Os auditores “sem-vergonhas” do STJD

auditores-stjd

Os auditores do STJD, não bastassem estar sediados em imóvel bancado pela CBF, aceitaram hospedagem (de luxo) e ingressos (de camarotes VIP) bancados pela Casa Bandida para assistir à partida entre Brasil e Argentina, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, em Belo Horizonte.

São todos “sem-vergonhas”, no sentido, tão somente, do não constrangimento em aceitar a referida regalia.

Questionado se não haveria conflito de interesses nesse tipo de situação, o presidente do STJD, Ronaldo Piacente, que é investigado por facilitar fraude do departamento de registros da CBF, na Justiça e na CPI do Futebol, disse:

“Imagina… Não ganhamos nada para atuar no tribunal. Isso não vai mudar a nossa posição”

Nem mesmo na “Love Story”, tradicional reduto “religioso” de São Paulo, as garotas, todas virgens, possuem hímen com tamanha complacência.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.