Advertisements
Anúncios

Vasco da Gama vende o almoço para pagar o jantar

Após ampla discussão entre situação e oposição, com acusações de falta de transparência nas contas, o Vasco da Gama aprovou empréstimo de R$ 31 milhões para pagamento de contas emergenciais.

A primeira pedida, recusada, era de R$ 37 milhões.

Os oposicionistas seguem contrários aos números apresentados no balanço, mas entenderam que sem a tomada de dinheiro no mercado o clube correria riscos de insolvência até o final do ano.

Ou seja, para pagar o impossível em 2018, compromete-se o ano de 2019, numa interminável bola de neve que, a continuar nessa toada, um dia poderá não mais ser contornável.

Triste retrato de gestões, quando não criminosas, incompetentes, de todos os lados políticos cruzmaltinos.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: