Advertisements

O ‘corinthiano’ Ronaldo Giovanelli e as contas da gestão Andres Sanches

Ronaldo Giovanelli é, inquestionavelmente, um dos melhores goleiros da história do Corinthians, imortalizado em diversas atuações magníficas, dentre as quais as da campanha do primeiro título brasileiro da história do clube.

Porém, fora de campo, nunca foi unanimidade.

Os torcedores, leigos de bastidores, indignavam-se quando, a cada convocação da Seleção Brasileira, goleiros inferiores a Ronaldo eram chamados.

Obviamente, o ‘corte’ nunca ocorreu por questões técnicas.

O tempo passou e Giovanelli acabou se firmando como comentarista esportivo da BAND e da rádio Transamérica.

Esperava-se, pela responsabilidade inerente aos comunicadores, algum amadurecimento.

Os fatos que seguem indicam o sentido contrário.

Atuante nos bastidores do Corinthians – elegeu-se, novamente, conselheiro – Ronaldo é ‘parça’ do bicheiro Jaça e anda de braços dados com Andres Sanches, apesar do que se sabe sobre eles.

Alias, em determinado período, Giovanelli, por questões controversas, chegou a romper com Andres, época em que passou a detoná-lo nos bastidores, contando casos escabrosos, manifestações das quais o Blog do Paulinho foi testemunha algumas vezes.

Mas as arestas não demoraram a ser aparadas, curiosamente, no mesmo período em que Ronaldo respondia a processos por calote de quase dez anos (uma década!!!) em contas de condomínio e também de muitos meses na mensalidade escolar de seus filhos.

Detalhe: boletos de valores bem inferiores aos valores recebidos pelo ex-goleiro nas emissoras em que presta serviços (o blog teve acesso aos contracheques).

Hoje, Giovanelli, no ambiente alvinegro, lucra nos camarotes do estádio de Itaquera, em diversos eventos, como a recente apresentação da Hypera Pharma e sabe-se lá no que mais.

Trabalhos, em tese, incompatíveis com o exercício do cargo de conselheiro do Corinthians e também com as funções profissionais de comunicador esportivo.

O Blog do Paulinho realizou esse extenso preâmbulo para demonstrar aos torcedores a diferença entre ser ídolo de um clube e, efetivamente, torcer para a agremiação, no que se entende desprovimento de interesses pessoais em favor do coletivo.

Ontem, em grupo de whatsapp de conselheiros do Corinthians, discutia-se a votação das contas alvinegras dos períodos 2019 e 2020, impossíveis de serem aprovadas diante dos resultados contábeis trágicos e de diversos descumprimentos da legislação.

Nesse contexto, se amparados pelo Conselho, os balanços levarão o Timão a punições no PROFUT, tendo como consequência principal o fim dos parcelamentos das milionárias dívidas fiscais e o cancelamento dos descontos concedidos.

Que torcedor desejaria isso ao clube de coração?

No caso de reprovação, a APFUT, gestora do PROFUT, entenderá que o clube (conselheiros) não é conivente com os desmandos da gestão.

Apesar de saber de tudo isso, e de muitos mais – não se toma vinho com Andres Sanches, Jaça e demais ‘celebridades’ sendo inocente – Giovanelli, o ‘corinthiano’, postou as seguintes manifestações no grupo do Conselho:

“Eu acredito que o Duílio fará essa diferença no nosso clube!!!

“Meu voto é sim (pela aprovação das contas)!!!”

Em resposta, o conselheiro Halison Gris Peres advertiu:

“Também acredito nisso… mas não estamos votando as contas do Duílio”

Ronaldo retrucou:

“Todos nós já analisamos e pesamos tudo que fazemos (sic) para o bem do clube!!!”

“Podemos fazer a diferença!!!”

“Meu voto é SIM!!!”

Contrariamente ao ‘entendimento’ de Giovanelli, três grupos manifestaram-se, abertamente, contrários às aprovações tantos das contas de 2019, quanto das de 2020, sob as argumentações expostas nessa postagem.

A chapa comandada pelo ex-candidato a presidente, Felipe Ezabella, a nomeada ‘Liberdade Corinthiana’, do ex-jogador Neto, com desfalque, porém, de quatro membros, agora ligados aos atuais gestores alvinegros, e a São Jorge 77.

Nessa conta inclui-se, também, a maior parte dos conselheiros da ‘União dos Vitalícios’.

Dos que votarão a favor raros são os que o fazem sem que necessitem, de alguma maneira, das benesses geradas pelas barbaridades.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: