Advertisements

Prefeitura devolverá posse de 18 mil m² de terreno ao Corinthians e perdoará dívida de R$ 22,1 milhões

Em 16 de novembro, o TJ-SP mandou intimar o Corinthians para pagamento de R$ 22,1 milhões, referentes a alugueis retroativos do terreno localizado às portas do Parque São Jorge.

A área possui 18 mil m² e foi retomada pela Prefeitura, sob argumentação de utilização irregular pelo clube.

Porem, desde a última quarta-feira (16), a situação se modificou.

O Prefeito Bruno Covas acelerou a tramitação do Projeto de Lei nº 0151/2019, assinado pelo próprio, que, em seu Art. 42, tem a seguinte redação:


Fica desincorporada da classe dos bens de uso comum do povo e transferida para a dos bens dominiais a área municipal, com 18 mil m2 (dezoito mil metros quadrados) situada na Avenida Condessa Elisabeth Robiano, objeto do Processo n. 0006385-53.2010.8.26.0053.

§ 1º Fica o Executivo autorizado a proceder à cessão da área a que se refere o caput deste artigo pelo período de 40 (quarenta) anos ao Sport Club Corinthians Paulista.
§ 2º Ficam remitidos todos os débitos existentes relativos à área a que se refere o caput.


Ou seja, Covas não apenas devolverá a posse do terreno ao Corinthians como perdoará a milionária pendência.

O PL 151/2019 recebeu parecer favorável das Comissões Reunidas de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente; de Administração Pública; Saúde, Promoção Social e Trabalho; e De Finanças e Orçamento.

Com a manobra, a Prefeitura de São Paulo, a custa do dinheiro público, salvará o Corinthians dos desmandos de seus dirigentes, responsáveis pelas irregularidades que levaram o clube a passar pelo referido constrangimento.

Facebook Comments
Advertisements

Um comentário sobre “Prefeitura devolverá posse de 18 mil m² de terreno ao Corinthians e perdoará dívida de R$ 22,1 milhões

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: