Advertisements

Os mártires da Fiel

 

“O Corinthians se solidariza com seus torcedores vitimados, verdadeiros mártires…”

Andres Sanches, o presidente que tem medo.

O blog inicia uma campanha no dia de hoje.

Não podemos esquecer-nos de nossos mártires.

Gente de conduta ilibada, postura digna e de contribuição inquestionável para o crescimento do Corinthians.

Não estou falando de Neco, Luisinho, Rivellino, Sócrates, Neto, Marcelinho ou Carlitos.

Eles nada representam perto dos Gaviões da Fiel.

Assim como Tiradentes, o mártir da Independência, ou até Jesus Cristo, mártir do Cristianismo, eles demonstram o verdadeiro espírito que conduz o Corinthians aos caminhos de glórias.

Muitas foram as batalhas.

Vários os mortos e feridos.

Mártires homenageados pelo único presidente de clube que lhes deu o devido respeito e valor.

Semelhantes em tudo.

Na maneira de agir e principalmente na retidão de caráter.

Que sejam colocados no clube, de preferência em frente da sala onde se reúne os conselheiros, bustos desses homens que tanto sangue já tiraram pelo Corinthians.

Acredito também que um feriado precisa ser criado para homenagear o martírio de um povo tão trabalhador.

Sugiro a data de 1º de Abril, dia em que todos os discursos de Andres Sanches são relembrados, sempre com grande adoração.

Para facilitar o entendimento daqueles que ainda relutam em abrir o coração para os mártires da Fiel, selecionei o vídeo abaixo, que demonstra claramente a importância que eles possuem para o clube.

Peço que assistam até o final para que possam ter a real dimensão do que estou falando.

Facebook Comments
Advertisements

47 comentários sobre “Os mártires da Fiel

  1. Marcelinho Bicudo

    Não é à toa que o Andres está sempre de copo na mão!!! O cara foi se amarrar só com pessoas finas… tem de beber é muito!

  2. Londres

    Parabens por suas materias imparciais, os “jornalistas” torcedores so manipulam as informacoes e o publico que cego de paixao deixa a razao de lado.

    Infantil, os que ainda precisam se xingar de bambis,frangas,porcos… para se auto afirmarem como “homens”

    Covardes e fracos, os que se juntam em bandos pois nao conseguem aceitar que o outro nao torca para seu time. Com este pensamento deveriam achar certo todos amarem sua mulher tambem.

    Mas o pior e que o exemplo vem de cima, de presidentes como o do Corinthians, de jornalistas da tv que so falam bobagem e buscam a violencia para depois terem o que reportar na semana seguinte.

    O fanatismo nunca e bom e geralmente os que fazem parte destas organizadas nao tem uma vida fora dela. Nao tem sucesso, nem tem perspectivas e a unica maneira de se sentirem vencedores e atraves da vitoria do time, pura ilusao… pois continuam os mesmos fracassados de sempre no dia seguinte.

    E preciso torcer mas pensar antes de comentar. Jogar a culpa toda no vizinho e enaltecer bandidos? Menosprezar o estadio alheio quando nao tem um proprio? Chega a ser patetico

    Sou Sao paulina e sei que no meu time tambem tem organizada, nao critico so o time adversario.

    Nao moro no Brasil, desisti da sujeira toda que vem la de cima, mas admiro os que ainda tem esperanca e lutam por um pais melhor.

  3. Marquinhos

    Duas noticias para calar a boca de todos……..

    ouviu relatos de quem viu as cenas do circuito interno do Morumbi de domingo antes que elas fossem enviadas à Polícia Militar, não é mostrada nenhuma bomba sendo jogada, a não ser as três dos policiais, contradizendo a versão da Polícia Militar. Após o clássico, o Comandante do 2Batalhão de Coque, Hervando Luiz Veloso, disse que uma bomba teria sido jogada e, sentindo-se acuados e sem identificar o autor, a PM teve de agir em represália.

    Nas imagens, praticamente ninguém aparece no estacionamento, de onde a bomba teria vindo, apenas alguns profissionais de imprensa, por volta das 18h30, segundo registro feito pelo circuito interno do Morumbi. Poucos torcedores passaram pelo local, mas nada de suspeito foi identificado nas gravações.

    segunda

    Membros do Contru (Departamento de Controle do Uso de Imóveis) da prefeitura de São Paulo estiveram na manhã desta quarta-feira no estádio do Morumbi para vistoriar as obras realizadas no local para o jogo entre São Paulo e Corinthians, disputado no último domingo.

    Acompanhada por dois oficiais do Corpo de Bombeiros, a comitiva da secretaria da Habitação vistoriou o muro construído na rampa e no acesso às arquibancadas do estádio são-paulino, mas o acesso da imprensa não foi permitido.

    Segundo o bombeiro…
    – O muro certamente não tem responsabilidade pelo que aconteceu – finalizou o oficial do Corpo de Bombeiros.

  4. Leonardo

    Ola paulinho, não tenho vínculo nenhum com torcidas, mas porque vc não ataca as demais torcidas como Independente – Mancha – Tupi – Camisa 12 – Dragões da Real – Leões da Fabulosa.?

    Abraços

    Leo

    Paulinho: Para mim todas são iguais, tem que ser extintas

  5. Joao Henrique Levada

    Paulinho, esse vídeo não vale.

    Ou acha que as torcidas adversárias tem cantos lúdicos sobre os torcedores do Corinthians?

  6. Alberto

    Ridiculo, eles não falam do time somente da facção.. ridiculo.. é assim que os cartolas querem que levemos nossa familia nos estádios/ eu heim.. nem a pau Juvenal, Sanches e outros picaretas

  7. ADRIKINGS

    CANSEI DE PEGAR CARONA COM OS CARAS DA GAVIÕES, CANSEI DE CANTAR ESSES GRITOS JUNTO COM OS CARAS, E NEM POR ISSO CHEGO NOESTÁDIO E SAIO BATENDO NOS OUTROS. BEM PELO CONTRÁRIO, SEMPRE TENTO APAZIGUAR OS ÂNIMOS DA GALERA. MAS PAULINHO, DIZ AÍ: VOCÊ ACHA QUE AS OUTRAS TORCIDAS LEVAM CDs DO PADRE MARCELO PARA IREM OUVINDO QUANDO VÃO AOS ESTÁDIOS? SEM DEMAGOGIA CARA, SE A GAVIÕES AFINASSE JÁ SERIA UMA TORCIDA EXTINTA, PORQUE DEPENDER DAS AUTORIDADES PARA FAZER ALGUMA COISA, É SÓ BESTEIRADA… TAI O DOMINGÃO NO MORUMBI COMO FOI…

  8. luiz carlos

    q vergonha, isso não é nunca será uma torcida de time, o q mais parece ser um encontro de detentos do antigo carandiru…essa gaviões são mediocres e repulsivos…já tá na hora do ministério público tomar vergonha na cara e começar a jogar essas porcarias atras das grades, com músicas q só insentivao a violência e ódio….só o corinthians mesmo p aceitar marginais, assassinos e mercenários na sua torcida….uma pena mesmo….

  9. Carlos Almeida

    O Andrés não foi fundador da Gaviões da Fiel e da Pavilhão 9? Se foi está explicado.

  10. Kakashi

    Torcida acéfala essa…Assim como todas as outras que fazem os mesmos cânticos de violência.

  11. Eliandro

    Sinto muito mas vc está passando do limite, chega a ser infantil essa sua questão com o Andrés e a torcida organizada. Ficar com piadinha em uma questão dessa é triste e péssimo para o jornalismo. Porque o nobre colega não questiona a PMSP por autorizar uma “gambiarra” disfarçada de muro no meio do corredor, onde no dito “estádio de 1° mundo” deveria construir uma nova rampa. Agora não é vc que tem conhecidos e parentes machucados. Já fui muito a estádio no meio da Gaviões sou sócio da torcida desde 1994 e nunca fiquei batendo em ninguém, posso discordar de algumas atitudes (democracia é isso) mas nada justifica essa perseguição. Tenho uma idéia, porque vc não tenta conversar com as pessoas, aparece na sede para conversar com a diretoria da torcida e com o Andrés no Corinthians e resolvam essa questão pessoalmente.

  12. P. Martins

    Do que adianta “extinção” das torcidas organizadas, se na verdade eles só serão proibidos de ir em jogos com as camisas das mesmas (Gaviões, Camisa 12, etc), mais os bandidos continuarão a frequentar os jogos do mesmo jeito.

  13. Carlos

    está mais parecendo um onibús de presidio, assistindo tudo isso, fico indignado eles sabem a letra da música do começo ao fim, e não sabem ler e nem escrever, etá brasil.

  14. Julio

    Alguma dúvida de que o que compõe essas torcidas organizadas (todas elas) é a escória da sociedade? Houvesse justiça no Brasil estariam todos em penitenciárias pagando longas penas. É injustificável num país que se diz civilizado a existência dessas gangues de marginais perigosos. A chegada dessa turma no Morumbi pintados como se fossem a uma guerra e gritando “a violência voltou” é a representação típica de quem é esse pessoal.

  15. Leao

    Achei correta a atitude da diretoria de entregar os 10% dos ingressos para a torcida uniformizada. Para entrar nesta arapuca tem que ser profissional. Não dá para um cara normal ir para o Panetone sozinho. Tem que ser torcedor profissional. Amador vai morrer. Sou a favor da liberação geral de ingressos ou o jogo para torcida única. Esta história de 5-10-15% é só para dizer que tem condições de controlar as torcidas nos estádios. O Panetone é inseguro, como é inseguro muitos estádios. Não tem santo nesta história.

  16. Luís Carlos

    Paulinho, acho que os vitimados merecem um tratamento um pouco melhor porque acima de tudo são seres humanos.

    Não são os pais, mães e trabalhadores que estão infiltrados no meio dos malfeitores. São os malfeitores que estão infiltrados no meio dos cidadãos de bem.

    Só lembrando que quem sustenta toda a indústria futebolística são os torcedores, organizados ou não. Sem eles muitas pessoas que se intitulam jornalistas teriam que fazer buraco em asfalto com picareta de borracha para sobreviver.

  17. Henrique

    Eu acho um absurdo a torcida organizada – de qualquer q seja o time – cantar o ódio contra o próximo ao invés de cantar as glórias do próprio time. Se alguém não souber os “apelidos” dos times e todos eles estiverem sem uniforme vc nunca saberia de q time é a torcida.
    Ter torcida organizada tinha constar como formação de quadrilha na lei. Pq, sem hipocrisia, corintiano leva a fama, mas todo time tem uma torcida organizada por bandidos.
    Claro q entoar os gritos não quer dizer nada, mas o insulto inflama. E acaba sempre ruim.
    Tem algo melhor do que aplaudir e apreciar o bom futebol, seja de onde for?
    Eu ainda tenho esperança de ver o futebol brasileiro como exemplo, assim como eu tinha em ver meu país e agora me orgulho de vê-lo brilhar lá fora (pq aqui ainda existem os José Serra e FHC da vida). E sem fugir da luta.

  18. AMon

    Paulinho estava no jogo domingo, não sou gavioes da fiel de carterinha , mas participo dos jogos junto com eles.
    Engraçado que voces sempre defedem a policia, porque nao fala que a policia estava mal intensionada naquele dia, porque ninguem fala que a policia batia a cacetete na parede pra tentar intimidar agente , porque a culpa é so dos torcedores. Voce escondendo a outra verdade , vai acabar virando um mentiroso assim como o presidente do meu time.
    Abraço

  19. claudio

    LONDRES , PARABÉNS PELAS PALAVRAS.
    NENHUMA TORCIDA ORGANIZADA PRESTA, SÃO TODOS UNS BANDIDOS.
    SOU SÃOPAULINO.
    ALGUÉM JÁ FOI NA SEDE DA INDEPENDENTE ? NA GALERIA DA R.24 DE MAIO. DA MEDO SÓ DE VER AS CARAS DOS INDIVIDUOS. EM PLENO MEIO DE SEMANA, OS CARAS ENCHENDO O CANECO.
    ALGUÉM VIU O VIDEO DA GAVIÕES CHEGANDO PARA O JOGO DE DOMINGO PASSADO: GRITAVAM ” A VIOLÊNCIA VOLTOU, A VIOLÊNCIA VOLTOU!.
    NÃO PODE O PRESIDENTE DO TIME DIZER QUE ELES TIVERAM COMPORTAMENTO EXEMPLAR E CHAMA-LOS DE MÁRTIRES.
    E CHEGA TAMBÉM DE SE DEGLADIAREM ATRAVÉS DE PALAVRAS AQUI NO BLOG.
    É UM TAL DE XINGAMENTO PRA LÁ E PRA CÁ.
    FICAM NO MESMO NÍVEL DAS ORGANIZADAS.
    VAMOS RESPEITAR A OPINIÃO DO ADVERSÁRIO.
    PAZ PESSOAL.

  20. Marcos

    Isso não tem nada a ver com torcida uniformizada !! e sim com a falta de educação e a pobreza de um país como o nosso !! a unica diversão dessa galera é se juntar para arrumar briga com as outras torcidas. não tem o que fazer. Graças a deus represento 99,5% da torcida corinthiana que não é assim !! não me importo com os 0,5% das torcidas organizadas. Quantas vezes ja tentaram assaltar eu meu pai e meus amigos no pacaembu , morumbi , etc Isso vale pra todas as torcidas até do Bandeirante de Birigui !! Abcs

  21. Carlos Almeida

    Hoje no diário Lance uma torcedora do Corinthians, pertecente a Gaviões da Fiel envolvida no incidente e que quase perdeu a mãe no conflito com a PM, foi taxativa: “não existiu nenhuma bomba vindo das garagens do Morumbi. A primeira bomba, que estouro e perto dela a ferindo, foi atirada pela polícia militar”.

  22. Renato

    Todo mundo sabe que torcedor de organizada causa problema.

    Sabendo disso, como liberaram aquele espaço e, principalmente, aquele acesso no Morumbi para o jogo de domingo?

    Uma passagem com 3 metros de largura, para um espaço a ser ocupado por 6 mil pessoas, seria perigoso ( e é contra qualquer manual técnico ) mesmo se o público fosse composto por freirinhas enclausuradas.

    QUEM LIBEROU O MORUMBI?

    POR QUE ELE AINDA NÃO FOI INTERDITADO, DEPOIS DO DESASTRE DO ÚLTIMO DOMINGO??

  23. Fabio Queiroz

    Fraternidade…violência sim!Dá pra ouvir essa frase em um dos cânticos, mas afinal quando teremos fraternidade se teremos no meio dela a violência?
    Faz sentido?

    Agora, não venham outros torcedores com hipocrisia dizer aqui que Mancha Verde, Independente e Força Jovem se comportam como grandes torcedores, por que é a mesma coisa, os cânticos são parecidos, só trocam os nomes: galinha, gambá etc.
    Álias, quem pagou pelos prejuízos dos comerciantes e donos de bancas de jornal da Avenida Paulista em 2005?!
    Fizeram o maior arrastão, coisa de bandido e marginal e não foi a torcida do Corinthians não!

  24. Bruno

    Mártir, sim:

    http://www.lancenet.com.br/clubes/CORINTHIANS/noticias/09-02-19/491235.stm?torcedora-pensou-que-ia-morrer-no-morumbi

    Publicada em 19/2/2009 às 11:14

    Torcedora pensou que ia morrer no Morumbi

    Servidora pública perdeu consciência ao ser pisoteada após o clássico e conta o que aconteceu após o clássico no domingo

    LANCEPRESS!

    O clássico entre São Paulo e Corinthians poderia ser mais um motivo para fazer o torcedor se apaixonar pelo futebol, mas virou motivo de medo. O conflito entre corintianos e a Polícia Militar fez a servidora pública Aparecida de Fátima perder a consciência nas arquibancadas e decidir nunca mais ir a um estádio.

    Confira a declaração de Aparecida:

    Eu estava esperando para sair com a torcida do Corinthians do Morumbi. Estávamos brincando, como sempre ficamos. Minhas duas filhas, meu genro e eu. Ficamos esperando para tirar foto e poder sair tranquilamente. Neste momento, começou a chover. Em seguida, a polícia nos liberou e começamos a sair. Quando estávamos já terminando de subir as escadas, foi explodida uma bomba, depois mais três. Eu não sei de onde veio porque eu estava lá atrás. No entanto,uma de minhas filha que estava mais à frente conseguiu ver o primeiro estrondo. Ela viu o policial arremessando a primeira bomba, tanto que ela se protegeu, mas, mesmo assim, a explosão ainda a atingiu.

    Logo em seguida, nós já começamos a aspirar aquele gás das bombas dos policiais. Minha filha foi indo para trás, o que aconteceu com a maioria dos torcedores que estavam na frente. Nisso, nós, que estávamos atrás, não conseguimos recuar.

    Foi aquele empurra-empurra, com a polícia disparando spray de pimenta e descendo o cassetete, nos massacrando.

    Nisso, eles foram nos jogando para trás, até que não achamos mais chão e já estávamos na região da arquibancada laranja.

    Depois disso, muita gente começou a cair, inclusive em cima de mim. Neste momento, eu me perdi do meu genro. Ele perdeu 90% do baço e teve de fazer uma cirurgia para restaurar parte do pâncreas. Ele está no hospital do Campo Limpo. Também me perdi das filhas.

    Em seguida, um senhor meio gordo foi sufocando meu pescoço, me pisoteando. Como ele não conseguia se movimentar, ficou com o pé no meu rosto, me esmagando, e eu não conseguia fazer nada. A polícia, ao invés de ajudar, também pisoteava, distribuía pancadas. Fui perdendo ar, perdi a consciência e não lembro mais nada. Pensei somente que tinha morrido, nada mais.
    Acordei com um torcedor me socorrendo. Eu estava na maca, meu estado era totalmente insignificante. Eu achei que eu tinha morrido, era isso que passava na minha cabeça. E eu pedia a Deus para que preservasse a vida das minhas filhas e que eu servisse de exemplo para as pessoas, para que nunca mais acontecesse aquilo.

    Depois de mais ou menos uma hora, fui atendida. Quando cheguei ao hospital, o médico disse que o colar cervical tinha sido colocado errado. Ficou espantado. Fizeram exames e, por volta da 1h, eles me liberaram, ainda com muitas dores na cabeça, no corpo.

    Não vou ao Morumbi nunca mais. Lá, eu não ponho mais meus pés, porque eu tenho certeza de que vou lembrar dessa tragédia. Nem à Copa do Mundo (2014) eu vou nem minha família, se depender de mim. Vou ver pela TV. Não vou deixar de acompanhar. Futebol é a minha paixão. O Corinthians é a minha paixão. Mas penso seriamente em nunca mais pisar num estádio.

  25. Ribamar Bianchini

    Paulinho, esses nomes que fosse citou devem ser apenas lembrado pelo momento que defenderam a camisa do Corinthians, você precisa entender que esses caras eram profissionais e não fizeram nada mais do que a obrigação de jogar pelo TIMÃO pois os mesmo ganhavam para isso, vamos parar com essa demagogia porque no futebol não tem Santo. Agora a torcida do Corinthians merece todos os esforços da doretoria porque ao contrário dos jogadores ela paga para ver o TIMÃO em campo viu. Quando um atleta chega ao clube ele já vem com o dinheiro dele no bolso e com contrato assinado, se o clube não pagar ele leva o clube na justiça, portanto para com essa conversa de citar nomes do passado pois ÍDOLO é aquele que veste a camisa no momento, quem vive de passado é Museu.

  26. Manoel Camargo

    Desculpe Carlos mas fica dificil de acreditar nessa delinquente, desculpa o termo mas se pode se usado para os homens deve ser tb usado para as mulheres.

    Ela é parte interessada, logo vai culpar o outro lado. Jornalistas afirmaram que a bomba nao veio da PM. A bomba caseira que explodiu era identica as anteriores apreendidas. Quem garante que a bomba nao explodiu por acidente antes de ser utilizada ???? O que, pra mim, eh quase certo.

    Certeza absoluta, só uma mesmo. NAO ACREDITO EM MARGINAIS (seja homem ou mulher)

  27. rogerio L.H.P e R.S.J

    Manifestaçao populares sao assim mesmo , eu poço faler q vou te matar e simplismente ser da boca pra fora , temos muitas musicas q falam de drogas e violencia gratuita e nem por isso deixam de ser manifestaçao socio culturais posso chamar meu irmao de xxxx e ele nao ser gay e ser apenas um torcedor do SP e tb posso mandar meu amigo tomar no c…. e nem por isso ele iria…….Paulinho eu até gosto de ver o seu blog pois vc costuma falar umas verdades q encomodam bastante gente q nao presta , mais q vc anda exagerando na dose do xarope anda.

  28. rogerio L.H.P e R.S.J

    e so completando a mensagem anterior os torcedores q gastam o seu misiro dinheiro e viajam muitas vezes mais de 2000km pra ensentivar o seu time mereci certos privelgios sim na minha humilde, leal e procedente opiniao.

  29. Rafael

    Manoel Camargo:

    Marginal é quem distorce a realidade e mente, para escamotear sua responsabilidade pelo ocorrido.

    A liberação do Morumbi naquele estado, com aquele muro, foi uma vergonha.

    A não interdição do Morumbi, depois do que ocorreu, será uma vergonha.

  30. Everson

    e vc fala em ver ate o final….
    haja estomago Paulinho…..
    só gente boa hein ????
    isso é curintia…..
    isso é a cara do clube….
    isso é a cara de quem joga no clube….
    esse é o SCCP….
    isso tinha que ser passado no Jornal nacional….kkkkk
    esse time me mata de tanto da risada ainda…

  31. jose

    Movimentos organizados populares na arquibancada. Invadir congresso pode? Aí acho que pode , né não, Paulinho?
    Ocupar fazendas e áreas públicas armados de enxadas, foices, pedras, machados e, ocasionalmente algumas armas: “espingardinhas de merda, que não justificam reação”, pode? Aí pode. Pode não?
    Só depende da “área de atuação”? Ou se educa e pune todo mundo que “errar a abertura do penico”, depois de educado, ou baixa o sarrafo em todo mundo ou paramos de brincar de democratismo. E não se pede voto para brucutú, seja em eleição de clubes, seja naquelas que definam quem vai afagar a vagabundalha.

  32. Vicente

    A única chance que tinhamos, de tudo isso mudar, foi jogada fora no ultimo sábado. Pobre Corinthians, mais 3 anos, de mais dos mesmos.

  33. Alberto

    Está se desviando o foco do que realmente interessa no ocorrido.

    Mártires ou bandidos, o fato é que dezenas de ppessoas que foram ao Morumbi assistir uma partida de futebol se machucaram, várias delas com gravidade.

    Brutalidade da PM e amadorismo de cartolas à parte, porque isso não é novidade, a causa do desastre foi a reestruturação das dependências do estádio reservadas para aqueles torcedores: um espaço diminuto, com uma via de entrada estreita em demasia, aquém do que seria necessário para aquelas milhares de pessoas.

    Qualquer tumulto que alí ocorresse teria conseqüências graves. Como teve. Na verdade, foi por providência divina ou por sorte que o resultado não foi muito pior. Quando se lê os relatos de quem vivenciou aqueles momentos de caos e de terror, se percebe que, ao invès e dezenas de feridos, poderiam ter sido dezenas de mortos.

    Se o estopim do desastre foi uma bomba arremessada do estacionamento privativo dos sócios do São Paulo – como informado na primeira versão da PM, a qual os advogados (formais ou informais) do São Paulo tentam desqualificar – a responsabilidade do clube mandante da partida, além de proprietário do estádio, é ainda mais grave.

    O que não pode ser posto em dúvida é a responsabilidade do São Paulo, clube mandante da partida e proprietário do estádio, perante o tumulto que resultou no ferimento de dezenas de pessoas que se dirigiram ao local para assistir uma partida de futebol. (Responsabilidade acessória pelo ocorrido tem quem liberou o estádio naquelas condicões. Frise-se que a construção do muro que afunilou a passagem dos torcedores foi noticiada pela grande imprensa, e até gerou curiosidade e preocupação de quem teve contato com as informações. Portanto, os órgãos competentes não poderão alegar desconhecimento de uma obra, com aspecto de gambiarra, que foi notícia porque vinculada a uma partida de futebol de grande interesse.)

  34. superzeh

    Todas as organizadas deveriam ser extintas…

    Essa desculpa que “embelezam o espetáculo” é conversa pra boi dormir. Quando vou no estádio me preocupo com o que se passa dentro de campo, se a torcida tá cantando, empurrando o time, isso pouco importa…

    Pelos cantos você percebe o quão inteligentes são esses cidadãos.

  35. VERGONHA

    Quase ocorre uma série de mortes no Morumbi,
    só não aconteceu, por sorte.

    E o São Paulo, não vai sofrer punição
    por fazer um corredor estreito para a saída das pessoas
    o que gerou a confusão e todo mundo pisar um nos outros ?

    Não né…. pm, bombeiro, ministério público….
    fazem tudo parte do mesmo clubinho… clubinho da elite…

    quem vai punir o são paulo, se
    quem poderia punir é são paulino ?

  36. Cássio

    Everson,
    vc é mais um elitista idiota que não enxerga a realidade do país.
    Para de ver big brother…

  37. Carlos

    Paulinho…tb sou contra as organizadas…mas daí a generalizar é diferente…vc leu o testemunho da senhora que foi pisoteada….se não leu, leia….nem todo mundo que estava lá era bandido….vc por exemplo foi da gaviões e por acaso era assassino, traficante, ladrão….

  38. Felipe

    o SP fez o que determina a lei, não é culpa da diretoria do SP se o pres. do SCCP resolver dar os ingressos aos Gaviões. Não adianta chororo. Não adianta ser burro e cego e querer que o Sp seja punido pelo fato de possuir marginais nas organizadas.Em todas. Quando vejo o Andres falando sinto pena do SCCP. Me lembra um outro analfabeto ignorante que consegue conduzir uma massa acéfala com bravatas…..
    Tenham certeza, em algum lugar o Andrez sorri…. Enquanto enche o cofrinho….

  39. ken Millazzo

    Paulinho,
    Sou Palmeirense e concordo plenamente com você: não só a gaviões, mas todas, eu disse TODAS, as torcidas organizadas deveriam ser eliminadas da face da terra. Além de não acrescentarem NADA DE BOM ao futebol, alimentam e incentivam a bandidagem, as drogas e a violência. MINISTÉRIO PÚBLICO E PODER LEGISLATIVO: POR FAVOR, ACORDEM! FAÇAM ALGO DE BOM AO FUTEBOL E, DE TABELA, AOS CIDADÃOS DE BEM. ACABEM COM ESSE CÂNCER DA SOCIEDADE QUE ATENDE PELO NOME DE TORCIDA ORGANIZADA.

  40. Mônica

    Depois que a Gaviões rachou, e que uma tal turma assumiu o comando desses torcedores, a violência se instaurou de tal forma dentro da quadra que até a independente ficou com inveja de ter perdido seu posto de torcida mais violenta.
    O que fazem as autoridades que ainda não deram um jeito nesses torcedores que andam cuidando da torcida organizada????
    Até quando iremos ter que assistir aos jogos do sofá para não termos nossos familiares agredidos por eles???
    Paulinho, por que voce não faz um manifesto aqui no seu blog pedindo a desorganização dessas organizadas??? Eu seria a primeira pessoa a votar a favor de colocarmos cada um em seu devido lugar….

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: