Advertisements
Anúncios

Corinthians obriga jogadores a suportar “organizada” em esforço para fracassar no Brasileirão

Por ordem do presidente Roberto Andrade e do diretor Flavio Adauto, jogadores e comissão técnica do Corinthians foram obrigados a reunirem-se com torcedores “organizados” do clube.

Na pauta, as bobagens habituais, proferidas por notórios trabalhadores, “experts” em gestão esportiva, psicologia e futebol.

Indignados, alguns atletas reclamaram com Carille, que, de mãos atadas, tentou apagar o incêndio.

Apenas Jô, com bom trânsito nas “organizadas” e Roberto Andrade, por medo, tentaram minimizar o incidente, tratando-o como “positivo”.

Se dentro de campo as coisas andam se complicando, apesar da ainda confortável vantagem sobre os adversários, nos bastidores os dirigentes do Corinthians esforçam-se para piorar o ambiente e irritar jogadores, estes insatisfeitos, há algum tempo, por conta de promessas financeiras descumpridas.

EM TEMPO: em campanha política no Corinthians, horas após o incidente, o deputado federal Andres Sanches, para agradar os “organizados”, defendeu a cobrança aos jogadores, situação esta que, por razões óbvias, deixará o ambiente do time ainda mais conturbardo:

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

3 comentários sobre “Corinthians obriga jogadores a suportar “organizada” em esforço para fracassar no Brasileirão

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

×
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: