Advertisements
Blog do Paulinho

Corinthians pagará sozinho dívida de Jô com Nagoya Grampus

Em acordo assinado, antes da contratação, o Corinthians isentou o atacante Jô de qualquer responsabilidade sobre efeitos que pudessem surgir de sua atribulada saída do Nagoya Grampus, do Japão.

A informação é grave.

O Corinthians estava ciente dos riscos e, ainda assim, aceitou repatriar o atleta veterano.

Evidencia-se má-fé diante do discurso, proferido na mídia, de que a aquisição seria efetivada a ‘custo zero’.

O atleta foi condenado a pagar R$ 14 milhões pelo rompimento unilateral.

Na prática, porém, o dinheiro será descontado do Corinthians.

A cartolagem do clube, internamente, dizia que a pendência seria dividida entre as partes.

Não será.

Além disso, apesar de ter anunciado que Jô abriu mão dos salários restantes em sua recente rescisão em Parque São Jorge, efetivamente, os salários, na casa de R$ 1,5 milhão, seguem sendo depositados.

Sequer há rompimento oficial do contrato registrado na CBF.

Jô, agenciado por Kia Joorabchian, parceiro do ex-presidente Andres Sanches, recebe ainda outra ‘mensalidade’, referente a calote de vencimentos em sua segunda passagem pelo Corinthians.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: