Advertisements
Anúncios

Além dos R$ 11 milhões, CET cobra mais R$ 1,3 milhão do São Paulo

Em julho de 2016, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) ingressou com ação de cobrança contra o São Paulo, que recusava-se, desde 2006, a pagar pelo serviço em dias de jogos do clube.

O calote foi calculado em R$ 11 milhões.

Há seis meses, o juíz Josué Vilela Pimente, da 8ª Vara de Fazenda Pública, julgou os valores procedentes.

Em sentença, alegou que é notório que o trânsito da região se modifica em dia de jogos e eventos realizados no estádio do Morumbi, justificando a cobrança, que engloba não apenas aumento de pessoal, mas também sinalizações, etc.

Os valores a serem pagos, atualizados até 2016, serão recalculados.

O Tricolor recorreu com embargos no TJ-SP, que, no último dia 4, deu ganho de causa aos credores.

Amparado nesta vitória, a CET ingressou, na última quinta-feira (18), com nova ação de cobrança, desta vez do serviço prestado que não estava incluído no procedimento anterior.

A diferença é de R$ 1.386.081,63.

O caso foi distribuído à 5ª Vara de Fazenda Pública, mas o São Paulo ainda não foi citado.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: