Advertisements

A máfia e a justiça.

Boris Berezovsky, mafioso, patrão de Kia Joorabchian, amigo de Andres Sanches, pediu “Habeas Corpus” no STF brasileiro.

Chega a ser hilária a sua cara de pau.

Quero ver se algum magistrado se submeterá a conceder o “benefício” ao dono da MSI.

Não posso acreditar nessa hipótese.

Se acontecer é melhor fechar os tribunais e mandar prender os juízes.

Seria o cumulo da conivência com a corrupção.

Facebook Comments
Advertisements

20 comentários sobre “A máfia e a justiça.

  1. larissabeppler

    Dá vontade de chorar …

    Saber que o meu Corinthians , nascido de um ideal tão nobre e bonito, o time do povo, hoje está nas mãos desses bandidos!

    Inaceitável!

    Paulinho: Revoltante

  2. Divanio

    Paulinho,

    O Bóris quer vir ao Brasil dar um abraço no Andres e aproveitar para dar uma espiadinha no projeto do estádio corinthiano.

    Paulinho: Não duvido

  3. sergio murilo

    essa turma de mafiosos continuam comprando muito jogadores ainda…o flamengo tem muitos da msi la….o poluidor do morumbi tb tem feito negocios com ssa gente..a verdade e que todo jogador que vai pra portugal e leste europeu e tudo deles …mas so se fala do timao.

    Paulinho: Porque ainda são, no papel, parceiros do Corinthians

  4. Alexandre

    Duvida?

    Deixa o pedido cair nas mãos do Marco Aurélio Mello, o msm q deu o habeas corpus pro Cacciolla.

    Paulinho: Sempre tem os “cartas marcadas”

  5. José

    Com relação, a está notícia o pais não é democrático e que permite a todas as pessoas se defenderem, pelo que sei este pedido é para que ele entre no pais para se defenda de acusações, que até se prove a origem do dinheiro ela é digna, então as autoridades é que tem que provar que este dinheiro é ilicito. A Inglaterra é um dos paises mais exigentes com relação a origem de pessoas e dinheiro, este sr. mora na Inglaterra. O Sr. Paulo Maluf e outros politicos possuem coisas mais gritante feitas no pais e não é tido como bandido, então devemos comentar aquilo que sabemos o que os jornais dizem nem sempre condiz com a verdade. Depois que se provar a oigem de tudo ai sim podemos julgar, por enquanto nos cabe simplesmente esperar, e sem julgamento. O que fazemos muito bem e até condenamos.

    Paulinho: Claro, Boris e Maluf são pessoas de bem….

  6. geraldo c araujo

    Nada é impossível para quem concede habeas corpus ao casal Hernandes e lhes assegura o direito de continuar iludindo otários. Os advogados do russo devem até ter citado esse precedente para justificar o pedido.

    Paulinho: É capaz de se utilizarem dos tradicionais “cartas marcadas”

  7. Renato Giz

    Paulinho,

    Vc q se diz entusiasta da democracia, não passa de um amante da ditadura, pois querer pautar uma decisão de um tribunal pelo q vc acha é o sintoma mais característico da ditadura. Pior, diz q se um juiz conceder o habeas corpus deve ser preso. Que democrata.
    As decisões judiciais são pautadas pelo direito, pelas leis que regem um estado democrático de direito, e não pelo q as pessoas acham, entendem, consideram, etc. Pense um pouco no que escreve, pois se contradizer é muito feio.
    Para se viver em uma democracia somos obrigados a conviver com bandidos beneficiados por decisões judiciais, pois estas são as mesmas que podem nos beneficiar em caso de alguma injustiça nos ser imputada, como há pouco acontecia em nosso país que viveu um regime militar em que grande parte da população achava certo prender, torturar e deportar os comunistas q tanto atormentavam o país (na opinião de quem era a favor do regime, claro).

    Paulinho: Sou obrigado a respeitar uma decisão judicial mas não a aceita-la. Nem tudo que é legal necessariamente é justo.

  8. William Caridade

    Segue uma pergunta de um leigo:

    Não seria melhor conceder o tal habeas corpus para o russo vir defender-se no país para aí sim a justiça brasileira apresentar todas as provas e prendê-lo aqui mesmo, e quem saber extraditá-lo para Rússia ?

    Aposto que o Putin iria adorar essa idéia.

    Paulinho: Seria um precedente bom para a defesa dele

  9. T. Q. Mada

    O Tribunal da Santa Inquisição Anticorinthiano já condenou à morte na fogueira todos os investidores passados, presentes e futuros do Corinthians.

    Paulinho: Só os desonestos

  10. José Américo

    Infeliz o comentário do Sr. José. A Inglaterra é notoriamente conhecida por aceitar dinheiro e investimentos, simplesmente por sê-los, sem questionar a origem ou o dono do dinheiro. Por outro lado, assiste razão ao Sr. Renato, por questões jurídicas o Habeas Corpus têm grandes chances de ser concedido. Como ele disse, devemos ter em mente que vivemos em um Estado Democrático de Direito, sob o império da lei, e ela é feita para beneficiar quem quer que possua determinado direito, indistintamente. Lembr a você, Paulinho, que a decisão concessiva da segurança do habeas Corpus não deve ser norteada por critérios pessoais, mas sim pela observância do devido processo legal pelo Juiz que conduz a causa, a Polícia que colheu as provas e o Ministério Público que elaborou a denúncia. Se alguém dessa tríade errou na sua respectiva atuação, a concessão do habeas corpus será inevitável, infelizmente. Então, não adianta jogar a culpa de antemão em quem for julgar a demanda. Isso é fazer conceito errado das coisas. É atribuir a culpa a alguém por trabalhar idoneamente. Pense nisso antes de elaborar novos comentários sobre casos semelhantes.

    Paulinho: O problema é que o caso dele é de corrupção evidente, alem de ser procurado pela justiça em diversos paises

  11. claudio weinschenker

    Agora além de jornalista, o Sr. também é advogado e profundo conhecedor da Lei????

    Paulinho: Sr. “amigo de Kia”, já estava sentindo a sua ausencia. Não poderia esperar opinião diferente de seu cerebro corrompido.

  12. Rodrigo Azeredo

    O habeas corpus é um remédio constitucional, que tem como objetivo assegurar a efetividade do direito à liberdade, garantido a todos em nossa Constituição. O Poder Judiciário sempre concederá habeas corpus quando houver ameaça ou coação à liberdade individual, decorrentes de ilegalidade ou abuso de poder. É uma das principais garantias do Estado Democrático de Direito, pois limita a esfera de atuação de Estado e sua ingerência na vida dos indivíduos.
    Para que a liberdade de um indivíduo seja cerceada em nosso país, deve ser respeitado o princípio do devido processo legal, tanto em seu sentido formal (procedimentos) quanto material (proporcionalidade entre a medida adotada pelo Estado para consecução do resultado pretendido) . Caso contrário, haverá , no que tange ao direito de locomoção do indivíduo, ilegalidade ou abuso de poder respectivamente.
    No caso do Berezovsky, que espero um dia seja preso (legalmente), o pedido de habeas corpus é preventivo, no sentido de entrar no país para realizar sua defesa contra as acusões que têm lhe sido imputadas. Sendo justas ou injusas essas acusações, o pedido do russo é lícito e garantido em nossa Constituição. Até porque só poderá ser considerado culpado do que é acusado após o trânsito em julgado de sentença penal condenatória.
    Assim, Paulinho, acredite que o habeas corpus possa ser concedido, pois ele é um “benefício” não ao Berezovski, mas a todo cidadão do mundo que pisa em território brasileiro. Sem ele estaríamos todos à mercê do Estado e, você há de concoradar, se a democrácia não é o regime de governo mais perfeito, é o melho que conhecemos.
    Para encerrar, os formadores de opinião devem – não podem, devem – ter muito cuidado ao opinar sobre as instituições de que não têm muita informação. Nenhum magistrado deve ser preso e nem os Tribunais fechados se o Berezovski for favorecido por um habeas corpus. Não será o fim da Justiça no Brasil e muito menos a proclamação da injustiça.
    Não custa nada, antes de emitir sua opinião, ouvir um operador do Direito para saber o que significa o pedido de habeas corpus, quais as consequências possíveis a partir de sua concessão ou denegação, etc. Abraço!
    PS: a pesar das bolas foras esporádicas, continuo gostando do seu trabalho.

    Paulinho: Eu entendo a sua posição. Apenas quis deixar clara a minha indignação se o benefício for concedido. Nem sempre o que a justiça decide é “justo” para a sociedade.

  13. Juliana Freitas

    Resposta ao senhor Azeredo,

    Levando em conta a podridao do judiciario nacional e a propensao de sempre tomar decisoes baseadas no poder politico/financeiro da pessoa, e nao decisoes baseadas na tal etica e moral que ensinam na faculdade de direito, mas se esquecem assim que ganham a carteira da OAB ou outro concurso qualquer, digo;

    E quase certo que Boris ganhe um habeas corpus, mas nenhum “magistrado” (vulgo “doutor”) ira preso, afinal lugar de palhaco eh no circo e nao na cadeia !!

    Para encerrar amigo, eh muita cara de pau escrever o que tu escreveu neh ?! Democracia, Justica…. e alguma vez o tal judiciario ou os tais magistrados que descreve agiram com nobreza, honra, etica ou moral…? So tem pobre e preto presos….por pedaco de pao…rico (principalmente magistrado) mata no Ceara, assassina na Riviera, rouba 180 milhoes em SP, e NUNCA VAI PRESO !!! Entao, vir citar democracia como uma razao para se dar o habeas corpus a um bandido internacional apenas assina embaixo tudo o que eu disse….

    Paulinho: Registrado

  14. Rodrigo Azeredo

    Juliana Freitas, eu não assino em baixo de nada que a senhorita disse. Muito pelo contrário. Não adianta querer gritar contra a medida com base em indícios claros de que o russo é um bandido internacional, pois o mesmo só poderá ser considerado culpado do que é acusado após o trânsito em julgado de sentença penal condenatória. Pelo menos no Brasil e em qualquer outra nação democrática. Aliás, os indícios servem apenas para instaurar o processo judicial. O que já foi feito. Eu não defendo o russo e também acho que ele deva ser preso, mas para isso devem ser respeitados os preceitos legais e nossas instituições. Quanto aos magistrados, posso lhe garantir que a maior parte age com lisura, honra e ancorados na moral e na justiça. Maus profissionais, infelizmente, estão em todas as áreas. Não generalize, pois o risco de emitir um péssimo juízo a respeito do que realmente acontece é enorme. Como eu disse ao Paulinho acima, o perigo quando formadores de opinião expressam-se sem cuidado em compreender direito do que estão falando é criar visões distorcidas do mundo com a sua.
    Beijo!

    Paulinho: registrado

  15. Jarbas

    Paulinho. Olha o que você disse amigo: “Eu entendo a sua posição. Apenas quis deixar clara a minha indignação se o benefício for concedido. Nem sempre o que a justiça decide é “justo” para a sociedade.”

    Resumindo, (de outro lado) você está dizendo: “Apenas quis deixar claro que acho que ele deve ser condenado, e não ter oportunidade de defesa”.(ai sim, negando direito de defesa, será justo para a sociedade?).

    Bola fora.

    O resto é retórica pura.

    Paulinho: Para variar você entendeu errado

  16. Juliana Freitas

    Sr. Azeredo, nem todo mundo tem a Globo como fonte de informacao….

    Paulinho: Registrado

  17. Misha

    Pergunta fácil: habeas corpus a parte, que tem em comum a Kia e a Renascer, o Berezovsky e os Hernandes? Abracos

    Paulinho: Todos merecem estar presos

  18. claudio weinschenker

    “Paulinho: Porque ainda são, no papel, parceiros do Corinthians”. Masi uma vez o Sr. demonstra ser mal informado. O Corinthians notificou/denunciou a MSI que contrato estava rompido (o modo comum de se rescindir qualquer contrato), como não houve resposta por parte da MSI, presume-se rompido o contrato, não havendo necessidade de se ajuizar qualquer ação judicial para tanto, uma vez que não houve qualquer recusa da MSI para tanto. Informe-se, meu caro, informe-se….

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: