Advertisements

Voto de presidente da Federação Potiguar nas eleições da CBF pode ser questionado

José Vanildo

Impasse jurídico que cerca a vida do pequeno Baraúnas, do Rio Grande do Norte, pode gerar consequências graves, não apenas na Federação Potiguar, mas também nas eleições da CBF.

Desde 2008, a equipe do Rio Grande do Norte não registra as atas de suas reuniões e eleições, por conta de diversas irregularidades administrativas, ou seja, todos os presidentes, desde então, estão irregulares.

Em tese, seus atos e assinaturas são nulos de direito.

Caso semelhante, em exemplo, ocorre na Portuguesa, em São Paulo, e gerou a necessidade de nomear como interventor, para tristeza do clube, o radialista Alexandre Barros, que acabou por afundar ainda mais a agremiação.

Seguindo esta lógica, os votos do presidente José Vanildo, tanto na FNF, quanto na CBF (que teria obrigação de checar a condição jurídica de seus eleitores) , também estariam à margem da lei.

Confira abaixo matéria do repórter Mállyk Nagib, que explica bem a questão:

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: