Advertisements
Blog do Paulinho

Corinthians e as ‘punições’ a Robson Bambu e Jô

Corinthians, o clube do #respeitaasmina, decidiu que somente punirá Robson Bambu se o inquérito em que o atleta está sendo acusado de estupro se tornar processo e este transitar em julgado.

Ou seja, nunca.

É pouco provável que o jogador, contratado apenas para esquentar currículo no Timão (após quase um ano de inatividade na França) ainda esteja por aqui após anos de tramitações judiciais.

Por muito menos outros atletas foram afastados do Corinthians.

Em paralelo, Jô, que ganha mais de R$ 1 milhão, decidiu estender a comemoração de aniversário e faltou a dois treinamentos no Timão.

Dizem que trocou a carreira de futebol por outra mais brilhante.

Sua punição?

Publicamente, o clube falou em dois dias de multa.

Na prática, é pouco provável que seja cobrada.

Qual a relação entre os casos?

Os dois tem a vida tocada pelas manobras de Kia Joorabchian, o que garante tratamento diferenciado em Parque São Jorge.

Jô proporciona ótimo comissionamento a seus donos – razão óbvia da irrisória multa.

Bambu precisa entrar duas ou três vezes em campo – se tanto, para que conste no currículo a passagem pelo Timão e facilite a edição do DVD que servirá para enganar a próxima vítima, que comprará gato a preço de leão.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: