Advertisements

Silêncio do Flamengo no ‘caso Rafinha’ é esclarecedor

A resposta padrão para o fato do lateral Rafinha ser sócio de agência de jogadores ligada a, pelo menos, três atletas do clube, é trivial entre os imorais: “não vejo conflito ético” ou “está dentro da legalidade”.

O silêncio conivente do Flamengo, então, é absolutamente revelador.

Não se poderia esperar outra coisa de quem possui, entre cartolas do futebol, conhecidos parceiros de empresários, alguns embolsadores notórios de comissões.

Se o treinador Jorge Jesus, apesar de competente em sua função principal, está liberado para atender aos desejos de Kia Joorabchian – seu ‘dono’ – porque Rafinha não poderia, à margem do oficialismo, receber sinal verde para ganhar dinheiro com as contratações rubro-negras?

Enquanto os resultados do futebol continuarem satisfatórios, a ética e a moral dessa gente, assim como a avaliação dos torcedores sobre o assunto – e até de alguns jornalistas – permanecerá, indecentemente, flexível.

Vale lembrar, além de Léo Pereira, Rafinha agenciava o lateral Rodinei, seu concorrente na posição, que tratou de negociar ao internacional, assim como Matheus Dantas.

Advertisements

Facebook Comments

1 comentário em “Silêncio do Flamengo no ‘caso Rafinha’ é esclarecedor”

  1. Mas é o normal. Isso acontece há milênios, também com técnicos, dirigentes, jornalistas, etc. Que novidade!!! Será que agora vão fazer alguma coisa?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: