Advertisements

Coluna do Fiori

fiori 

FUTEBOL: POLÍTICA, ARBITRAGEM E VERDADE

Fiori é ex-árbitro da Federação Paulista de Futebol, investigador de Polícia e autor do Livro “A República do Apito” onde relata a verdade sobre os bastidores do futebol paulista e nacional.

http://www.navegareditora.com.br   Email: caminhodasideias@superig.com.br

apito

ÁRBITROS

ATUAÇÃO E PUNIÇÃO

PALMEIRAS x CRUZEIRO

Árbitro: Leandro Vuadem (FIFA-RS)

O defensor palmeirense Marcão cabeceou, a bola bateu no travessão e quedou na linha, Vuadem acompanhou seu assistente Aldemir Hausmann e confirmou o gol sem que a bola tivesse ultrapassado a linha divisória do campo de jogo.

Pênalti:

Em meu entendimento, Vuadem deixou de marcar pênalti cometido por Wendel.

No terceiro tento do Palmeiras, Vuadem ignorou a marcação de impedimento por parte do assistente Roberto Braatz, determinando o prosseguir do lance.

COINCIDÊNCIA

Os erros do trio de arbitragem prejudicaram a equipe do Cruzeiro.

GOIÁS x CORINTHIANS

Árbitro: Wagner Tardelli (SC)

Atuação fraquíssima tanto na parte disciplinar quanto na técnica, prejudicou os dois times ao não assinalar pênalti do goleiro corintiano Felipe em seu xará do Goiás.

Errou quando da marcação de impedimento de Boquita, que se encontrava em posição regular.

O atuar de Wagner Tardelli, prejudicou as duas equipes.

BARUERI x AVAÍ

Árbitro:   William Nery (RJ)

Durante o transcurso da partida o árbitro posicionou-se erroneamente e a expulsão do atleta Emerson da equipe catarinense em meu entendimento foi injusta.

COPA DO BRASIL

Na noite de 17/06/09 no estádio do Pacaembu houve o primeiro confronto entre:

CORINTHIANS x INTERNACIONAL

Árbitro: Heber Lopes (PR)

Atuação essencialmente política, os cartões que mostrou, foi para os denominados reservas.

Chicão, Elias, Cristian e Jorge Henrique, estavam pendurados foram merecedores de cartão, manhosamente não lhes foi dado pelo grande mediador Heber Lopes.

Ressaltando que Chicão e Elias por terem participado em lances de maneira violenta, também foram favorecidos pelo aplacar do árbitro.

ATLÉTICO-PR x PALMEIRAS

Árbitro: Alicio Pena Júnior (MG)

O pior momento da arbitragem foi ter assinalado impedimento do atacante palmeirense Obina aos 38 minutos da segunda etapa, estando o árbitro bem colocado, com visão total do lance, acatou a marcação de seu assistente Guilherme Camilo.

Em meu entender Alicio Pena Júnior deveria assumir o lance, contudo, tornou-se comum entre os árbitros, fugirem da responsabilidade transportando-as para seus assistentes.

SANTOS x ATLÉTICO-MG

Árbitro: Djalma Beltrami (RJ)

Até hoje não consigo entender os critérios adotados para que árbitros sejam alçados ao quadro internacional – FIFA.

No tempo em que arbitrava sempre houve politicagem nas indicações, tanto para o quadro nacional quanto para o internacional ou para aspirantes ao internacional.

Hoje a maléfica influência, flui com maior intensidade.

Convenço-me que Djalma Beltrami encontra-se dentre os apadrinhados, por este motivo chegou a FIFA permanecendo por 10 anos aproximadamente, se fizermos arrolamento em suas atuações encontraremos boa porcentagem de lambanças iguais ou piores que a proporcionada na partida em pauta.

Após o apito final, deu conta que faltavam alguns minutos, forçou a volta da equipe atleticana e ai, a vaga foi pro brejo.

Nos acréscimos quando da cobrança de falta por parte de Molina, entendo que Beltrami acertou ao determinar falta de Kleber Pereira.

PUNIÇÃO

Conforme noticiado o presidente da Comissão Nacional de Arbitragem, Sérgio Correa da Silva anunciou o afastamento do assistente Guilherme Dias Camilo, por 30 dias.

O afastar do assistente foi provocado pela atuação na partida entre:

Atlético-PR x Palmeiras, arbitrada por:

Alicio Pena Júnior.

Plausível este apenar, melancólico é o não ter tido a coragem ou a independência necessária para punir Alicio Pena Junior.

O “mandatário” da arbitragem brasileira, precisa se libertar da influência de pessoas oriundas dos vários setores que predomina nos imundos bastidores do futebol, punindo o merecedor, não olhando quem o apadrinha.

Senhor Sérgio Correa da Silva, presidente da CONAF, tenho convencimento que deverias punir: Beltrami, Vuadem e Heber Lopes, por desempenho execrável.

POLITICA

No congresso, nas assembléias e câmaras municipais, nossos “representantes” vociferam que órgãos independentes da imprensa lhes colocam a pecha de corruptos.

Com isto a parte esclarecida da população volta-se contra os mesmos, manifestando-se através e-mails, coluna especifica de jornal, blogs e outras especificações.

Estes vendedores de ilusão e profissionais de política implantaram a cultura do: É Dando Que Se Recebe arraigada em nossa tradição, conspurcaram a confiabilidade que receberam através o voto obrigatório.

Os que lá estão não admitem saírem e os que lá querem estar, são produtos do meio corrupto que vivemos lá chegando meterão a mão no nosso, favorecerão a si e aos seus, formatarão varias estradas para auferirem mais e mais, ao povo darão pouco de pão e bastante vinho com o intuito de embebedar e continuarem sendo clamados de painhos ou salvadores da pátria como faz o atual mandatário, se intitula o mais ético dentre todos os habitantes deste lindo, imenso e fecundo chão.

Grande parte destes estelionatários na época das eleições gasta em média o dobro que perceberão de salário se forem eleitos para mandato quadrienal ou mais se senador.

Com certeza estes gastos terão que voltar com triplicidade de lucro, a forma não interessa a nenhum de nós, nos obrigam a votar, a pagar imposto, vivem no bem bom e choram miséria.

Conclusão: a grande maioria dos políticos e dos candidatos a estes é desprezível.

Mandem e-mails para os gabinetes destes aproveitadores expressando o descontentar com seus desmandos, digam que necessitamos de trabalho honesto e de desenvolvimento atualizado nas varias cidades do país, que o povo precisa permanecer em seus locais de origem e que estes devam ter desenvolvimento atualizado, respeitando-se a cultural local.

Que se faz urgente parar de roubar e aplicar o dinheiro nas cidades construindo, Hospitais, Prontos Socorro, Escolas normais e técnicas, bem como, parar de nos manobrar de um para outro local, não somos gado, queremos permanecer em nossas origens.

Acorda Brasil

SP-27/06/09

As opiniões acima são de minha inteira e total responsabilidade

Facebook Comments
Advertisements

27 comentários sobre “Coluna do Fiori

  1. euclydes zamperetti fiori

    CORRIGINDO:

    em meu opinar sobre Djalma Beltrami na partida entre
    Santos x Atlético (MG), no paragrafo em que se encontra :

    A vaga foi pro brejo, o correto é:

    A vaca foi pro brejo.

    zampereti fiori
    ex-árbitro de futebol

  2. Luiz

    Os povos ao longo dos tempos migram em busca de melhores oportunidades, como os Italianos que foram recebidos no Brasil e receberam terras e incentivos que hoje são negados pelos mesmos imigrantes ao povo desta terra que os acolheram na miséria. Quanto toma cá não é o mesmo quando toma lá.

  3. Ribamar Bianchini

    Fiori, concordo com quase tudo e faço uma observação, o Indio zagueiro do Inter e o Magrão mereciam ser expulsos pois abusaram de jogadas violentas né.

  4. Arthur

    Com tanta polêmica tenho acompanhado os sorteios feitos na CBF. Eles publicam a ata do sorteio e o nome do responsável pelo sorteio. Sempre é um jornalista que faz esta famigerado sorteio. Com a ata vem a escala dos ganhadores e analisando, o trio 1 ganhou 51% das vezes e o trio 2% 49%.

    Os juizes mencionados foram punidos sim. Eles nem entraram na escala da Série A. O tal Leandro Vuaden está há duas rodadas fora. O Beltrame e o Alicio não foram escalados na Série A desta semana. O bandeirinha que deu gol irregular que achei muito dificil ficou fora também.

    O juiz da Copa do Mundo somente fez um jogo na série A e volta agora no jogo Vitória x Santo André.

    O Leonardo Gaciba ficou uma rodada fora também depois do jogo Corinthians x Vasco.

    O juiz que apitou o jogo do Palmeiras x São Paulo (qual o nome dele?) e não marcou um penal para o verdão não voltou mais na escala da série A.

    O Wagner Tardele não foi bem no jogo de Goiás x Corinthians e também está fora dos jogos da Série A.

    O melhor juiz que acho é um paulista de nome Semene e ele também não tem aparecido nos jogos.

    Muitos juizes novos e o que mais apitou foi um alagoano de nome Francisco Carlos do Nascimento por isto acredito que algo está mudando. O senhor entende como eu que está ocorrendo punições?

    Na liberadores o juiz do jogo Cruzeiro x Grêmio saiu machucado e deixou o pau cantar assim como ocorreu no jogo Internacional x LDU.

    Na copa das confederações, se não tivesse vídeos o Brasil poderia estar fora das finais. Um penal marcado depois que viram na TV. Uma expulsão também com ajuda externa.

    Eu acho que sim e que estão tentando melhorar a arbitragem só que os times estão muito ruins também o que gera reclamações.

  5. euclydes zamperetti fiori

    Senhor Artur,

    Sempre postei q. Seneme é o melhor árbitro do Brasil, espero q. ñ venha a descambar para o lado politico, ou seja, não fazer como fez Paulo Cesar de Oliveira.

    Quanto ao Vuadem, se esta fora pór duas rodadas, edeverfiam anunciar a punição, como o senhor deve ser influente no meio lhe pergunto : Quaol o motivo de ñ terem tornado publico a pena sofrida por Vuadem?

    Concordo que o nivel do futebol esta ruim, porém, ñ se justifica tantos erros por parte dos árbitros, principalmente os chamado 1º escalão.

    Volte sempre,
    Abraços.

    zamperetti fiori

  6. euclydes zamperetti fiori

    Caro Ribamar Bianchini,

    Relmente tens toda razão, meu objetico ao postar, foi ilustrativo, ou seja, participar que os critérios adotados para punição são diferenciados, publica-se a punição do assistente e protegem ao árbitro q. era senhor da jogada, isto no caso da partida
    Atlético-PR x Palmeiras.

    Grato pelo acompanhamento,
    Abraço,

    zamperetti fiori

  7. euclydes zamperetti fiori

    Nobre historiador Luiz,

    temos que parar com justificativas, os estrangeiros q. aq vieram, troxeram valores, implanteram industrias e foram trabalhar com o fazem até hj, em varios setores da vida produtiva deste imenso Brasil.

    Os locais desenvolvidos, entendo que foram pelos estrangeiros q. aq aportaram, nós estamos acostumados a pedir e ñ a produzir, em priimeiro queremos saber oq. ganharemos e oq faremos.

    Bem, tens sua opinião, por mim será sempre respeitada, tenho certeza q. o senhor entendeu a subjetividade de meu postado, creio q. na verdade o trampo ñ é e nunca foi o forte da grande maioria de nosso povo.

    Como exemplo cito o atual mandatário, pouco trampou, muito cascateou e ao povo se abraçou.

    abraços

    zamperetti fiori

  8. euclydes zamperetti fiori

    Nã critem os erros, qualquer desculpa seria justificar o injustificavel,
    Valeu

    zamperetti fiori

  9. TEREZINHA

    Dinheiro do Investidor

    Denúncia
    Ouro de tolo
    Compra de barras do metal precioso em parcelas dá dor de cabeça a investidor. Além de ser uma aplicação pouco recomendada, o risco é não receber o dinheiro de volta

    Márcio Kroehn

    Maria Aparecida Gonçalves vendeu sonhos, mas não entregou as barrinhas de ouro
    Um golpe financeiro está agitando o mundo do futebol. Maria Aparecida Gonçalves é uma mulher encantadora. Bem-vestida e exibindo anéis e correntes de ouro, Cida, como prefere ser chamada, seduz clientes interessados em comprar um rendimento atrelado ao metal precioso. O ativo é chamado de Caderneta Ourobraz.

    Pode ser parcelado entre 12 e 21 vezes, com pagamento em agências bancárias, com a entrega da barra após o último vencimento. Representante em São Paulo da carioca Ourobraz S/A Comércio Importação e Exportação, Maria Aparecida apresenta outro cartão de visitas para mostrar confiabilidade: é esposa do ex-árbitro José de Assis Aragão, famoso nos anos 70 e 80.

    A menção do nome é um chamariz para atrair jogadores e familiares interessados em diversificar seus investimentos. Foi o que aconteceu com Maria Terezinha Ângelo de Souza. Embora não seja Terezinha quem entre em campo todas as quartas-feiras e domingos, ela é a responsável pelos investimentos do irmão, Jenilson Ângelo de Souza, mais conhecido como Júnior, lateral-esquerdo com passagens pelo Palmeiras, São Paulo e atualmente no Atlético-MG.

    Ela adquiriu quatro “cadernetas de ouro” que somavam R$ 104 mil. Os pagamentos foram divididos em 13 parcelas de R$ 2 mil para cada uma das apólices assinadas entre abril e julho de 2007. “Gosto de investir em imóveis e previdência, mas quis arriscar com ouro”, diz Terezinha.

    Maria Terezinha de Souza enxergou uma oportunidade de diversificação. Perdeu R$ 104 MIL e vai buscar seus direitos na justiça
    O problema é que as barrinhas nunca foram entregues. Foi sua segunda experiência mal sucedida na diversificação de investimentos. Na primeira, com a Fazenda Reunidas Boi Gordo, ela investiu pouco menos de R$ 30 mil e agora está na fila dos credores.

    Coincidência ou não, o golpe do ouro parece destinado a um público específico, embora qualquer investidor desatento possa cair na armadilha. Os endereços da Ourobraz na matriz carioca e em São Paulo estão próximos às entidades máximas do futebol. Localizada no número 91 da rua da Alfândega, no Rio de Janeiro, a Ourobraz ficava a 80 metros da antiga sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que recentemente se mudou para a rua Victor Civita, 66. Em São Paulo, o escritório de Maria Aparecida está no edifício número 799 da rua Federação Paulista de Futebol, a 78 metros da mandatária do futebol paulista. Os jogadores são pouco receptivos para falar de seus investimentos, mas Maria Aparecida tentou, ao menos, convencer alguns atletas do Santos F.C. a comprar a “caderneta de ouro”. DINHEIRO não conseguiu localizar o ex-juiz Aragão para comentar a denúncia de Terezinha.

    Se tivesse tido mais cuidado e verificado as informações sobre a empresa, a investidora poderia ter evitado o prejuízo. A Ourobraz está registrada como uma empresa de comercialização de artigos de joalheria no varejo no Rio de Janeiro. Para oferecer a tal caderneta de ouro, deveria ter permissão do Banco Central (BC). E a Ourobraz não possui essa chancela.

    O site (www.ourobraz.com.br) não fornece muitos detalhes sobre os donos e gestores. Nem o atendimento telefônico, testado pela DINHEIRO. “Temos 30 anos de mercado e isso responde a qualquer pergunta”, limitouse a dizer, na quarta-feira 27, Mércia Oliveira, gerente comercial da Ourobraz. A companhia já foi acionada judicialmente pelo BC em 2005 pela “captação de recursos parcelados do público para aplicação em ouro ou certificados de depósito desse metal, sem prévia e expressa autorização”. Foi multada em R$ 3,8 mil, pagos em 2008. Além disso, um dos proprietários, Wilson Borges Pereira Neto, foi processado cível e criminalmente por supostos crimes contra o Sistema Financeiro Nacional.

    O exemplo vivido por Terezinha é um alerta para todos os investidores, que devem sempre se assegurar se a instituição possui autorização do BC ou, no caso dos fundos de investimento, se estão inscritos na Comissão de Valores Mobiliários (CVM). A consulta é simples. A contrapartida é saber que há controle e fiscalização sobre eles. Além disso, todo cuidado é pouco com os tipos de investimentos oferecidos. “O ouro em barra não funciona como investimento”, alerta o presidente de uma corretora especializada no metal.

    O ouro ficou na vitrine como uma boa opção após valorização de mais de 40% no auge da crise financeira, quando ultrapassou os US$ 1 mil a onça-troy. Quem quiser arriscar, pode negociar ouro nas corretoras autorizadas pela BM&FBovespa.

    A propaganda do investimento e o contrato. papel timbrado da ourobraz tem telefones com apenas sete dígitos

    Os únicos extratos recebidos pela investidora (acima) e os cheques de terceiro repassados para ela (ao lado)

    Pesquisa na Secretaria da Fazenda do Rio de Janeiro mostra que a Ourobraz vende joias, mas não atua como agente financeiro

    Outro erro cometido com frequência por investidores inexperientes é a confiança demasiada no gestor. É comum o oferecimento de ajuda para indicar a compra de determinada ação. Ou a indicação de fundos que estão com rentabilidade muito acima da média. Desconfie de casos assim. Terezinha sucumbiu à simpatia de Maria Aparecida, que sempre a visitava para tomar um cafezinho e se prontificou a cuidar do pagamento da caderneta de ouro.

    Terezinha confundiu investimento com amizade e entregou o carnê para Maria Aparecida. Depois do primeiro extrato, Terezinha nunca recebeu outra confirmação de pagamentos. No final, ao consultar a Ourobraz, descobriu que suas cadernetas haviam sido canceladas e que somente três das 13 parcelas pagas haviam sido quitadas na contabilidade da empresa. E, no mesmo contato, foi informada que Maria Aparecida não trabalhava mais para a empresa. “Ela não é mais nossa representante desde outubro”, diz Mércia, da Ourobraz. Será? Procurada pela DINHEIRO, Maria Aparecida Gonçalves esquivou-se das perguntas, comportamento que vem repetindo nos últimos meses. “Não tenho nada para falar. A Terezinha vai receber de volta tudo o que investiu”, afirmou.

    Para minimizar a pressão da cliente, no final do ano passado ela entregou três cheques no valor de R$ 20 mil cada um. Era apenas 43% do valor investido nas barras de ouro, mas com um detalhe: os cheques sequenciais pertenciam a uma terceira pessoa que Terezinha desconhece e, por isso, preferiu não depositar. É bom lembrar que a pirâmide construída nos EUA por Bernard Madoff provocou uma fraude bilionária pagando os resgates com o dinheiro de novos investidores. Assim como eles, resta a Terezinha buscar seus direitos na Justiça

  10. euclydes zamperetti fiori

    Senhora ou senhorita Terezinha, grato pela leitura e pela postagem,
    gostaria de saber qual a verdadeira participação de Aragão nesta história.
    abraços,
    volte sempre

    zamperetti fiori

  11. euclydes zamperetti fiori

    Após melhor leitura, entendi, Maria Aparecida é esposa de Aragão, famoso Aragalo.

    A denominação Aragalo por muitas e muitas ocasiões foi pronunciada pelo senhor José Astolfi, ex-árbitro e tb ex-presidente do SAFESP-Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado de São Paulo.

    zamperetti fiori

  12. TEREZINHA

    Este senhor Aragão não é o mesmo do Pacaembu que o senhor tanto fala? Talvez ele não saiba do que está acontecendo.

  13. euclydes zamperetti fiori

    Terezinha,
    Caso sua referência seja sobre Aragão ex-ártitro, com certeza é o mesmo do caso Pacaembu e protegido do deputado federal:
    Aldo Rabelo.

    zamperetti fiori

  14. ana paula

    trabalhei na FPF e sei as historias deste casal.
    a loira 171 como e conhecida no meio sempre foi a laranja do ladrao
    que e chegado do presidente da arbitragem CBF e do cancer Reinaldo Bastos
    se procurar se acha mais

  15. euclydes zamperetti fiori

    Ana Paula,

    Concordo, Aragão sempre fez estas diabruras, em tempo passado,
    era um dos proprietarios de um corretora de valores,e varios dirigentes ali aplicavam dinheiro.

    Houve grande problema no mercado financeiro, repentinamente ele e seu sócio fecharam a dita cuja.

    Sempre comandou a arbitragem de São Paulo indicando seus amigos ou aqueles que dele se aproximavam, além de lhe puxarem o saco ou aceitando seus pedidos.

    Meus agradecimento pela leitura e parrticipação, caso queira participar maiores detalhes estarei a sua disposição.

    Abraços, volte sempre

    zamperetti fiori
    ex-árbitro de futebol

  16. euclydes zamperetti fiori

    Ana Paula,

    Caso queira colaborar com maiores detalhes, por favor envie e-mail para paulinhonet@terra.com.br.

    Destaque que o mesmo deva ser encaminho para:

    Grato,

    Paz e Saude

    Euclyde Zamperetti Fiori

  17. euclydes zamperetti fiori

    Tens razão, Reynaldo Carneiro Bastos
    é mala e faz tempo.

    zamperetti fiori

  18. euclydes zamperetti fiori

    Salvo engano o nome da corretora era:
    Brooklim.
    zamperetti fiori

  19. wagner

    Boa noite, estou tendo a oportunidade de acompanhar de perto o conflito gerado pelas partes envolvidas neste problema, porem, lhe asseguro que as coisas não estão acontecendo da forma que estão lhe narrando, para maiores esclarecimentos me envie um email como resposta que eu lhe direi meu telefone para melhor elucidar os fatos. grato…

  20. euclydes zamperetti fiori

    Senhor Wagner,

    Caso queira esclarecer algo sobre os fatos aq postados,solicito que
    use o e-mail:

    paulinhonet@terra.com.br

    no mesmo cite q. seja direcionado para euclydes zamperetti fiori

    Paulinho esta por mim autorizado a dialogar.

    grato

    SP-04/-7/09

    zamperetti fiori

    ex-árbitro de futebol

  21. marcelo

    Boa noite, tenho informações de que a sra. Maria aparecida, mulher do ex.arbitro de futebol jose de assis aragão, responde a cinco inqueritos policiais, por apropriação inbita, furto de talões de cheque, extelionato, golpe do ouro e não entregava as barrinhas, tendo inclusive um registro da dona Josefa Luxemburgo no 23º dp, acusando a sra. maria aparecida de furto de cheques, onde nós como terceiros de boa fé, estamos reunindo o cheque trocados no mercado, cujo valor de cada um é de R$.10.000,00, assim, contactamos o famoso aragão que com toda certeza tambem esta envolvido nestes tranbiques, o dinheiro era depositado em contas de MARILIA GONÇLAVES ZAMPIROLLO (filha do Maria aparecida), MARIA IVONE GONÇALVES (mãe dona Maria Aparecida), todos no banco do brasil, existe uma movimentação de mais de 2 milhões de reais nestas contas, sem declarações de IR, contudo, tbm dando margem a crime federais, lavagem de dinheiro e evasão de divisas, estamos prontos á divulgar esta matéria na imprensa em geral, mais conhecida do povo, pois até agora, apenas o fizemos na revista isto é dinheiro (Investidor), grato…

  22. Fatima

    Olá, boa tarde!
    Por favor, peço para que não divulgue meu e-mail.
    Sou moradora do mesmo condominio da Sra Maria Aparecida,venho dizer que a mesma vive pedindo dinheiro emprestado para diversos moradores.No qual está devendo já o bastante para diversas pessoas.
    Ela cortou o cabelo,escureceu e avisou que agora é a dona Maria.O partamento está a venda,acho que precisam tomar uma atitude com a imprensa o mais rápido,pois acredito que esteja fujindo .Sei que a mãe dela mora na Borda da Mata. Sempre chegam cobradores,até policiais,e nunca são atendidos,aliás a mesma proibiu de que se toque o interfone na casa dela, disse não estar para ninguém.
    Isso é gravíssimo,ela é perigosa,aliás,perículosa.
    Deveria sair na capa da Veja.
    Tenho dó do Sr Aragão, que caiu no golpe,pois sei que ela o engana tbm.Pois proibe pessoas de chegar até ele.Tirou celular,mudou o telefone.Ah,para facilitar,acho que posso ajudar,o telefone lá é 33928000.
    Está na hora dessa mulher ir para a cadeia.Ela já aprontou o bastante.
    Sei de muitas coisas,mas preciso me calar por segurança.
    Obrigada.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: