Advertisements

Mengo firme pela Libertadores

Por JUCA KFOURI

http://blogdojuca.blog.uol.com.br/

Botafogo e Flamengo começaram a jogar no estádio errado porque deveriam estar no Engenhão e não no Maracanã.

E logo de cara o Botafogo foi vítima de mais um erro de arbitragem, que não deu um pênalti de Bruno em Jorge Henrique.

Daí, viu-se um primeiro tempo morno, como se o Flamengo não precisasse lutar, ao menos, por vaga na Libertadores.

Bruno fez uma defesaça e quase foi só.

O segundo tempo foi melhor.

E as melhores chances foram do rubro-negro.

Numa delas, Ibson e Josiel perderam o mesmo gol.

Juan se machucou e teve de sair, ele que era o que mais criava.

Kléberson entrou em seu lugar e na primeira bola que pegou deu um passe precioso para Ibson, que foi derrubado pelo goleiro Renan dentro da área.

Este pênalti o árbitro marcou.

E Kléberson, em sua segunda participação na partida, fez 1 a 0, aos 39.

Era o Flamengo a apenas um ponto do Palmeiras, com quem joga na próxima rodada, no Maraca.

Graças, também, a Bruno, que pegou mais uma bola milagrosa à queima-roupa, de Flávio.

Andre Luís ainda recebeu um cartão amarelo, que deveria ter sido vermelho, coisa que o árbitro não mostrou, talvez, por temer a reação do zagueiro.

Mas, em seguida, Eduardo foi expulso.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Mengo firme pela Libertadores

  1. pedro

    Caro, se não acompanha o futebol carioca, é melhor não falar o que não sabe ou não conhece: O nome do botafoguense que deu o último chute a gol é Fábio. Fábio. Não, Flávio!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: