Advertisements
Blog do Paulinho

RIF flagrou pagamento de propina por empresa ligada a Erenice Guerra, braço direito de Dilma Rousseff (PT)

erenice

Publicamos, recentemente, o RIF (Relatório de Inteligência Financeira) que detalhou as transações financeiras da ex-Ministra Chefe da Casa Cívil Erenice Guerra, braço direito da presidente Dilma Rousseff (PT).

Os números são escandalosos.

Íntegra do relatório das movimentações bancárias de Erenice Guerra (PT), o braço direito da presidente

Confira agora trecho do Relatório que desvendou outra transação, tratada pelo RIF como “atípica”, em que a Capital Assessoria e Consultoria Ltda, em nome de Saulo Dourado Guerra (filho de Erenice) transfere R$ 209 mil (quase o faturamento anual da empresa), tratados como pagamento de propina, a Fabio Otávio Hegedeus Baracatm envolvido nos escândalos de corrupção da ANAC e dos Correios:

  1. A empresa Capital Assessoria e Consultoria Empresarial Ltda1, com sede no Condomínio RK, em Sobradinho/DF, com status de “cancelada” na RFB, composta societariamente por Saulo Dourado Guerra (60% – filho de Erenice Alves Guerra) e Sônia Elizabeth de Oliveira Castro (40%), foi objeto de comunicação de operações financeiras de que trata a Lei 9.613/98 por ter movimentado a crédito o montante de R$ 209.649,83, no período de dezembro de 2009 a setembro de 2010, registrado na conta corrente nº 225.800-5, da agência/CNPJ nº 3147 – Asa Sul 203, do Banco do Brasil S.A., na cidade de Brasília.

5.1. Segundo informado, o valor acima citado refere-se a créditos recebidos de Fábio Otávio Hegedeus Baracat, suspeito de tráfico de influência e propina para renovação de autorização junto a ANAC e licitações dos Correios.

5.2. A empresa teria declarado ao comunicante faturamento bruto anual de R$ 240.000,00. 5.3. A movimentação acima foi enquadrada no seguinte indício de atipicidade: “Retirada de quantia significativa de conta até então pouco movimentada ou de conta que acolheu depósito inusitado. Banco Central do Brasil – Carta-Circular nº 2826 – II g.”

5.4. Consta na mídia a seguinte informação a respeito da empresa Capital Assessoria:

“… Sônia Castro, mãe de Vinícius Castro, assessor jurídico da Casa Civil. São dois laranjas. Sônia Castro é uma senhora de 59 anos que reside no interior de Minas Gerais e vende queijo. A reportagem entrevistou empresários, lobistas, advogados, funcionários de estatais para tentar entender a história de sucesso da Capital. Na junta comercial, informa-se que ela encerrou suas atividades recentemente. No endereço onde deveria funcionar, na periferia de Brasília, existe um sobrado residencial, e, numa primeira visita, ouve-se do morador que ali é uma casa de família. Uma verificação mais minuciosa, porém, revela que no endereço registrado oficialmente como sede da Capital mora Israel Guerra…”

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: