Advertisements

Os pés de Garrincha

Por ROBERTO VIEIRA

http://oblogdoroberto.zip.net/

Eram apenas pés, mas que pés eram aqueles!

Pés capazes de reescrever a história.

Uma, duas, milhares de vezes partindo em desabalada carreira pela extrema direita.

Céleres. Pés que comoviam e faziam rir os estádios mundo afora.

Pés de uma ingenuidade desconcertante.

Outros pés vinham e tentavam conter a corrida do homem da camisa sete.

Pés ortopedicamente perfeitos. Anatomicamente perfilados.

Em vão.

Eis que os pés desalinhados e improváveis tornavam a driblar o diagnóstico frio e cruel do subdesenvolvimento.

As quatro linhas do gramado eram sua casa, como as Minas Gerais eram a casa de Antônio Francisco Lisboa.

Dois aleijadinhos esculpindo o barroco nas artes e nos campos.

Dois aleijadinhos sublimes na humilde tarefa de enlevar o ser humano.

Quem sabe os pés e as pernas tortas de Garrincha não foram torneados pelas mãos deformadas do Aleijadinho?

Quem sabe Garrincha não era mais um profeta de Congonhas?

Disseram que os pés de Garrincha agora repousam na Calçada da Fama do Estádio Mário Filho.

Blasfêmia.

Os pés de Garrincha nunca abandonaram o Maracanã…

Facebook Comments
Advertisements

2 comentários sobre “Os pés de Garrincha

  1. euclydes zamperetti fiori

    Aproveitando-se dos pés de Garrincha, João Havelange,chegou a presidência da FIFA, onde permaneceu anos a fio, durante este tempo, Havelange contou com a conivencia de dirigentes tão corruptos quanto, não nos esqueçamos das famosas reportagens q. circularam pela europa e q. foram divulgadas neste Brasil, brasileiro acusando-o de ser contrabandista de armamentos.
    Aquem deste, o “impoluto” Havelange circulou e circula lépido pelos imundos corredores de nossa politica, foi o criador de Ricardo Teixeira, seu ex-genro e atual amigo do braço curto que com populismo avocam para nosso país a Copa do Futebol Mundial que sera disputada em 2.014. Temos fome, nos falta cidadania, grande parte é provida do dar e receber, mais do pouco produzir, se faz urgente lhes concientizar e lhes dar condições uma vez que o trabalho é a mola propulsora para nossa sobrevivência.
    Acorda, Brasil

  2. Heloisa

    Pra mim Garrincha foi ainda melhor que Pelé. Pena que foi destruído por um conjunto de desgraças…

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: