Advertisements

Com anuência de Peres, quase R$ 3 milhões da venda de Bruno Henrique foram pagos a Duprat

Cueva, Renato Duprat e José Carlos Peres

No início do ano, o Santos anunciou que vendeu o atacante Bruno Henrique, para o Flamengo, por R$ 23 milhões.

Tratava-se de meia verdade.

Os cariocas lançaram em seu balanço os custos reais da transação, que atingiram R$ 26,7 milhões.

Estranhou-se, à época do anuncio do Peixe, que, apesar do Flamengo ter anunciado proposta de R$ 27 milhões (próxima do valor real), o negócio tivesse sido sacramentado em apenas R$ 23 milhões.

A diferença, excetuando-se R$ 900 mi de luvas, foi depositada na conta da empresa Yesport, que o complicado Renato Duprat, parceiro comercial de José Carlos Peres, presidente do Santos, mantém em nome de seu filho, Rodrigo.

Ou seja, em vez de pagar comissão ao agente, o Flamengo retirou da parte do Peixe os valores combinados com o agente.

Peres, que dificilmente não se beneficiou da manobra, consentiu.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: