Advertisements

Candidato a presidente do Vasco, Julio Brant dá calote em escola e foge da execução

julio brant

O Colégio Metropolitano, desde 2008, vem encontrando enormes dificuldades para receber as mensalidades da escola do filho do candidato a presidente do Vasco da Gama, Julio Brant.

R$ 7,9 mil.

Calote que, além de demonstrar comportamento temerário – não honrar com as contas do filho – expõe negativamente problemas financeiros de alguém que precisa comprovar meios de sustento para ocupar um cargo, como é a presidência vascaína, não remunerado.

A não ser que o objetivo seja adotar hábitos como os que nortearam a gestão Roberto Dinamite, que desviou dinheiro do clube para paraísos fiscais e colocou o próprio rebento para intermediar negócios em São Januário.

Fato é que a Justiça não consegue encontrar Brant para executar a dívida, e nem retirar valores de suas contas, estranhamente desprovidas de recursos.

CONFIRA NO LINK ABAIXO A ÍNTEGRA DA MOVIMENTAÇÃO PROCESSUAL

Escola vs. Brant

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: