Advertisements

“Obrigado, Zeca Pagodinho”

Da Folha de São Paulo

Por Barbara Gancia

“Sou pai de uma menina de 15 anos e de um menino de 13. O meu calvário está apenas começando…”

FOI SURPREENDENTE A resposta à coluna da semana passada, “Chegou a Zeca-Hora de dar um basta”, sobre a letal combinação de bebida, direção e juventude.

Mesmo tendo sido publicado no meio de um feriado prolongado, o texto gerou mais de 200 e-mails de leitores. Desses, apenas quatro, enviados por jovens com menos de 25 anos, traziam críticas às minhas considerações. O número reduzido de protestos é inusitado em se tratando de coluna assinada por mim.

Posso dizer que, em 24 anos como colunista da Folha, nunca tinha visto tamanha unanimidade.

Pelas mensagens recebidas, deu para perceber que pais e educadores estão fartos de ver a molecada se matando no trânsito. Para aqueles que compartilham desse sentimento, hoje resolvi publicar trechos de algumas das mensagens que me foram enviadas. A eles: “Sua coluna expressa toda a minha angústia e desespero como mãe de jovens de 21 e 23 anos. Toda vez que eles saem de casa, só consigo dormir quando ouço o barulho da chave na porta. O estresse é total. Os pais na maioria são coniventes, e já cansei de ouvir de amigos que eles entregam a sorte ao anjo da guarda dos filhos, uma vez que nada podem fazer”.

“É possível apontar apenas uma tímida denúncia da imprensa, obediente às robustas verbas publicitárias. Enfim, essa questão deve ser resolvida pelas famílias, pois nossas instituições fracassaram.” “Como pai de um jovem, fui um dos signatários do abaixo-assinado entregue ao Congresso pedindo urgência na votação da lei que regulamenta a propaganda de bebidas.

Infelizmente, fruto da pressão daqueles que você apontou como causadores dessa verdadeira conspiração contra os jovens, o referido pedido foi retirado.”

“Como professor da USP e tendo contato próximo aos alunos, vejo com preocupação o crescente consumo de bebidas alcoólicas. Talvez os grandes culpados sejam os “jovens” da nossa geração…” “Obrigado, Zeca Pagodinho, por tudo o que o senhor tem feito pelo país, principalmente pela juventude, nosso muito obrigado. Obrigado pela Zeca-feira, dia consagrado ao maior consumo de cerveja (…)

Não podemos culpá-lo por tudo, sabemos que vários fatores fazem aumentar o consumo de bebidas. Mas será que o senhor se lembra das cinco jovens mortas em acidente em Mogi das Cruzes: Narel, Liliane, Suelen, Jéssica e Alessandra? O porta-malas do carro em que elas trafegavam estava cheio de garrafas.”

“Trabalho no pronto-socorro do Hospital das Clínicas há 15 anos. Estamos diariamente expostos a diferentes tipos de traumatismos com freqüência assustadoramente elevada. Estamos diante de uma epidemia de trauma!”

“Tenho uma sugestão: que tal o bom e zeloso governo controlar um pouco a sertanejada e suas maravilhosas canções? “Beber, Cair, Levantar” é um hit da genial dupla Bruno e Marrone. Toca o dia inteiro, até em festa junina de escola.”

“No feriado, estive no pronto-socorro de Campos de Jordão acudindo dois jovens que compraram pinga num posto de gasolina para fazer o tal “esquenta”. Eles caíram bêbados na rua e nem conseguiram chegar à festa. Sou pai de uma menina de 15 anos e de um menino de 13. O meu calvário está apenas começando…”

Facebook Comments
Advertisements

12 comentários sobre ““Obrigado, Zeca Pagodinho”

  1. Denilson Martins

    É uma sacanagem a lavagem cerebral que as empresas de bebidas fazem em nossos jovens.

    E pior, o esporte, ou jornalistas canalhas e safados ligados ao esporte, também contribuem pra propagação do consumo de bebidas, o que é absolutamente incompatível com a prática esportiva.

  2. Anilson Pereira

    Caro Paulinho

    Trabalho como voluntário em uma instituição espirita que tem um programa de recuperação de dependentes quimicos e nesse tempo pude ver o estrago que as drogas fazem. Esse trabalho é feito em um albergue que mantemos você sabia que quase 100% dos albergados chegaram nessa situação devido as drogas.

    E que a maioria desses é devido a bebida e todos começam com uma “simples” cerveja.

    Verificamos também que comercial de cerveja não é feito pra adulto pq adulto tem a sua marca predileta e não troca. Comercial de cerveja é feito para crianças e adolecentes. Por isso que tem bichinhos, festas, praias, refrões e etc…

    O consumo de bebidas entre os jovens é alarmante vemos isso todos os dias.

    E com o passar do tempo eles procuram “coisas” mais forte pq a cerveja já não da mais “brisa” ai entram em drogas mais pesadas.

    Portanto deveriam tirar do ar esses comerciais.

    Mas existem os interesses comerciais e enquanto isso estamos perdendo nossos jovens ou em acidentes de transito ou tendo que lidar com a dependencia quimica.

    Portanto temos que “agradecer” o Zeca, a Juliana Paes, o Ronaldo todos esses que ganham em cima da desgraça dos outros.

    Parabéns pelo seu trabalho

    Abraços

  3. DONIZETE

    O problema é muito grave. Estamos construindo um país de alcoolatras. Enquanto isso, os De(puta)dos do RIO, se unem para livrar a cara de um de seus comparsas. Que país é esse ?

  4. PEDRO PAULO

    Precisamos esquecer o individualismo que reina em nossa sociedade, caracterizado pelo célebre “cada um sabe o que faz”, substituindo por uma política de concientização social, através da educação e da redução de enorme influência do mercado, reduzindo, o nível de persuasão da publicidade de bebidas alcoólicas.

  5. Leonardo

    Eu não entendi nada… Devo mmo estar mto burro ou as cervejas afogaram meus últimos 2 derradeiros neurônios… Desde quando, e onde, Zeca Pagodinho defendeu ou fez alguma alusão sobre beber e dirigir? O cara tem motorista, segurança, dinheiro e o escambau. Ele bebe e alguém leva ele prá casa… O q tb faz minha abnegada esposa comigo. Desde qdo fazer propaganda de bebida é fazer propaganda para beber e dirigir?! Eu bebo (não por causa do Zeca) mas depois não dirijo (tb não por causa dele).

  6. marcelo cardozo

    Enquanto muitos lares(famílias) são destruídos por ter um parente alcoólatra, ou por ter algum ente morrido em decorrência do uso abusivo das bebidas, muitos artistas vão enchendo seus bolsos, vide Ivete Sangalo, Zeca pagodinho, Daniela Mercury, e pasmem, jornalistas. E, não esqueçam que a bebida alcoólica é uma das “drogas” mais baratas.

  7. Anilson Pereira

    Leonardo…

    A questão não é beber e dirigir. Isso ai é só pra desviar o foco. O grande problema das cervejas é que suas propagandas estão sendo direcionadas para as crianças e adolescente o que esta criando uma geração de alcoolatras. Esse é o maior problema. As propagandas de cerveja só mostram jovens bonitos se divertindo e a gente sabe que a realidade não é essa. Isso entra na cabeça dos jovens como uma coisa bacana e a realidade é outra.

    Quanto a beber e dirigir é um problema menor e você faz parte de uma minoria consciente que bebe e entrega o carro pra outro. Mas a maioria bebe e sai dirigindo.

    Abraços

    Anilson Pereira

  8. celso

    fala paulinho… celso, do site http://www.eternosantos.com

    olha… vou ser bem sincero sobre esse tópico.

    na minha opinião… quem bebe tem problema de auto estima e insegurança.

    isso é simples de entender… são pessoas sem personalidade propria… sem neuronios, sem cultura, sem educação… ou seja, verdadeiros SEM NADA.

    esses relatos desses pais chegam a ser nojentos… eu tenho 34 anos, sou homem, não bebo, nem fumo… nunca coloquei alcool na boca porque sempre tive opinião de que faz mal… nunca fui por “amigos” porque desde cedo eu aprendi que amigos são pai e mãe… o resto é colega de cumprimentar e não sair pra beber,,, isso é coisa de idiota… eu tenho uma ideia comigo… homem que anda muito com homem pra mim não é homem.

    vamos pensar assim… a pessoa bebe pelos motivos que ja citei aqui e não por causa de propagandas na televisão…

    O POVO SEM CULTURA, IGNORANTE….

    abraços paulinho…

    meu site…www.eternosantos.com – com novidades… acessem

  9. Maicon

    beber, cair e levantar não é de bruno e marrone, pelo menos, nunca ouvi eles cantando e ninguem citou essa musica como de autoria deles, pelo menos para mim. Só conheço ela na voz de andré e adriano e de uma outra dupla, da qual não recodo o nome.
    Não há como negar que a bebida alcoólica seja a principal responsável pelos acidentes no transito, e que a midia seja a maior responsável pelo elevado consumo, por mostrar, principalmente em novelas e seriados, que beber até encher cara é “bonito”.

    Abrços,

    Maicon

  10. maria vilarino

    m vilarino
    24 1 2009
    minha opniao sob bebida e das piores
    tais coisas tem destruido varias familias e acabado com grandes lares
    desnortiado muitos jovens q enventou a bebida estava mais q bebado.isto sem falar qtas mortes c a inresponsabilidade da bebida. eu
    tenho a bebida alcolica um terror.
    abcus
    maria.

  11. Débora Sampaio

    Caro Paulinho,
    fico feliz em ver tamanha repercussão dessa matéria. Sou psicóloga escolar e estou finalizando minha dissertação sobre o consumo do álcool pelas adolescentes de 10 escolas privadas do RN.Desse estudo uma séria de dados me chamam atenção, mas um dos que mais me assustaram foi perceber que a bebedeira das meninas tem se iniciado em casa, com a família e cada vez mais cedo. A responsabilidade não é só das propagandas,mas dos familiares.

  12. BELKISS PEREGRINO ROCHA

    ZECA PAGODINHO CAVIAR RESPOSTA

    ZECA PAGODINHO CAVIAR RESPOSTA

    você sabe o que é caviar?
    VEJAM SÓ O QUE É CAVIAR
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    SÃO AS OVAS DOS PEIXES QUE VIVEM NO MAR
    mas você sabe o que é caviar?
    MAS VEJAM SÓ O QUE É CAVIAR
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    É TÃO CARO QUE O POBRE NÃO PODE COMPRAR

    caviar é comida de rico curioso fico, só sei que se come
    SÓ O RICO QUE COME ESSE PRATO, TEM QUE TER BOM TRATO PRA SE DEGUSTAR
    na mesa de poucos fartura adoidado
    E NA MESA DO POBRE COITADO
    mas se olha pro lado depara com a fome
    ELE FICA DE LADO SEM PODER ENTRAR
    sou mais ovo frito, farofa e torresmo
    MAS QUEM SABE ALGUM DIA EU CONSIGO
    pois na minha casa é o que mais se consome
    A CONVITE DE AMIGO MAIS RICO QUE EU
    por isso, se alguém vier me perguntar
    PODER PROVAR POR FIM ESTE PRATO
    o que é caviar, só conheço de nome
    QUE POR NÃO SER BARATO DE MIM SE ESQUECEU!

    você sabe o que é caviar?
    VOCÊ SABE O QUE É CAVIAR?
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    SE SÃO OVAS DE PEIXES, POR QUE NÃO PROVAR?
    mas você sabe o que é caviar?
    MAS VOCÊ SABE O QUE É AGUEMTAR?
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    VER SÓ RICO COMENDO E O POBRE A OLHAR…

    geralmente quem come esse prato tem bala na agulha não é qualquer um
    GERALMENTE ESTE PRATO É SERVIDO EM FESTA DE AMIGO QUE É “GENTE BEM”
    quem sou eu pra tirar essa chinfra
    DE REPENTE A FRESCURA É TAMANHA
    se vivo na vala pescando muçum
    PREFIRO A LAZANHA QUE MAIS ME CONVÉM
    mesmo assim não reclamo da vida
    MESMO ASSIM SEM PROVAR ESTE PRATO
    apesar de sofrida, consigo levar
    SEI QUE BEM ME TRATO NO ARROZ COM FEIJÃO
    um dia eu acerto numa loteria
    QUE É MEU ALIMENTO GOSTOSO DE FATO
    e dessa iguaria até posso provar
    COM MUITO TEMPERO NO MEU CALDEIRÃO

    você sabe o que é caviar?
    VOCÊ SABE O QUE É CAVIAR?
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    É COMIDA DE RICO QUE VIVE A ESNOBAR
    mas você sabe o que é caviar?
    MAS VOCÊ SABE O QUE É CAVIAR?
    nunca vi, nem comi, eu só ouço falar
    EU NEM FAÇO QUESTÃO DE ALGUM DIA PROVAR…

    CLUBE DOS COMPOSITORES DO BRASIL

    Certificado de Registro e
    Arquivo de Música

    Número do Registro: 20627007d08113h224649_m1,
    Certificamos que BELKISS PEREGRINO ROCHA, inscrito sob o cpf 09566619804, registrou no Cadastro do Clube dos Compositores do Brasil, como de sua autoria, sob o numero 20627007d08113h224649_m1, em 3/11/2008, a música de título:

    ZECA PAGODINHO CAVIAR RESPOSTA – Registro da Letra (poesia).

    Como prova de anterioridade, o presente registro ficará arquivado, tendo a chancela e a data registrados por selo Hora Certa de Comprova.Com, avalizado pelo Observatório Nacional através de convênio com o Ministério da Ciência e Tecnologia.
    São Paulo, 3/11/2008 .

    Clube dos Compositores do Brasil – Dpto. de Registro
    Copyright © 2003 CLUBE DOS COMPOSITORES DO BRASIL
    Todos os direitos reservados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: