Advertisements
Blog do Paulinho

Winner: empresa de apostas, gerenciada de paraísos fiscais, pode lavar R$ 20 milhões na camisa do Corinthians

gustavo herbetta

O Corinthians anunciou, ontem, por intermédio de seu superintendente de marketing, Gustavo Herbetta, um patrocínio com a “Winner Play”, que comprometeu-se a pagar R$ 20 milhões para expor sua marca na camisa alvinegra por três anos.

Há, porém, diversas obscuridades a serem explicadas.

Por exemplo, o domínio do site da empresa, http://winnerplay.net, foi cadastrado apenas em 28 de dezembro de 2015, entrando em operação ontem, 30 de janeiro.

O mesmo procedimento foi adotado na página de facebook, criada apenas este mês.

Ou seja, o patrocinador do Corinthians, que possui R$ 20 milhões para gastar em publicidade, sequer existia até um mês atrás.

Estranhamente, a WINNER utilizou-se da empresa WHOISGUARD.INC, registrada no Panamá, que tem por ofício receber dinheiro para assumir a propriedade de domínios de internet que não podem, por diversos motivos, expor publicamente seus proprietários.

winner 1

(Imagem: Arthur Carvalho)

OS VERDADEIROS RESPONSÁVEIS PELA WINNER PLAY

Em sua recém criada página, a “Winner Play”, esforça-se para dizer, no rodapé, que “esse não é um site de apostas”, o que, a primeira vista, parece até ser verdade.

Porém, o negócio proposto ao consumidor é, no mínimo, inusitado: o “jogador” se cadastra, dá palpites em jogos de futebol, nada paga por nenhuma das suas ações, e, em sendo o melhor colocado, ainda leva prêmios, como, por exemplo, uma moto.

Mas, basta observar com atenção, ao final da página, para verificar a real intenção dos novos “parceiros” da diretoria do Corinthians.

“WINNER PLAY é patrocinada por WINNER.COM”, diz o texto.

Ou seja, bancada por outro site.

winner 3

WINNER.COM é um site de apostas, também recente (criado em 2015), que, apesar de registrado no exterior, opera ilegalmente, também, no Brasil.

Seria este dinheiro, portanto, que estaria sendo lavado na camisa do Corinthians.

winner 4

Mas há ainda outra empresa por detrás da WINNER.COM, que banca a WINNER PLAY: trata-se da Redfinger Trading Limited, do Chipre, paraíso fiscal europeu, exposta no próprio site da casa de apostas, tratada como responsável pela marca utilizada.

winner 6

winner 5

Continuando o jogo de esconde, a Redfinger, segundo consta no próprio site da WINNER, é comandada por outra empresa, também responsável por jogatinas na internet, a Zirconium Gaming Limited, registrada no Caribe, na ilha de Antigua e e Barbuda.

Segundo o site Bloomberg Business, a Zirconium não tem proprietários conhecidos, nem efetuou transações relevantes com outras empresas, pelo menos nos últimos doze meses.

winner 7

 

A única coisa realmente clara, em toda essa nebulosidade, é o fato do Corinthians, nos últimos meses, estar loteando sua camisa, em contratos de patrocínios obscuros (a KLAR é outro exemplo recente), com parceiros que possuem absoluta dificuldade de comprovar a origem de seus recursos.

Não é necessário ser nenhum gênio para perceber o real objetivo de uma empresa, que começou a operar no dia da assinatura do contrato com o clube, e tem como gestora uma casa de apostas que opera ilegalmente no Brasil.

O superintendente de marketing do Timão, Gustavo Herbetta, o financeiro, Emerson Piovesan, e o presidente, Roberto “da Nova” Andrade, devem explicações.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: