Ronaldo “Fenômeno”, Messi, Cristiano Ronaldo e as Bolas de Ouro

Ronaldo “Fenômeno” movimentou a mídia ao dizer que se Messi e Cristiano Ronaldo jogassem em sua época, por conta da concorrência mais forte, teriam menos “Bolas de Ouro” em seus notáveis currículos de atletas.

Pode ser.

O que é indubitável é a diferença abissal entre o futebol do brasileiro em comparação com o argentino.

Apesar de atacante excepcional, Ronaldo, no auge, não engraxaria as chuteiras de Lionel Messi, nitidamente em patamar superior.

Superaria, talvez, em determinados momentos, o português Cristiano Ronaldo, que, porém, ao longo da carreira, superou o brasileiro pela regularidade.

Messi só perde para Pelé na comparação do Mundo da Bola, rivalizando, cabeça a cabeça, com Diego Maradona, a quem não supera em idolatria (a próxima Copa do Mundo pode mudar esse quadro).

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

2 respostas para Ronaldo “Fenômeno”, Messi, Cristiano Ronaldo e as Bolas de Ouro

  1. Pois é. E o Edson não seria pelé, se não fosse pelo Mané. Garrincha, tão injustiçado e esquecido pela crônica esportiva.

  2. Cada um tem sua opinião. Messi está acima de Ronaldo, concordo. Tem se que considerar que Ronaldo teve suas contusões que o atrapalharam.
    porém R7 está acima do dois.
    Pela ordem:
    Pelé, Garrincha, Maradona.
    Na sequência, meia duzia empatados.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.