Advertisements

Zagueiro palmeirense é vitima de bandidos palmeirenses

 O zagueiro Henrique, do Palmeiras, foi furtado após a partida contra o Corinthians, no Morumbi.

Sua esposa havia deixado o veiculo nas imediações do estádio.

Quando voltaram presenciaram a triste cena.

O carro totalmente amassado, com os pertences subtraídos.

Testemunhas dizem ser obra de torcedores organizados do Palmeiras.

É um fato que acontece sempre nos estádios.

São animais vestidos de torcedores.

Dessa vez a vitima foi um atleta.

Na próxima pode ser você.

Advertisements

Facebook Comments

28 comentários em “Zagueiro palmeirense é vitima de bandidos palmeirenses”

  1. É isso ai… E gente de clubes continuam há bancar ($$$) esses marginais.
    Isso por que é jogador do time deles. Santa burrice…!!!

    Paulinho: Cadeia neles !

  2. A organizada do Palmeiras assaltou um jogador do próprio time??
    Esses lixos humanos(torcedores organizados) a cada dia que passa mostram que não tem amor pelos times e sim pela balbúrdia e pela confusão.
    Uma pena que nenhuma medida mais enérgica é tomada contra esses lixos.
    Nossas autoridades poderiam copiar as autoridades inglesas nesse aspecto.
    Lá na Inglaterra existe uma ficha nacional só com nomes de torcedores briguentos.
    Os briguentos além de terem a entrada proibida em qualquer estádio do país ainda são obrigados a comparecer na delegacia no dia e na hora do jogo.
    Porque não fazem isso aqui no Brasil também??

    Paulinho: É so acabar com as organizadas e numerar os lugares, sem divisão de grupos de torcedores que a violencia diminui

  3. Mas logo o Henrique? E pelos próprios torcedores do Palmeiras?
    Não faz sentido. Logo ele, que foi uma das melhores figuras do clássico. Acho que nem faziam idéia de quem era o carro.

    Paulinho: Foi ele, mas poderia ter sido eu, você…esses marginais não tem limites

  4. Tem relato de torcida, qdo faz excurssão, que nego assalta nego lá dentro.
    Ou seja, pobre assaltando pobre. Vcs acham que sabiam de quem era o carro? Viram carro de “bacana” e já foram assaltando…
    Não tem essa história de ser jogador. Em escola pública, são roubados peças das válvulas de descarga….
    Não são somente as torcidas organizadas…. É a sociedade. É lógico que uma pessoa somada a dez tem muito mais coragem do que sozinha.
    []’s®

    Paulinho: As organizadas servem como um meio de reunir esses lixos da sociedade

  5. Paulinho, bom dia.

    Pela experiência de estádio que tenho são os guardadores que roubam os carros.
    Pedem a grana qdo chegamos por livre e espontanea pressão pra cuidar do carro. E cuidam tão bem que tomam a “liberdade” de entrar e pegar tudo o que estiver dentro dele.. Torcedores pagam para roubarem seus carros.

    Ao final do jogo, nada de guardadores.

    Essa história todos sabem. Acabei chovendo no molhado.

    Paulinho: E ainda tem gente que pede para torcedores irem aos estadios…

    Abraço!

  6. Grande descupa: não sabiam de quem era o carro. Talvez o Rodney acima quisesse que o fosse o carro dele. Desde quando LADRÃO merece respeito? Foi a partir desse momento que o Brasil começou a afundar. E não só roubaram os objetos do veículo, danificaram, amassaram, quebraram. Este pequeno gesto mostra bem o respeito que estes torcedores organizados tem pelas demais pessoas.

    Paulinho: São bandidos vestidos de torcedores

  7. ouvi vc dizer no estádio 97 que trabalha com provas e cadê suas provas sobre esse caso??? “Testemunhas (dizem) ser obra de torcedores organizados do Palmeiras.”
    Assim é complicado vc espor com esse titulo: “Zagueiro palmeirense é vitima de bandidos palmeirenses” vc mesmo escreve que testemunhas (dizem) e não “afirmam” serem torcedores do palmeiras!!! é muito fácil querer expor as organizadas assim e para finalizar sobre a festa que os bandidos vestidos de verde vc não comenta nada? é ruim vc cuspir no pra to que vc comeu…vc já foi de arquibancada….caravanas….

    Paulinho: Nunca comi nesse prato imundo.

  8. Caro Paulinho, o que vou escrever não tem nada a ver com o assunto do Henrique, mas é ainda sobre o caso Futebol Interior: você sabia que o principal cliente desses caras é o Jornal Estadão ? Um amigo que contou que esse cara fornece notícias pro Estadão, e pra todo s o grupo deles – incluijindo Agencia Estado. Não é uma vergonha ?

    Paulinho: O Estadão precisa reavaliar seus fornecedores…

  9. Bem, eu tenho uma solução radical para isso: Cadastro unificado de TODOS os torcedores que frequentam estádios no país.
    Não é cadastrado? Não entra.
    Aquele primo seu do Mato-Grosso veio passar uma semana aqui e quer ir no clássico? Leva ele um dia antes até o estádio, Poupa-tempo, postos da prefeitura, e faz a carteirinha.
    Não é ingresso: É carteirinha para quem vai comprar ingresso, para quem um dia vai em um estádio. Ingresso que será recarregado no cartão, apenas UM ingresso por cartão.
    Podendo ser possível carregar pela internet também.
    É baderneiro? Não entra mais em estádio.
    Acabou a farra dos cambistas..
    Demora mais para entrar no estádio? Com a carteirinha você passa em meio magnético, rapidinho..
    Faz a carteirinha no meio de semana, mesmo que não pretenda ir no jogo..Em meia hora você faz..
    Teve morte no estádio: Você sabe o nome e o endereço das pessoas que tiveram naquele setor.

    Paulinho: Otima ideia

  10. Acompanhei o noticiário pela TV, ví algumas imagens que não via a muito tempo, lamentável o comportamento das torcidas organizadas, o jogo em sí não pude ver infelizmente, estava ocupado com outras coisas importantes mas enfim, como corinthiano não perdi nada né, tomara que os torcedores caiam na real e revejam seus pensamentos, ´já passou da hora disso acontecer, tenhos amigos palmeirenses, são paulinos, santistas enfim, conheço um monte de torcedores de outros times e não gostaria de saber que eles apanharam e ficaram todos arrembetados pela estupidez de alguns, para mim isso é a maior burrice, morrer por um time de futebol que muitas vezes não está nem ai para o torcedor, ví tbm o caso de dois irmãos que se mataram após o jogo um palmeirense e um corinthiano, deve-se ressaltar que a convivencia entre ambos já não era boa, mas o resultado do jogo foi determinante para o fim trágico de uma família, não dá para viver em paz enquanto esse tipo de coisa continuar acontecer. Só peço para Deus iluminar a cabeça de bagre dessa turma senão acabaremos ainda mais com nosso pobre, velho e calejado futebol.
    Abraço irmão.

    Paulinho: É muita gente ruim reunida…

  11. acusaçao sem prova nenhum… “testemunhas dizem”… q testemunhas?! eu to dizendo q nao foram eles… e agora?!

    Paulinho: Simples, acredito em quem me falou e não acredito em você

  12. Se esse Rodney é quem estou pensando, é uma grande besta.

    Paulinho: Não sei em quem esta pensando

  13. Quem roubou o carro do Henrique não foram palmeirenses, mas sim bandidos, que se escondem atrás de uma camisa de clube de futebol. Cadê o promotor que ia acabar com as organizadas ? Virou político. Agora é que não acaba mesmo.

    paulinho: Esse promotor só pensa em se promover

  14. Paulinho.
    A sombra desse episódio fico pensando; “que bom que foi com um atleta e desejo amanhã que seja com a imprensa, com os diretores dos clubes, com autoridades etc etc. Porque? porque enquanto acontece com o torcedor comum(como eu) não existe repercussão na mídia e nada acontece, a vida segue”. Fiu claro!!!!!!

    Paulinho: Ninguem merece ser atacado por eles

  15. Estes bandidos não tem clube.Não são torcedores de nenhum time.Vestem as camisas do Palmeiras,Corinthians,São Paulo mas são somente bandidos.Não nos compare com esta canalha.Para amenizar voce poderia transcrever o comentario do Citadini sobre o FIZ E REFIZ do São Paulo.

    Paulinho: Com certeza não comparo

  16. Resposta ao Alberto: Não defendo o banditismo em qualquer hipótese, apenas acho que não faz sentido que torcedores do Palmeiras roubem um carro de atleta do Palmeiras.

    Paulinho: Não devem roubar carro de ninguem

  17. Independentemente de qual torcida cometeu tal vandalismo.
    Não tinha como saber de quem era o carro, e ontem ouvi em um programa de rádio que o veículo foi estacionado em um terreno baldio.
    Santa inocência.
    Interminável impunidade.

    Paulinho: Esses terrenos são utilizados como estacionamento no Morumbi

  18. Prezado Paulinho, primeiramente boa tarde! (Redijo este e-mail à tarde, caso você leia em outro horário que aceite um bom dia ou uma boa noite!)

    Meu nome é Rodrigo Casarin, tenho 20 anos, sou estudante de jornalismo e trabalho em uma revista. Há algum tempo (um bom tempo, aliás), eu acesso seu blog diariamente, acho louvável o trabalho que você faz, principalmente no que diz respeito às falcatruas do Corinthians. Recentemente você merece também os parabéns pelo trabalho que vem realizando para desmascarar os envolvidos em escândalos no site Futebol do Interior.

    Mas não são apenas para elogios que escrevo este e-mail. Ao longo de todo este tempo que leio o que você escreve percebo um preconceito incrível no que diz respeito às torcidas organizadas. Você sempre trata estes torcedores como ladrões, bandidos, vagabundos, marginais e afins. Em muitos momentos até utiliza textos de outros jornalistas que atacam as torcidas, muitas vezes sem ao menos provar que elas foram as responsáveis pelos atos narrados.

    Sou integrante da Torcida Dragões da Real há cinco anos, posso garantir que nesse período estive presente em, pelo menos, uns 100 jogos, não só no Morumbi, mas em estádios como Vila Belmiro e La Bombonera. Freqüento a sede da torcida sempre que há eventos sociais nela. Enfim, tenho um certo conhecimento deste universo. Durante todo este tempo jamais e envolvi em uma briga sequer. Nunca fui agredido e nunca agredi ninguém.

    Como já disse, sou universitário. Na torcida conheço outros tantos como eu, estudando nas mais diversas áreas (Farmácia, Direito, Relações Públicas, Biologia…), há também professores, alguns de grandes universidades. Integrantes que possuem 5 faculdades e fazem diversos tipos de trabalho junto a comunidades carentes (não representando a torcida, mas por iniciativa própria). Enfim, uma gama de profissionais e estudantes que vão muito além daquilo que você e muitos veículos da imprensa tentam estigmatizar como torcedor organizado.

    Escrevo tudo isso para deixar claro o quanto me desaponta quando me vejo sendo julgado e taxado de bandido ou marginal. Creio que você deveria se preocupar menos em apenas julgar e taxar as pessoas, mas realmente ir procurar o porquê das coisas acontecerem. Com certeza o resultado final seria muito mais efetivo, e pouparia milhares de inocentes de ofensas que jamais deveriam ouvir.

    Não sei se você lerá tudo isso, mas fica aqui a minha opinião. Gostaria de um e-mail de retorno sobre o assunto, nem que seja me dizendo que você leu o comentário.

    Um abraço!

    Rodrigo Casarin

    Ps: desculpe-me por eventuais erros de português, escrevo este e-mail às pressas, aqui na minha hora de almoço.

    Paulinho: Caro Rodrigo, ser universitario não é atestado de antecedentes. Honestamente lamento que frequente esses antros. Você pode não ser bandido, como realmente parece não ser, mas se frequenta a casa deles no minimo gosta de conviver com bandidos, se diverte com suas historias deprimentes. Qual a diferença ?

  19. Sr. Rodrigo Casarin,

    Se realmente o Sr. tem o nivel que diz ter, e não tenho relamente nenhum motivo para duvidar, porque o Sr. não procura se filiar a alguma ONG de ajuda comunitária, procurando melhorar o mundo em que vivemos. Ao invés de se filiar a uma torcida de futebol, que se mal não fizer, bem é que não o fará. Somos o que fazemos, mas somos principalmente, o que fazemos para mudar o que somos.
    Um fraterno Abraço.

    Paulinho: Um otimo conselho

  20. Rodney Brocanelli, um boquirroto que apavora no Orkut. Não preste atenção no que ele fala.

  21. Torcedor de verdade não faz isso!
    Torcedor é apaixonado, por futebol.
    Os baderneiros, não.
    Eles precisam ser identificados e retirados de circulação.

    Paulinho: Concordo

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: