Advertisements
Blog do Paulinho

MP-RJ investiga graves acusações no Sindicato de Treinadores do Rio de Janeiro

Lucho Nizzo

O Blog do Paulinho teve acesso a graves denúncias envolvendo possível desvio de dinheiro no Sindicato dos Treinadores Profissionais do Estado do Rio de Janeiro.

Entre os pivôs estaria Lucho Nizzo, que chegou a treinar Neymar na Seleção sub-17 do Brasil.

Após boatos de que o profissional facilitaria convocações de atletas indicados por empresários a carreira declinou.

Recentemente esteve na quarta divisão do Carioca, treinando o Goytacaz, e na segunda da Bahia, com o Botafogo local.

Apesar disso, Lucho é vice-presidente da Associação Brasileira dos Treinadores de futebol, que tem Fernando Pires como presidente.

No Sindicato ocupa o cargo de Conselheiro Fiscal.

Segundo relato de membro do órgão, que não será identificado, o rolo seria grande nos bastidores:

“No Conselho Fiscal do Sindicato, Lucho tentou fraudar a prestação de Contas da entidade”

“Pegou os balanços e levou pra casa para outro contador manipular”

“Esse comportamento fere a Lei 1402 que rege as entidades sindicais nos seus artigos 13 e 14 – em especial no 14”.

“Depois disso, Lucho não compareceu no dia da prestação de contas (sua presença era indispensável), mas mandou as contas com modificações”

“Por conta disso, o Presidente do Conselho Fiscal, Jorge Saraiva, agindo em respeito à legislação, reprovou as contas do Sindicato, indicando contrato ‘maquiado’ em seu parecer”

Fernando Pires

Conforme descrito do despacho de reprovação, dinheiro a ser depositado nas contas do Sindicato teria parado na de Fernando Pires (Presidente):

“Lucho queria aprovar documentos que demonstravam desvio das anuidades dos sócios (pagas em cartão de crédito) para a conta pessoal do Presidente”

“Além disso, infringindo o Artigo 45, Parágrafo III, Letra F do Estatuto do Sindicato, queria aprovar uma contrato de parceria entre a ABTF e o Sindicato com total indícios de Estelionato, pois quem assina pelo Sindicato é o seu “secretário” Hermonzila Cardoso, quando quem deveria assinar eram o presidente ou o Vice”

Clique no link a seguir para acessar a cópia do contrato:

Clique para acessar o Parceria-Sindicato.pdf

“O acordo fere também o Artigo 24 da propria ABTF, entidade que supostamente teria ‘emprestado’ dinheiro ao Sindicato”

Zilla Cardoso é quem assina o Documento de Parceria

O MP-RJ estaria, segundo informações, apurando se as denuncias, que envolvem, além das relatadas nesta matéria, a de possível venda de diplomas (o Blog falará sobre isso amanhã) são verdadeiras e, em breve, deverá convocar testemunhas e possíveis indiciados para esclarecimentos.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: