa para o timinho da marginal sem número, criem vergonha na cara!

  88. Nas outras sedes não tem o Morumbi e nem São Paulo FC, fala que o São Paulo vai referomar o estádio do Guarani para ele, e que lá vai ser a Copa de 2014 em São Paulo.

  89. Pq vc não comenta que o Parque Ecológico é do Governo do estado, portanto público e está sendo construído um campo de treinamento (até pq ficar buscando bola em brejo é ridículo). O que é isso, vontade de ter um estádio???
    O Terreno do Morumbi realmente foi doado, o sampa teve méritos em construir, o corinthians teve uns 15 terrenos doados e não teve competência pra construir, um até tem uma pedra filosofal, pena que ela não joga.
    O pior foi ver o presidente do Corinthians com a cara lavada no programa mesa redonda dizendo que torce para o Morumbi….HA HA HA HA!
    Marcello Lima tem uma ótima indole, diferentemente dos seus protegidos Juca Kfouri e Kajuru.

  90. Reproduzo o texto do Sérgio:

    Ui! Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  91. Oi Paulinho, sou leitor deste blog e concordo em mutias coisas que você escreve. Sou tricolor e estou bem desanimado com esse rolo da Morumbi. Mas sinceramente discordo de você em relação à cidade de SP. Não vejo prejuizos enormes caso a mesma não receba nenhum jogo da Copa, pois irá continuar sendo uma das maiores cidades do mundo para se fazer negócios, já que turismo mesmo não é a praia dela. Um abraço.

  92. “Se a cidade de São Paulo, uma das maiores do mundo, ficar restrita a partidas sem expressão no torneio, o vexame será irreparável.”

    Outro dia vc defendia que SP não deveria ter nenhum jogo. Agora acha que isso é um vexame. Contraditório, não?

  93. E vc acredita que o morumbi foi feito pelos nobres são paulinos……deve acreditar em papai noel tbm neh…

  94. Hoje vi uma reportagem no Globoesporte mostrando os bares do Morumxxxx. Tudo muito legal! Problema: ficam atrás do gol e não se enxerga nada do outro lado do campo! Palhaçada total! Só podia ser xxxxxi mesmo! Viva o Fielzão!

  95. As aberturas e partidas importantes sempre foram em estadios novos, no Brasil não vai ser diferente….mas que vai ser mais uma mancha na ridícula “história” são paulina, ah vai…….mas para quem já fugiu de jogos de futebol, isso é fichinha………

  96. Quando ele fala mal do SCCP, ele é o cara, paladino da moral….agora ele é corintiano…..vai entender essa turma do jardim leonor… quando o são paulo foi fundando mesmo???

  97. Ai Paulinho eu adoro soltar a franga sabe…. dá um coceirinha no meu furico… mas é bom sabe, eu me sinto mais leve.

  98. Observador

    O São Paulo foi fundado bem depois do sccp mas já
    tem estádio,libertadores mundiais 6 brasileiros e por ai vai…

    Aliás não to nem ai se ele fala mal do sccp….
    e não é pra falar não?

  99. Pode até ser…Uma Ucrania x Costa de Marfim,Turquia x Colombia
    O mais engraçado disso é que alguns estádios vão ser construidos
    pra esse tipo de jogos mesmo..novos.

  100. Bem, conhece a tática nazista do Goebels?

    Uma mentira repetida mil vezes vira uma verdade.

    Pois é, os detratores do Morumbi sempre repetem a ladainha de que o estádio foi construído de forma irregular, que a doação do terreno foi irregular etc. Esses textos vc encontra fácil em sites de torcidas organizadas.

    Papel aceita qualquer coisa. Porque nenhum jornalista sério (ainda existem alguns) não escreve sobre isso?

    Na época da construçã do estádio, havia Ministério Público, Polícia, Poder Legislativo, Poder Judiciário etc. Porque não há questionamento sobre a construção “irregular” do estádio? Vai dizer que estavam todos mancomunados com a diretoria do São Paulo?

    Bem, a verdade é uma só: Há clubes incompetentes que em cem anos de história não foram capazes de erguer um estádio digno. Como justificar que o São Paulo, que é o mais novo clube (mais novo que Palmeiras, Santos e Corinthians), coseguiu construir seu estádio?

    Simples: Inventa-se uma estória de doação irregular e fica-se repetindo a estória de informa infinita. Tem muita gente que acaba acreditando.

    Tem também aqueles que hajem de má-fé, porque mesmo sabendo que a estória de doação irregular é balela mas mesmo assim repassam para frente.

    Fazer o quê? Se algumas pessoas se sentem bem em repetir essa balela…

  101. Gratíssimo pela correção, FAJOPA!

    Cometi o descuido d confiar na minha memória s/ antes confirmar os dados p só dpois enviar o comentário (s ameniza minha falha é pq tava s/ tempo p fazer da forma correta), por isso escrevi c/ ressalva.

    vlw

  102. Contas simples, decisões difíceis

    A avaliação econômica de um investimento privado num estádio de futebol parte de contas muito simples, considerando dois lados. O lado mais importante é o da receita que depende de três elementos básicos:
    (1) o número de jogos, num dado período, digamos anual;
    (2) o número de pagantes por jogo;
    (3) o valor médio do ingresso (“ticket médio”).

    A conjugação desses três fatores gera uma receita anual bruta.

    Para o clube que tem o mando do jogo, dessa receita ele precisa deduzir impostos, despesas com a realização dos jogos, e pagar ao dono do estádio um aluguel entre 10 a 15% da arrecadação bruta. Essa é a receita do investidor para amortizar o seu investimento.

    Considerando um mês de férias, ou cinco semanas (para arredondar) temos 48 semanas no ano, durante os quais deveria haver pelo menos um jogo.

    Em estádios de clubes, como o Morumbi, a Arena da Baixada ou o Beira-Rio o mandante tem 38 jogos assegurados, considerando o campeonato estadual e o brasileiro. Somando a Copa do Brasil, a Sulamericana ou a Libertadores, poderia alcançar os 48 jogos, ou até mais, dependendo do seu desempenho, nas competições “mata-mata”.

    Para ter um bom retorno, esse número precisa ser ampliado, podendo ser dobrado, com dois jogos por semana: um no meio e outro no final de semana.

    Essa condição só é alcançada pelos grandes estádios públicos: o Maracanã, o Mineirão e o Serra Dourada. Estádios em cidades que tem mais de um time nas séries A e B do Brasileirão, sem estádios próprios.

    A contrapartida de mais jogos está no aumento de custos para a manutenção e reposição do gramado.

    A rentabilidade, no entanto, não depende apenas do número de jogos, mas do público pagante por jogo. Para a avaliação econômica esse número deve ser considerado em relação à capacidade total. Isso porque o investimento é feito para uma dada capacidade que é a base para o retorno econômico. A ocupação paga deveria ser, pelo menos 50% da capacidade total, na média.

    O Maracanã pode receber até 80 mil pagantes num jogo importante do Flamengo, mas pode ficar em apenas 20 mil, em outros jogos. Quando o jogo não tem perspectiva de grande público é transferido para outro, como o Engenhão, no Rio de Janeiro. Belo Horizonte e Goiânia não tem muitas opções.

    Para um estádio com capacidade para 40.000 lugares, o número médio de pagantes por jogo deveria ser da ordem de 20.000.

    Além disso, o ingresso médio – para poder remunerar os investimentos – deveria ser superior a R$ 30,00. Para isso, a arquibancada deveria ter esse valor, com as meias entradas compensadas pelos valores maiores. Os valores só serão maiores com uma conformação diferenciada dos estádios, com maior volume de camarotes e outras localidades de ingressos mais elevados. Em São Paulo, chegam a R$ 250,00.

    Fora disso as contas não fecham. Ou seja, o investimento privado no estádio não é viável. Os dados são evidentes.

    Mas para esconder a inviabilidade criam se ilusões. O estádio não será um investimento totalmente privado. Será uma PPP. O que não elimina a inviabilidade. Ai surgem diversas mágicas.

    Uma delas: o Estado entra com o terreno e com a construção civil. O “recheio” fica com o investidor privado que cuidará da operação e ficará com a totalidade da receita dos alugueis. Não cobre, em alguns casos, o custo da manutenção.

    Outra mágica: será uma arena multiuso. Só São Paulo, Rio de Janeiro e agora Brasília recebem públicos para lotar os poucos shows musicais realizados em estádios de futebol. O resto é pura ilusão.

    Tudo isso foi mostrado nos seminários regionais realizados pelo Sinaenco nas cidades candidatas. Ninguém quis ouvir, porque isso faria com que muitas delas desistissem ou deixariam de ser escolhidas.
    Agora que precisam comprovar a viabilidade econômica dos seus projetos de estádios, não têm como.

    Em cidades onde os principais times tem estádios próprios, a proposta de um novo estádio público enfrenta o problema do número de jogos a serem realizados nesse. O caso mais grave é do Recife.

    A transferência dos jogos para o novo estádio esbarra no problema dos camarotes e cativas. Os clubes vendem esses lugares para cobrir os investimentos.

    Os proprietários querem usar esse direito. E se o jogo com o seu mando for transferido para o estádio novo ele quer manter o direito em condições iguais ou melhores.

    A solução dada para essa questão é simplória. Caberá ao investidor privado, convencer os clubes. E quem vai convencer os torcedores?

    Qual é o investidor privado que vai arriscar R$ 400 milhões ou mais, na dependência de convencer a multidão de torcedores a aceitar o jogo do seu clube (quando mandante) no estádio público e não no seu?

    Com agravantes. No caso de Salvador, Bahia e Vitória conseguem lotar os seus estádios, em jogos importantes, com ingresso médio da ordem de R$ 20,00.

    Na Fonte Nova, reformada, esses indicadores não viabilizam o investimento privado. Precisariam de um mínimo de 30 mil pagantes a mais de R$ 30,00 de ingresso médio.

    É uma contradição insolúvel a curto prazo.

    Jorge Hori

    http://www.copa2014.org.br/blog/inteligencia-estrategica/index.php/category/sem-categoria/

  103. Vc apresentou as credenciais do diretor de São Paulo, desqualificando-o como “funcionario do edir macedo”.
    Mas não deu as credenciais do diretor da FIFA, amigo pessoal e frequentador da casa do podrissimo ricardo teixeira.
    E tbm não apresentou a principal mancha na carreira do tal diretor : O escandalo com a empresa de cartão de credito.
    Acho que vc está se deixando inlfuenciar pelo MSM que talvez não seja tão sem média assim.
    Ou, o mais provável, está achando que os fins justificam o meio, ou seja, atacar a qualquer custo a candidatura paulista, por achar que vai rolar dinheiro publico. Mesmo que tal ataque represente gasto de dinheiro publico com outra entidade ou em outro estado.
    Não sei se vc percebe, mas esses ataques, da forma como estão sendo feitos, contando meias-verdades, afastam eventuais investidores e assim tornam-se profecias auto-recorrentes.
    Continuem criticando, mas conte a verdade inteira.

  104. Reproduzo o texto do Sérgio e do Felipe :

    Ui! Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  105. Reproduzo o texto do Sérgio:

    Ui! Ui Ui! Falaram mal do São Paulo! Paulinho, você é feio! Bobo! Vamo São Paulo, vamo São Paulo, vamo passá batom! Ui! Ui! Ui!

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  106. A CIDADE DE SÃO PAULO PRECISA DE UM NOVO ESTÁDIO

    LONDRES possui 7,5 milhões de habitantes.

    Estádios :

    1 – Wembley Stadium (capacidade: 90.000 pessoas)

    2 – Twickenham Stadium (rugby capacidade: 82.000 pessoas)

    3 – Emirates Stadium (capacidade: 60.000 pessoas)

    4 – Stamford Bridge (capacidade: 42.449 pessoas)

    5 – White Hart Lane (capacidade: 36.214 pessoas)

    6 – Boleyn Ground (capacidade: 35.056 pessoas)

    Além dos citados, há ainda os estádios do Charlton, do Fulham, do Millwall, etc, totalizando 13 ESTÁDIOS PARA 20.000 PESSOAS OU MAIS.

    (http://www.worldstadiums.com/europe/countries/united_kingdom/england/london.shtml)

    —————————————————

    BUENOS AIRES possui 3 milhões de habitantes.

    Estádios :

    1 – River Plate (capacidade: 66.449 pessoas)

    2 – Boca Juniors (capacidade: 57.446 pessoas)

    3 – Racing (capacidade: 51.389 pessoas)

    4 – Velez Sarsfield (capacidade: 49.747 pessoas)

    5 – Huracan (capacidade: 49.747 pessoas)

    6 – San Lorenzo (capacidade: 42.000 pessoas)

    Além dos citados, há mais 8 estádios com capacidade superior a 20 mil, perfazendo um total de 14 ESTÁDIOS COM CAPACIDADE SUPERIOR A 20.000 PESSOAS.

    (http://www.worldstadiums.com/south_america/countries/argentina.shtml)

    —————————————————

    SÃO PAULO possui 11 milhões de habitantes (20 milhões, se considerada a área metropolitana).

    Estádios:

    1 – Morumbi (capacidade: 73.501 pessoas)

    2 – Pacaembu (capacidade: 37.585 pessoas)

    3 – Estádio USP (desativado – capacidade: 30.000 pessoas)

    4 – Palestra Itália (capacidade: 28.599 pessoas)

    5 – Canindé (capacidade: 19.717 pessoas)

    6 – Pque. S. Jorge(desativado-capacidade: 18.386 pessoas)

    Ou seja, em São Paulo SÓ EXISTEM 4 ESTÁDIOS COM CAPACIDADE SUPERIOR A 20.000 PESSOAS (sendo que um está desativado…)

    —————————————————-

    Conclusão:

    É ÓBVIA,

    É ESCANDALOSA,

    É INSOFISMÁVEL,

    É URGENTE A NECESSIDADE DE MAIS UM ESTÁDIO NA CIDADE DE SÃO PAULO.

    É uma falácia afirmar que “São Paulo já tem estádios demais…”

    São Paulo não possui sequer um estádio decente para a Copa de 2014.

    São Paulo não possui um estádio que possa abrigar a maior torcida da cidade, uma das maiores torcidas do mundo: a torcida do Corinthians.

    São Paulo não possui arenas modernas para grandes shows e festivais.

    Quem afirma que “São Paulo tem estádios demais e não precisa fazer mais um” é muito mal informado…

    Ou é anticorinthiano, e quer que o Corinthians continue pagando caro para ficar mal acomodado e apertado no Pacaembu…

    Ou é são-paulino, e não quer que o anacrônico Morumbi “perca essa boquinha” de ser o estádio da Copa de 2014 e que deixe de praticamente monopolizar todos os grandes eventos da cidade.

  107. Eu sou tapado mesmo , aqui respondendo a um Ptralha…Babaca eu nao disse q o estadio é prioridade , vc tem razão a cidade precisa disso tudo e muito mais , eu estou falando de futebol , estou falando de copa do mundo , não foi eu quem agendou esta merda de copa no brasil , mas já q vai acontecer…..não fique tão nervosa , a cidade precisa de tudo o q vc falou e tambem de um estadio decente…

  108. Efeito Soberania SPFC
    14/09/2009 09:15

    por Lanzita

    O fato de o SPFC ser o soberano absoluto do futebol brasileiro e sem muita resistência rival fez com que alguns monstros fossem criados e algumas teorias fossem transformadas em “verdades”. Este é, mais ou menos, o “Manual dos Quase-Argumentos” utilizados rotineiramente:

    Anselmo 6-3-3 – http://juareiz.wordpress.com

    – Antes de mais nada, VOCÊ PODE ELOGIAR O SEU ARQUI-RIVAL.
    Isso mesmo.
    Para tentar denegrir o irritante domínio do SPFC, virou comum adversários se abraçarem como se faz com os melhores amigos.
    Tornou-se rotina ouvir corintiano ressaltando as qualidades dos palmeirenses e estes retribuindo os elogios. Vivem em uma completa harmonia nunca antes vista!

    – “TÍTULOS NÃO MAIS SÃO IMPORTANTES” .
    O importante é… é… é… bom, não interessa, mas título não é.
    E o SPFC não passa de um Independiente, da Argentina. É isso.
    E o legal é que esse argumento é eterno. Se em 2020, o SPFC tiver 15 brasileiros, 10 Libertadores e 10 mundiais, ainda poderá ser utilizado.

    – “O SPFC NÃO TEM TRADIÇÃO”.
    Para um clube ter tradição, precisa ser antigo, ter títulos extintos ou ter tido um grande time na década de 60 (razões pelas quais Santos, Palmeiras e Botafogo têm tamanha tradição).

    O FATO DE O SÃO PAULO TER TIDO UM DOS DOIS MELHORES TIMES DO BRASIL, quiçá o melhor, na década de 40 (o famoso “Rolo Compressor”, pentacampeão estadual), fica totalmente inútil. Lembre-se que é preciso omitir este “detalhe”, senão quebra-lhe as pernas.
    E o fato de o SPFC ser, disparadamente, o maior clube quando se trata de Campeonatos Brasileiros, Libertadores e Mundiais (na seqüência, os três maiores campeonatos que um clube brasileiro pode ganhar) e ainda ter mais Campeonatos Paulistas, na média, também é irrelevante (afinal, título não é importante).

    – “O SPFC NUNCA TEVE UM GRANDE CRAQUE”.
    Claro que não.
    Leônidas da Silva – o inventor da bicicleta, artilheiro de Copa do Mundo, conhecido no Brasil como “Diamante Negro” e, mundialmente, como ” O homem de borracha” – não faz parte do conhecimento geral então não conta.
    Quaisquer jogadores de outro clubes, inclusive das equipes rebaixadas de Corinthians, Palmeiras e Vasco, é melhor.

    Ignore essa lista de jogadores “razoáveis” que já vestiram o uniforme são-paulino e que, por acaso, tornaram-se ídolos do clube:
    Gino Orlando, FRIAÇA, Renato Pé-murcho, CANHOTEIRO (o maior driblador que o Brasil já teve), CARECA, DINO SANI, Luizinho, Maurinho, ROGÉRIO CENI, Mirandinha, Müller, SERGINHO CHULAPA, Sidney, TEIXEIRINHA, Nelsinho, Jurandir, DE SORDI, BELLINI, FRIEDENREICH (“El Tigre”), Toninho Guerreiro, ZÉ SÉRGIO, ANTONIO SASTRE, Araken, GÉRSON, Mário Sérgio, Palhinha, PEDRO ROCHA, Pita, RAÍ, Silas, ZIZINHO, Chicão, ZETTI, WALDIR PERES, Pé-de-valsa, JOSE POY, Toninho Cerezo, DARÍO PEREYRA E OSCAR (conhecidos como a melhor dupla de zagueiros que já atuou por um clube brasileiro), MAURO RAMOS, Renganeschi, King, PABLO FORLÁN, Ricardo Rocha, Kaká, ROBERTO DIAS, Cafu, Leonardo, RUY, BAUER E NORONHA (que compuseram a mais famosa “linha média” do futebol brasileiro), entre outros…

    Aliás, a constatação de o SPFC ser o clube que mais cedeu jogadores à Seleção, em Copas do Mundo, também não é importante.

    – “TODO E QUALQUER TORCEDOR DO SÃO PAULO É MODINHA”.
    Na verdade, quanto PIOR for seu time, mais torcedor de verdade você é. Isso te faz ser chamado de “fanático”. Se o seu time é bom, significa que você se deixou levar pela “moda”.
    Torcedores de Flamengo e Corinthians sempre são os mais fanáticos, não importa que não saibam quando o time joga, algo sobre a história ou se torcem para mais 3 times.
    Eles sempre serão os mais fanáticos, segundo a Rede Globo.
    Cabe a todos somente acreditar.

    – “MÍDIA, QUE É BOM, O SÃO PAULO NÃO TÊM”..
    Argumento brilhante que somente poderia ser utilizado por torcedores de Flamengo e Corinthians, mas, que com algumas adequações, pode ser usado até por torcedores do Mogi-Mirim.
    Para um corintiano que se preze, o futebol é secundário.
    O que adianta ter títulos se não passa na TV? Não é?
    Isso sim é importante e motivo de orgulho. E o SPFC nunca está na TV, para um corintiano.
    Aqui vale também exagerar um pouco, declarando que até Palmeiras e Santos têm mais mídia que o SPFC.
    Se torcedores de outros times quiserem aproveitar este argumento, vale botar em prática o primeiro conselho, falando que o SPFC é campeão, mas na TV só passa o Corinthians. Lembre-se SEMPRE que elogiar um rival, para zoar o SPFC, tornou-se válido.

    – “COMO UM TIME PODE SER O MAIOR DO BRASIL SE NEM RIVAL TEM?”
    Completamente “coerente”.
    Esse argumento é um dos mais “difíceis” de serem batidos.
    O Corinthians somente é grande devido à existência do Palmeiras e vice-versa, o Flamengo somente é grande pela existência do Fluminense/Vasco da Gama e vice-versa.
    É a “verdade”…
    O SPFC precisa de alguém para rivalizar, se quiser ser o maior time brasileiro.

    – “O SPFC É O REI DOS VICE-CAMPEONATOS”.
    O SPFC tem vices à rodo.
    É penta-vice-brasileiro e tri-vice da Libertadores, entre outros.
    Ignore que, ao mesmo tempo, o SPFC é, também, o maior campeão em cada competição e que, ter muitos títulos e muitos vices, mostra o quanto o clube chega.
    Aproveite para não mencionar que o SPFC, em sua história, teve 3 jogos considerados como de maior importância e, nestes casos, acabou vencendo os três.

    Caso as tentativas acima, ligadas de alguma forma ao futebol, não forem bem-sucedidas, sempre apele para bobagens como, por exemplo, bambi e etc.

  109. Efeito Soberania SPFC
    14/09/2009 09:15

    por Lanzita

    O fato de o SPFC ser o soberano absoluto do futebol brasileiro e sem muita resistência rival fez com que alguns monstros fossem criados e algumas teorias fossem transformadas em “verdades”. Este é, mais ou menos, o “Manual dos Quase-Argumentos” utilizados rotineiramente:

    Anselmo 6-3-3 – http://juareiz.wordpress.com

    – Antes de mais nada, VOCÊ PODE ELOGIAR O SEU ARQUI-RIVAL.
    Isso mesmo.
    Para tentar denegrir o irritante domínio do SPFC, virou comum adversários se abraçarem como se faz com os melhores amigos.
    Tornou-se rotina ouvir corintiano ressaltando as qualidades dos palmeirenses e estes retribuindo os elogios. Vivem em uma completa harmonia nunca antes vista!

    – “TÍTULOS NÃO MAIS SÃO IMPORTANTES” .
    O importante é… é… é… bom, não interessa, mas título não é.
    E o SPFC não passa de um Independiente, da Argentina. É isso.
    E o legal é que esse argumento é eterno. Se em 2020, o SPFC tiver 15 brasileiros, 10 Libertadores e 10 mundiais, ainda poderá ser utilizado.

    – “O SPFC NÃO TEM TRADIÇÃO”.
    Para um clube ter tradição, precisa ser antigo, ter títulos extintos ou ter tido um grande time na década de 60 (razões pelas quais Santos, Palmeiras e Botafogo têm tamanha tradição).

    O FATO DE O SÃO PAULO TER TIDO UM DOS DOIS MELHORES TIMES DO BRASIL, quiçá o melhor, na década de 40 (o famoso “Rolo Compressor”, pentacampeão estadual), fica totalmente inútil. Lembre-se que é preciso omitir este “detalhe”, senão quebra-lhe as pernas.
    E o fato de o SPFC ser, disparadamente, o maior clube quando se trata de Campeonatos Brasileiros, Libertadores e Mundiais (na seqüência, os três maiores campeonatos que um clube brasileiro pode ganhar) e ainda ter mais Campeonatos Paulistas, na média, também é irrelevante (afinal, título não é importante).

    – “O SPFC NUNCA TEVE UM GRANDE CRAQUE”.
    Claro que não.
    Leônidas da Silva – o inventor da bicicleta, artilheiro de Copa do Mundo, conhecido no Brasil como “Diamante Negro” e, mundialmente, como ” O homem de borracha” – não faz parte do conhecimento geral então não conta.
    Quaisquer jogadores de outro clubes, inclusive das equipes rebaixadas de Corinthians, Palmeiras e Vasco, é melhor.

    Ignore essa lista de jogadores “razoáveis” que já vestiram o uniforme são-paulino e que, por acaso, tornaram-se ídolos do clube:
    Gino Orlando, FRIAÇA, Renato Pé-murcho, CANHOTEIRO (o maior driblador que o Brasil já teve), CARECA, DINO SANI, Luizinho, Maurinho, ROGÉRIO CENI, Mirandinha, Müller, SERGINHO CHULAPA, Sidney, TEIXEIRINHA, Nelsinho, Jurandir, DE SORDI, BELLINI, FRIEDENREICH (“El Tigre”), Toninho Guerreiro, ZÉ SÉRGIO, ANTONIO SASTRE, Araken, GÉRSON, Mário Sérgio, Palhinha, PEDRO ROCHA, Pita, RAÍ, Silas, ZIZINHO, Chicão, ZETTI, WALDIR PERES, Pé-de-valsa, JOSE POY, Toninho Cerezo, DARÍO PEREYRA E OSCAR (conhecidos como a melhor dupla de zagueiros que já atuou por um clube brasileiro), MAURO RAMOS, Renganeschi, King, PABLO FORLÁN, Ricardo Rocha, Kaká, ROBERTO DIAS, Cafu, Leonardo, RUY, BAUER E NORONHA (que compuseram a mais famosa “linha média” do futebol brasileiro), entre outros…

    Aliás, a constatação de o SPFC ser o clube que mais cedeu jogadores à Seleção, em Copas do Mundo, também não é importante.

    – “TODO E QUALQUER TORCEDOR DO SÃO PAULO É MODINHA”.
    Na verdade, quanto PIOR for seu time, mais torcedor de verdade você é. Isso te faz ser chamado de “fanático”. Se o seu time é bom, significa que você se deixou levar pela “moda”.
    Torcedores de Flamengo e Corinthians sempre são os mais fanáticos, não importa que não saibam quando o time joga, algo sobre a história ou se torcem para mais 3 times.
    Eles sempre serão os mais fanáticos, segundo a Rede Globo.
    Cabe a todos somente acreditar.

    – “MÍDIA, QUE É BOM, O SÃO PAULO NÃO TÊM”..
    Argumento brilhante que somente poderia ser utilizado por torcedores de Flamengo e Corinthians, mas, que com algumas adequações, pode ser usado até por torcedores do Mogi-Mirim.
    Para um corintiano que se preze, o futebol é secundário.
    O que adianta ter títulos se não passa na TV? Não é?
    Isso sim é importante e motivo de orgulho. E o SPFC nunca está na TV, para um corintiano.
    Aqui vale também exagerar um pouco, declarando que até Palmeiras e Santos têm mais mídia que o SPFC.
    Se torcedores de outros times quiserem aproveitar este argumento, vale botar em prática o primeiro conselho, falando que o SPFC é campeão, mas na TV só passa o Corinthians. Lembre-se SEMPRE que elogiar um rival, para zoar o SPFC, tornou-se válido.

    – “COMO UM TIME PODE SER O MAIOR DO BRASIL SE NEM RIVAL TEM?”
    Completamente “coerente”.
    Esse argumento é um dos mais “difíceis” de serem batidos.
    O Corinthians somente é grande devido à existência do Palmeiras e vice-versa, o Flamengo somente é grande pela existência do Fluminense/Vasco da Gama e vice-versa.
    É a “verdade”…
    O SPFC precisa de alguém para rivalizar, se quiser ser o maior time brasileiro.

    – “O SPFC É O REI DOS VICE-CAMPEONATOS”.
    O SPFC tem vices à rodo.
    É penta-vice-brasileiro e tri-vice da Libertadores, entre outros.
    Ignore que, ao mesmo tempo, o SPFC é, também, o maior campeão em cada competição e que, ter muitos títulos e muitos vices, mostra o quanto o clube chega.
    Aproveite para não mencionar que o SPFC, em sua história, teve 3 jogos considerados como de maior importância e, nestes casos, acabou vencendo os três.

    Caso as tentativas acima, ligadas de alguma forma ao futebol, não forem bem-sucedidas, sempre apele para bobagens como, por exemplo, bambi e etc…

  110. No vídeo acima, é possível se observar a (péssima) visão que se tem do gramado, para quem se dispõe a assistir uma partida em um dos camarotes do Morumbi (aos 29 segundos do vídeo).

    Inacreditável que alguém, em sã consciência, tenha a coragem de afirmar que esse estádio está à altura de receber uma partida de copa do mundo…

    Reparem que, no final do vídeo, a menina comenta: “chique, não?” Seria cômico, se não fosse trágico…

    (No link a seguir, mais imagens da visão “privilegiada” que se tem dos camarotes:
    http://www.youtube.com/watch?v=cC8S9WwrArM&feature=related )

  111. Existe Arena ultragaz?? ta pronta? não é a mesma que começaria em 2008 para 2009 estar pronta….ah entendi…ela ta prontinha, inclusive vai ser inaugurada na semana q vem…. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  112. Vc nao enxerga nem o proprio nariz camarada. Cervideos tem a coragem de vir aqui e falar merda, o que vcs estao fazendo com o Richarlisson eh o que??

  113. Vamos ver se no final do campeonato não vai ter agrado para arbitragem para assistir o show do AC/DC assim como foi o shows da Madonna ano passado né?!

  114. Você sabe de quem é o terreno do CT (sic) do Palmeiras, ao lado do CT do SP, que por sinal tb é inquilino do mesmo proprietário que vcs???? Se não sabe, procure saber e verá que seu time tb goza dos mesmos prazeres que o SPFC, só que cada um tem um jeito de fazer, uns fazem bem e outros fazem mal feito.

  115. Primeira coisa, patético ver aqui nos comentários um bando de sujeitos que não conseguem articular 2 frases seguidas pra falar de um assunto relacionado ao futebol sem cair no “bambi”, “gambá” etc.

    Segunda coisa, seria ótimo ver a Copa passar bem longe de São Paulo, aliás ela devia passar longe do Brasil, mas já que veio…

    Tomara que a maior e mais importante cidade da América Latina fique fora da Copa, perca a sede, pois assim é garantia que, pelo menos, os impostos que eu pago na esfera estadual não vão pra encher bolso de cartola e político malandro como no caso do ralo onde entraria o dinheiro público caso fosse custeada pelo Estado a reforma do Morumbi ou (pior ainda) a construção de MAIS(!!!) um estádio em nossa cidade.

    Infelizmente, os bovinos que acreditam no tal do estádio Fielzão/Berezovsky/PT e na honestidade do presidente que tem medo, ou que simplesmente invejam o SPFC (Citadini), conseguem diminuir mais ainda o nível já raso que a imprensa tem dado a este debate.

    Quanto aos palmeirenses, me abstenho de comentar, no quesito Copa, estão em situação pior que o tricolor, uma vez que seu projeto de estádio sequer foi considerado como alternativa, No entanto com o governador que temos, tudo é possível, até mesmo a polícia batendo na polícia.

    Abraços Paulinho!

  116. Me parece q quem tem medo de um novo estadio e usa argumentos até certo ponto verdadeiros , são os saopaulinos.
    Por que será?
    Seria melhor a morte para a torcida da elite do que ver o time do povo com um estadio melhor do q o deles.
    O governo já fez um e deu , pode fazer outro…

  117. OK tire férias e vá para o Caribe passar férias…

    qdo V.Exa retornar tudo já estará acabado.

    Simples assim!

  118. Uma parte da torcida não gosta do cara pelo fato dele SUPOSTAMENTE ser homossexual.

    Mas o que você diz de um dirigente que declarou o jogador na TV aberta que o jogador era homossexual??? Lembra-se??? O que é pior???

    Acho engraçado os adversários imbecis virem aqui criticar a torcida do SPFC e chamá-la de homofóbica quando todas as piadas direcionadas ao meu clube de coração tem o mesmo teor, brincadeira ou não. Como se não o xingassem de viado em Porto Alegre, Minas, Rio de Janeiro, Pinga-Mijo, etc.

    Óbvio que o time que um sujeito escolha para torcer não influencia em nada em sua sexualidade, mas vocês nos chamas de gays todo santo dia, como se isso fosse realmente uma ofensa, e ainda querem vir falar alguma coisa. Era só o que faltava, é o cúmulo do cúmulo do cinismo.

    Para o coitado que pediu explicação sobre o que é fascismo, vá num final de semana no seu clube amado, sente-se naquele refeitório podre, sem circulação de ar e com os vidros verdes ridículos. Se você encontrar um, apenas UM negro que não seja garçom, faxineiro ou cozinheiro, paro de chamá-los assim. Aproveite e preste atenção em como os sócios que estão fazendo sua refeição se referem aos garçons, com adjetivos jocosos do tipo, escurinho, negrinho, pretinho e baianinho. Quem sabe você assim entenda o significado da palavra.

    Aproveite e suba pela Rua Caraíbas, de uma passada na sede da sua principal torcida e converse com os caras lá, pra ver o que eles pensam sobre negros na torcida do seu time.

    Vocês não conhecem NADA do próprio clube e eu que não enxergo.

  119. Vai falar isso pra prefeitura, que entuba as despesas com o Pacaembu todo santo mês pro curintia ter lucro com bilheteria. E pior, com o seu e com o MEU dinheiro.

    Não sou gaúcho, aliás, de onde você tirou isso????

    Repito: só sendo mesmo muito tapado pra achar que a cidade de São Paulo precisa de outro estádio. Ainda por cima de primeiro mundo. Se com ingressos de arquibancadas na faixa de 50 reais os estádios ultrapassados que temos não se mantém, quem dirá um com cadeirinha de cinema. Os caras teriam que cobrar 150 reais por ingresso pra fechar a conta, isso se o estádio lotasse em todos os jogos.

  120. O Morumbi e a Copa, Por PVC

    Para entender o caso do estádio, é preciso conhecer
    o jogo político de governadores e do presidente da CBF

    O MORUMBI está na Copa do Mundo de 2014.

    Por mais que tenha existido pressão pela construção de uma nova arena, em São Paulo, e que as declarações do secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, levem a pensar o inverso, o risco do Morumbi, hoje, não é ficar fora do Mundial. É perder o jogo de abertura.

    Isso está claro há meses e tem a ver, sim, com questões políticas. Se os governadores mais próximos de Ricardo Teixeira, José Roberto Arruda (DF) e Aécio Neves (MG), esforçam-se para viabilizar obras em seus estádios públicos, e se o governador José Serra (SP) não admite usar dinheiro do contribuinte para reformar ou construir estádio, evidentemente há um viés político.

    Diga-se, o mais correto dos governadores é Serra, embora este possa se dar ao luxo de não mexer nos cofres públicos, porque o estádio paulista é particular, diferentemente do Mineirão e do Mané Garrincha.
    O jogo de governadores é vital para entender o imbróglio do Morumbi. Não foi por acaso que Ricardo Teixeira também disse que sua maior preocupação é com os aeroportos, não com estádios. Digamos que tenha razão quem afirma que São Paulo não tem estádio para abrigar a partida inaugural. Brasília e Belo Horizonte não têm aeroportos.

    Para entender o jogo da Copa-14, é fundamental saber qual a função do dinheiro enviado pela Fifa. São US$ 470 milhões, como disse Ricardo Teixeira ao “Arena Sportv”, na quarta-feira. Quantia dedicada a obras que não deixarão legado.

    Um estádio novo ficará para o futebol brasileiro, seja público ou particular. Um aeroporto reformado permanecerá para uso da população. Um centro de imprensa, não.

    Se for preciso, por exemplo, comprar aparelho de raio-X para inspecionar quem entra e sai do centro de imprensa, esse investimento deve ser feito com dinheiro da Fifa. Se um governador apresentar esse tipo de gasto ao Tribunal de Contas, que devolva o dinheiro e cobre de quem administrou os US$ 470 milhões.
    “José Serra não põe dinheiro público nem sob tortura”, diz um dos membros da candidatura paulista. Isso aumenta a vocação de São Paulo para fazer uma das semifinais, como aconteceu na Alemanha com Dortmund, de estádio que lembra o Morumbi e que abrigou Itália x Alemanha, em 2006. Já pensou Brasil x Argentina numa semifinal, no Morumbi? É melhor essa perspectiva ou o jogo de abertura?

    Na quarta, Ricardo Teixeira assinou mais uma vez seu atestado de incompetência ao admitir que, em 20 anos de mandato, não fez o país ter um único estádio capaz de abrigar uma Copa. Seu risco, agora, é deixar como legado estádios que não serão usados pelo futebol brasileiro, depois do apito final de 2014.

    No Brasileirão-2015, vale mais um Morumbi digno do que uma Allianz Arena em Cuiabá. Em São Paulo, a Copa parece ser, mais do que em outros lugares, um meio de se atingir um fim, o de ter uma arena de alto nível, para jogos e shows, em 2014, 2015, 2016… Em Brasília, é mais provável ter um estádio para a abertura da Copa. Quando ela acabar, sem times de alto nível, o estádio será usado por equipes que lutam no bloco intermediário da Série B.

    Se isso se confirmar, será o fim.

    Por: Paulo Vinicius Coelho (PVC) pvc@uol.com.br

    Fonte: Coluna publicada no jornal Folha de São Paulo (13/09/2009)

    OPINIÃO DO BLOGUEIRO: PVC perfeito. Me orgulho de publicar colunistas como ele e Nando Reis no Blog do Torcedor do São Paulo. Finalmente um texto que toca o assunto como ele verdadeiramente deve ser tratado, isso é, na esfera política. A Copa do Mundo para o torcedor é um evento esportivo, mas para a FIFA e o país sede é um evento político e econômico. Muita coisa ainda está para acontecer, mas este é um dos primeiros textos que mostrar a real situação do Morumbi e da Copa 2014. A Copa será no Cícero Pompeu de Toledo.

  121. CONCLUSÃO DE TUDO O QUE VOCÊ ESCREVEU:

    O ÚNICO NOVO ESTÁDIO QUE SERIA VIÁVEL APÓS A COPA DE 2014 SERIA UM NOVO ESTÁDIO EM SÃO PAULO, A SER UTILIZADO PELO CORINTHIANS.

    PERGUNTA:

    POR QUE É QUE A PREFEITURA PAULISTANA E O GOVERNO PAULISTA ESTÃO CONTRA ESSA REALIDADE?

    QUE INTERESSES TÃO OBSCUROS QUANTO PODEROSOS SÃO ESSES QUE MOVEM O PREFEITO (SÃOPAULINO) E O GOVERNADOR (ANTICORINTHIANO)?

  122. PERGUNTA:

    POR QUE É QUE A PREFEITURA PAULISTANA E O GOVERNO PAULISTA ESTÃO CONTRA ESSA OBVIEDADE?

    QUE INTERESSES TÃO OBSCUROS QUANTO PODEROSOS SÃO ESSES QUE MOVEM O PREFEITO (SÃOPAULINO) E O GOVERNADOR (ANTICORINTHIANO)?

  123. PUXA VIDA, QUE ARGUMENTAÇÃO EMPOLGANTE…

    LEVE PARA OS MARQUETEIROS DO CLUBE DO JD. LEONOR DAREM UMA OLHADA.

    ELES NÃO SABEM MAIS O QUE FAZER PARA ANIMAR A TORCIDA MAIS DESANIMADA DO BRASIL…

  124. A FRASE DA MENINA PARECE ESTAR CORTADA.

    NA VERDADE, ELA DEVE TER DITO:

    “QUE CHIQUE, PENA QUE NÃO DÁ PARA ENXERGAR NADA DO JOGO…”

  125. AGORA, O MAIS PATÉTICO É A TENTATIVA DE CONVENCER OS OUTROS QUE O MORUMBI TEM CONDIÇÃO DE RECEBER UMA PARTIDA DE COPA DO MUNDO…

  126. um diploma de grife só engana os bobos. competência se mostra com trabalho.

    se vc olhar diversos formados da USP, Unicamp, vai ver muita gente fraca… mas em terra de cego quem tem um olho é rei, né?

    e quem se vale do nome da universidade para mostrar competência, no fundo está querendo provar alguma coisa a si mesmo..

    me formei numa dessas e nunca precisei mostrar da onde eu vim para mostrar competência.

    o fato do projeto do Sr. Ohtake vir da FAU não o impediu de fazer um projeto ridículo, que deve ter envergonhado a todos…

  127. “São Paulo não possui um estádio que possa abrigar a maior torcida da cidade, uma das maiores torcidas do mundo: a torcida do Corinthians.”

    Ótimo, então que o Timão construa o seu e não fique esperando arrendamento estilo Engenhão.

  128. Olá queridos.

    Venho convidar a todos pro nosso mais novo empreendimento na Turiassu.

    Nós somos uma empresa que cuida do entretenimento masculino com muito carinho. Temos um open bar com várias bebidas e petiscos.

    Um cardápio recheado de beldades para seu bel-prazer.

    Além disso temos o prazer de anunciar que estamos vendendo a nova camisa azzurra calçolinha de quenga com um super preço comemorativo:
    R$ 10,00, pra festejar os 10 anos do nosso último caneco.

    Faz tempo, mas parece que foi ontem.

    Estamos no aguardo de uma visita.
    Rua Turiassú 1840, Água Branca, São Paulo
    Telefone: (11) 3873 2111

    Beijos
    Mãe Joana

  129. Louco, Covarde e Mentiroso! S tivesse msmo esse currículo ñ teria pq s esconder! Medo?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: