Agora quem dá bola é o Ituano ! Contra a arbitragem e com muito futebol !

ITUANO

De maneira absolutamente justa, o Ituano, superior ao Santos nas duas partidas das finais, venceu ao Peixe na cobrança de penalidades, sagrando-se Campeão Paulista pela segunda vez em sua história.

Porém, este ano o feito foi ainda mais importante, tendo disputado, diferentemente da primeira ocasião, um campeonato com a presença de todas as equipes grandes do Estado.

No jogo, em si, só perdeu no tempo normal porque a arbitragem inventou uma penalidade num lance em que o atacante do Peixe já estava impedido, em assalto daqueles imperdoáveis.

O trabalho de Juninho Paulista, que herdou a equipe de Itu em situação pré-falimentar, estabilizou as finanças, apostou no iniciante Doriva, e se sobressaiu, por competência, ao trabalho até doutras equipes interioranas, mais municiadas com dinheiro, como a Penapolense, serve de estímulo aos que ainda acreditam que a competência e a seriedade podem salvar o futebol.

Tomara as equipes grandes, ridículas no torneio, aprendam a lição de mais um vexame, e que ladrões do esporte, como aqueles que insinuaram entrega de jogo na vitória do Ituano sobre o São Paulo, continuem sendo calados pelos fatos e as verdades de quem, com bem menos recursos, afrontou a arrogância com enorme competência.

A festa hoje, em Itú, por razões óbvias e de cultura da cidade, tem tudo para ser grandiosa.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.