Ronaldinho Gaúcho não é Romário

Nos bastidores da politica, comenta-se sondagem para que Ronaldinho Gaúcho possa ser viabilizado como candidato ao Senado, talvez pelo PTN, nas próximas eleições majoritárias.

Trata-se, evidentemente, de oportunismo.

Diferentemente de Romário, que desde o período com atleta de futebol foi contestador, antenado politicamente, razão pela qual tem se comportado com bravura no Senado após período igualmente satisfatório na Câmara dos Deputados, Gaúcho sequer teve respeito pela própria carreira, jogando menos do podia, trocando “trabalhar” por “farrear”, ou coisa pior, na maior parte de sua vida.

Definitivamente, não possui perfil para a política, embora sempre estivesse ligado, no submundo esportivo, aos que saberiam, e não se trata de elogio, transitar no “toma-lá-dá-cá” dos prostíbulos que se transformaram boa parte dos gabinetes de Brasília.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Esta entrada foi publicada em Sem-categoria. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta para Ronaldinho Gaúcho não é Romário

  1. Vc deve estar de sacanagem… só pode!
    Romário surpreendeu como politico? sim e muito.

    Era um péssimo cidadão, ótimo jogador, mas muito longe de ser exemplo.

    Para criticar o péssimo, não precisa enaltecer o ruim!

    reveja seus conceitos

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.