Advertisements
Anúncios

O “ameixal” de Andres Sanches no Corinthians

Warian Ameixa em capa de vídeo promocional, feito para o exterior, utilizando-se de vínculo com o Corinthians

Desde janeiro de 2016, o volante Warian Ameixa é jogador do Corinthians, colocado no clube, por empréstimo, pelo BMG – banco do Mensalão, através do Coimbra/MG, equipe de aluguel da instituição financeira, que é tocada, nos negócios esportivos, em sociedade por Ricardo Guimarães e Kia Joorabchian.

É difícil encontrar um torcedor alvinegro que possa reconhecê-lo ou dizer, ao menos, se trata-se de jogador qualificado.

Pelo histórico, não inspira confiança.

Nestes dois anos, o jogador foi escondido na “equipe B” do Timão, período em que mais treinou do que foi utilizado.

O objetivo, evidente, era o de esquentar currículo para depois negociá-lo.

Em janeiro de 2018, às vésperas da disputa do “Flórida Cup”, nos EUA, o Corinthians resolveu comprar o atleta do BMG/Coimbra, pagando R$ 500 mil, com direito a contrato assinado até 2022, pagando-lhe R$ 50 mil mensais de salários.

Como por encanto, Warian Ameixa, que em dois anos esteve encostado no Parque São Jorge, entrou em campo nos EUA em todos os embates.

Substituiu Balbuena, nos segundos tempos do empate contra o PSV, em um a um, no dia 10 de janeiro, e na derrota para o Rangers, por quatro a dois, onde foi “decisivo” para a virada da equipe escocesa, que, até então, perdia para o Timão por dois a zero.

Após o desastre em terras americanas, que impediu os planos de vender Ameixa ao exterior, o treinador Fabio Carille, obrigado, neste torneio, a escalar o volante improvisado de zagueiro pelos dirigentes alvinegros, bateu o pé e disse não aceitá-lo no elenco para as disputas dos campeonatos subsequentes (Paulista, Brasileiro, etc.).

O Corinthians, então, em abril deste ano, emprestou o jogador para o Atlético/GO, atual oitavo colocado da Série B do Brasileirão.

Mais uma vez Ameixa, por conta de deficiência técnica, decepcionou.

Nos 18 jogos do clube desde a sua chegada, o volante emprestado pelo Corinthians sentou no banco, sem ser utilizado, em cinco oportunidades, não sendo sequer relacionado para as partidas noutras treze convocações.

Mas o “ameixal” de Andres Sanches não se limita, evidentemente, ao jovem Warian.

Somente neste ano de 2018, o Corinthians possui 18 jogadores emprestados a diversas equipes do Brasil, sempre pagando seus vencimentos, alguns deles na mesma situação de Ameixa – para ajudar empresários, outros mal avaliados, tecnicamente, quando das contratações, além de atletas das categorias de base.

Eis a relação:

Resultado de imagem para ameixas

  • Giovanni Augusto – contratado por R$ 15 milhões junto ao Atlético/MG, emprestado ao Vasco da Gama até 31 de dezembro de 2018;
  • Lucca – contratado por R$ 4,8 milhões junto ao Criciúma, emprestado ao Internacional até 31/07/2019;
  • Marlone – contratado por R$ 4 milhões junto ao Penapolense/SP, emprestado ao Sport até 31/12/2018;
  • Jean – contratado por R$ 1 milhão junto ao Paraná Clube, emprestado ao Botafogo até 31/12/2018;
  • Alan Mineiro – contratado por R$ 1 milhão junto à Ferroviária/SP, emprestado ao Fortaleza até 18/04/2018;
  • Camacho – contratado sem custo (fim de contrato) junto ao Audax/SP, emprestado ao Atlético/PR até 31/12/2018;
  • Fellipe Bastos – contratado sem custo (fim de contrato) junto ao Abu Dhabi – Emirados Árabes, emprestado ao Sport até 31/12/2018;
  • Yago – oriundo das categorias de base, emprestado ao Botafogo até 31/12/2018;
  • Gustavo (Gustagol) – contratado por R$ 3,6 milhões junto ao Criciúma, emprestado ao Fortaleza até 31/12/2018;
  • Luidy – contratado por R$ 1,4 milhão junto ao CRB/AL, emprestado ao Ceará até 31/12/2018;
  • Gabriel Vasconcelos – oriundo das categorias de base, emprestado à Ponte Preta até 25/07/2018;
  • Moisés – contratado se custo (fim de contrato) junto ao Madureira/RJ, emprestado ao Botafogo até 31/12/2018;
  • Guilherme Romão – oriundo das categorias de base, emprestado ao Oeste/SP até 30/11/2018;
  • Marciel – contratado por R$ 1,5 milhão junto ao Fragata/RS (clube de aluguel do ex-volante Émerson), emprestado à Ponte Preta até 26/07/2018;
  • Bruno Paulo – contratado sem custo (fim de contrato) junto ao Audax/SP, emprestado ao CRB/AL até 30/11/2018;
  • Rodrigo Figueiredo – oriundo das categorias de base, emprestado ao Londrina até 17/04/2018;
  • Carlinhos – oriundo das categorias de base, emprestado ao Oeste/SP até 30/11/2018;
  • Guilherme – contratado por R$ 5,6 milhões junto ao Antalyaspor – Turquia, emprestado ao Atlético/PR até 31/12/2018;

Destes, o clube pagou R$ 37,9 milhões na aquisição de nove atletas (sem contar salários e demais penduricalhos), cinco vieram das categorias de base e quatro foram contratados sem custo (encerramento de contrato).

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: