Advertisements

Dívida do Corinthians com a Odebrecht tem redução ínfima nos últimos meses

Luis Paulo Rosenberg

Informe mensal protocolado pela BRL TRUST na CVM (Comissão de Valores Mobiliários), detalhando movimentação do “Arena Fundo”, gestor financeiro do estádio de Itaquera, indica pequena redução da dívida do Corinthians com a Odebrecht, de R$ 297,3 milhões para R$ 293,4 milhões.

Em setembro, a pendência era de R$ 294,2 milhões, subiu para os citados R$ 297,3 milhões e agora, com nova redução, demonstra que em três meses o abatimento, apesar das enormes rendas dos jogos de futebol, atingiu apenas R$ 800 mil.

Ou seja, o clube, novamente, estaria embolsando, indevidamente, recursos do estádio (entre os quais os ingressos) que deveriam ser utilizados para amortizar a pendência com a construtora.

Vale lembrar que a dívida com a Odebrecht é apenas parte do que precisa ser honrado no negócio do estádio de Itaquera, restando ainda as pendências com a CAIXA , empréstimos “pontes”, debentures e a explicação para o incerto destino dois mais de R$ 200 milhões de CIDS negociados, mas não devidamente contabilizados.

Confira, no link abaixo, a íntegra do Informe Mensal do Arena Fundo, protocolado em 07 de dezembro de 2018, na CVM, referentes às contas de novembro de 2018:

Informe Mensal Arena Fundo – dezembro 2018

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: