Advertisements

Procuradoria da Fazenda Nacional utiliza pesos e medidas diferentes com Flamengo e Fluminense

A dupla Fla-Flu, assim como boa parte das equipes brasileiras, de maneira lamentável, estão devendo à Receita valores referentes a apropriação indébita de benefícios dos seus funcionários.

Desculpas mil são inventadas, de ambas as partes, para justificar a irregularidade, porém, a verdade, está associada claramente a palavras como incompetência e desvio.

As novas gestões dos clubes vem tentando, dentro do possível, resolver a questão, porém, de maneira estranha, a Procuradoria da Fazendo trata com diferença assuntos semelhantes.

O Fluminense propôs pagar R$ 1 milhão mensal para abater o montante, valor que foi recusado.

Para piorar a situação do clube, seus recebimentos, como cota de tv, foram penhorados, e agora também os direitos sobre Wellington Nen.

Porém, em relação ao Flamengo, o tratamento foi mais cordial.

Foi aceito que o clube da Gávea pague R$ 500 mil mensais, metade do que fora negado ao Flu.

Até o momento, mesmo sendo questionada a respeito, a Procuradoria parece não encontrar respostas críveis para a diferença dos acordos.

Advertisements

Facebook Comments

51 Responses to “Procuradoria da Fazenda Nacional utiliza pesos e medidas diferentes com Flamengo e Fluminense”

  1. Velson Ribeiro Neves Says:

    Acredito que isto esta acontecendo por que o Flamengo há alguns dias atrás pagou dividas em torno de 40 milhoes , logo então , ou não tem mais dinheiro , ou deva estar com credito , tendo em vista que ele CRF , realmente parece que esta querendo pagar sim suas dividas.

  2. Víper Says:

    O Flamengo pagou 40 milhôes de entrada, dinheiro recebido como luvas da Adidas, e isso fez as parcelas diminuirem.

  3. Salvatore Says:

    Acontece que o Fluminense está fora do esquemão mafioso:
    “Caixa, Lula, Dilma e Rede Globo”.

  4. valmir Says:

    o flamengo alem de pagar R$40 milhões, tem acordo com outros setores como a justiça do trabalho que recolhe 15% das receitas, já o fluminense usa o “caixa 2” no caso da unimed que investe um valor alto que ninguem sabe ao certo e o dinheiro não entra na contabilidade do clube não abatendo dívidas com a justiça do trabalho, pode não ser crime mas nesse caso a esperteza engoliu o esperto. portanto o flamengo está com mais verba comprometida com dívidas que o fluminense.

  5. Sérgio Says:

    Pelo menos eles estão tentando pagar, e os outros clubes ????
    Corinthians, Botafogo, Palmeiras, Inter……

  6. Fabio Dib Says:

    Prezado Valmir. Suas informações são equivocadas. O Fluminense é um dos poucos times com acordo trabalhista, chamado ATO trabalhista, paga-se 1 milhão de reais por mês para pagar as dívidas de gestão passada. A nova gestão do Fluminense desde que entrou em 2011 pagou todos os impostos correntes e parcelas dos atrasados, soma que ultrapassa os 40 milhões do Flamengo. Portanto, parabéns ao Blog por expor a realidade. O Fluminense atual cumpre seus compromissos e pretende sanear de forma responsável seus compromissos atuais.

  7. Thales Arcoverde Treiger Says:

    É verdade que o Flamengo adiantou R$ 40 milhões, mas a dívida do Flamengo é muito maior. Curiosamente o Flamengo hoje se sustenta com valores que de uma forma ou de outra vêm do próprio Estado, via Caixa Econômica Federal. O Fluminense, no ritmo em que estava pagando, com pouco mais de R$ 1 milhão mensais, pagaria todo o valor não abrangido pela Timemania em poucos anos.

  8. Thales Arcoverde Treiger Says:

    Valmir, o Fluminense também paga um percentual semelhante através do Ato Trabalhista.

  9. Claudio Santos Says:

    O Fluminense vem pagando impostos em dia desde janeiro de 2011, enquanto só agora o flamengo começou a pagar.

    Aliás, essa nova diretoria do flamengo elegeu um procurador como vice-juridico:

    NOVO VICE JÚRIDICO DO FLAMENGO É DA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO
    Nova gestão confirma Flávio Willeman no cargo e descarta conflito ético, alegando que procurador não atuará em ações envolvendo o poder público

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2012/12/novo-vice-juridico-do-flamengo-e-da-procuradoria-geral-do-estado.html

  10. Marcos Antonio Says:

    Obrigado Paulinho por abordar assuntos que escondem interesses escusos por trás, sem rabo preso. Veja que grandes sites esportivos não abordam a metade dos assuntos escusos que são abordados aqui pelo seu blog.

    O que deve se verificar é qual a relação do procurador da Fazenda Nacional, que fez esse acordo com o Flamengo, com membros da atual diretoria do Flamengo, que são oriundos do BNDS e do mercado financeiro.

    Tente verificar essa relação que a resposta será exposta.

    Olhe que a dívida do Flamengo é muito superior a do Fluminense e essa atual diretoria do Flu vem pagando todos os impostos desde 2011 ao contrário do outro clube.

    Observe também que conseguiram as CND’s em tempo recorde para que fosse viabilizado o contrato com a CEF.

    Tanta gente sem moradia e saneamento básico no país e a CEF sendo usada PELO GOVERNO como escudo com as grandes torcidas populares para um previsivel fracasso da seleção na Copa em ano de eleições presidenciais.

  11. Luiz Says:

    Sergio, querendo é uma coisa. Pagar é outra.

    De boas intenções o inferno está cheio…

  12. Carlos Says:

    Funcionários públicos concursados resolveram vestir a camisa do time que torcem, por debaixo do terno, para no uso das suas atribuições nos cargos de Procuradores da Fazenda Nacional, DEFERIREM a proposta do Flamengo de abater a dívida com parcelas de R$ 500 mil/mês e INDEFERIRAM a proposta do Flu, cujo parcelas era o dobro, ou seja, superior a R$ 1 milhão de reais/mês.

    Detalhe: o Fluminense procurou o acordo na PGFN muito, mas muito antes do Flamengo.

    E notícias que dão conta que na gestão da presidente rubro negra Patrícia Amorim, não houve recolhimentos dos impostos federais, diferente do Fluminense que vinha recolhendo seus impostos desde que o Peter assumiu em janeiro de 2011.

    É batom na cueca e sim, são dois pesos e duas medidas para situações tributárias idênticas dos contribuintes Clube de Regatas do Flamengo e Fluminense Football Club.

  13. Douglas Says:

    Lembrando que o atual presidente do Flamengo e alguns outros diretores trabalharam no BNDES e tbm se ajudam…

  14. Fred Says:

    Galinhas e Framengo são os times do governo

    O resto q se dane…aliás, o resto tem mais q ficar menor

  15. Junior Almeida Says:

    “O Fluminense propôs pagar R$ 1 milhão mensal para abater o montante, valor que foi recusado.

    Para piorar a situação do clube, seus recebimentos, como cota de tv, foram penhorados, e agora também os direitos sobre Wellington Nen.

    Porém, em relação ao Flamengo, o tratamento foi mais cordial.

    Foi aceito que o clube da Gávea pague R$ 500 mil mensais, metade do que fora negado ao Flu.”
    ______________________________

    No caso do Vasco é só receber qualquer merreca que os caras já vão atrás na hora cobrar e se der bobeira tentam penhorar tudo.

  16. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Aquilo que falei no post do Pelaipe. Há vários desembargadores, procuradores e gente graúda do Judiciário que são torcedores do time da Gávea e isso “facilita” muito as coisas para os urubus.

    No jogo no Mané Garrincha, contra o Santos, esses “profissionais” do Judiciário eram figurinhas fáceis nos camarotes do estádio. Tickets que foram dados de presentes, graças aos bons serviços prestados ao time da Gávea.

    E aquela representante do sistema judiciário que impetrou um mandado de segurança para bloquear os valores da transferência do Wellington Nem para o Shakthar Donetsk é uma perfeita de uma idiota. Fosse ela mais estudada e menos afeita a clubismos saberia a dita cuja que o Fluzão tem vários acordos para pagamentos de dívidas que o clube com muito custo tem honrado.

    Parabéns ao blogueiro (mais uma vez, tá virando rotina) que traz aqui as nuances verdadeiras dos bastidores do nosso futebol.

  17. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Mas Paulinho, isso precisa ser estendido. Quando tu puderes, cite os casos de outros estados da federação. Há vários tratamentos “diferenciados” quando a questão é jurídica.

  18. Carlos Tricolor Says:

    Todo Tricolor que se importa com o futuro do FLUMINENSE deveria ler este texto e se indignar com o que vem acontecendo por parte da PGFN!!!!

    Um peso, duas medidas
    http://www.flusocio.com.br/dois-pesos-e-duas-medidas/

  19. Carlos Tricolor Says:

    Atitude da Procuradoria indigna o Flu: ‘São dois pesos e duas medidas’

    Se não há clubismo gostaria que alguém nos explicasse porque a mesma postura agressiva não se aplica ao flamengo??

    Acabou de entrar muito dinheiro no flamengo. Recentemente tivemos a grana da Peugeot, Adidas e CEF. Por que a Procuradoria da Fazenda não vai lá e penhora, uma vez que eles são os maiores devedores fiscais entre os clubes de futebol?

    http://globoesporte.globo.com/futebol/times/fluminense/noticia/2013/06/caso-nem-atitude-da-procuradoria-da-fazenda-deixa-flu-indignado.html

  20. Carlos Tricolor Says:

    O caso do W. Nem é curioso, pois o Fluminense procurou a Justiça INÚMERAS vezes para tentar parcelar a dívida tributária, tendo conseguido parcelar a parte trabalhista (voltou ao Ato Trabalhista, pagando mais de R$1.000.000 mensalmente) e a Procuradoria da Fazenda sempre negando os pedidos do Fluminense.

    Curiosamente, um outro clube carioca, que tem uma dívida tributária MUITO maior, teve o pedido de parcelamento da dívida tributária aceita de primeira, o que permitiu a esse clube obter as cobiçadas CND’s. Detalhe: foi a mesma juíza que negou diversas vezes o pedido do Fluminense.

  21. Carlos Tricolor Says:

    O que me intriga é o “dois pesos e duas medidas” usado nas negociações de parcelamento de dividas com a PGFN. O flamengo com os seus mais de 700 milhões de dividas, obteve parcelamento sem apresentar nenhum quadro de equação destas e, que demonstre capacidade para pagar o parcelamento concedido. Enquanto o Fluminense com todas as suas dívidas equacionadas em parcelamentos a médio e longo prazo pagos em cotas mensais não consegue o parcelamento de sua ÚNICA dívida não equacionada. Por que? E ainda há esse pedido de penhora.

  22. Fernando Junior Says:

    Além de tudo que já foi falado sobre o quanto o Fluminense tinha pago de impostos, queria acrescentar que o Fluminense jamais conseguiria dar um aporte de 30 ou 40 milhões como fez o fla, pelo simples motivo que todo dinheiro que entra no caixa do clube é penhorado pela PGFN, foi assim com o prêmio do título brasileiro de 2012, com as cotas da globo e agora a venda do Nem… aí eu pergunto: por que o flamengo que devia muito mais, e não tinha pago sequer um centavo da dívida, não teve penhorado o dinheiro da globo, adidas e peugeot assim como o FLU? se a PGFN tivesse agido da mesma forma com os 2 clubes, o fla jamais teria os tais 40milhões para adiantar o pagamento…

  23. EU - ABSOLUTIS VERITAS Says:

    CLUBE EMPRESA URGENTE!!!!

    Com responsabilidade civil e criminal para todos os dirigentes, conselhos e acionistas. Respondendo todos, com seus bens pessoais.

    Só assim as coisas caminharão com menos SAFADEZAS!!!!

    Deveriam cobrar TOTALMENTE as dívidas de TODOS os clubes, parcelando apenas depois que os bens móveis e imóveis forem PENHORADOS.

  24. valmir Says:

    o dinheiro da unimed não entra na conta do flu, então não tem desconto sobre esse valor que é alto para abater dívidas trabalhistas, “caixa 2”

  25. Edison N Filho (@enfilho) Says:

    Time de segunda e até de terceira deve pagar mais mesmo…

  26. RMB Says:

    A diferença GRITANTE é que o FLAMENGO deu como garantias os contratos de seus patrocínios ADIDAS E PEUGEOT, além do terreno do NINHO DO URUBU, enquanto o FLUMINENSE, não tem o que dar em garantias, pois a UNIMED não aceita que seu contrato CAIXA PRETA seja dado como garantia e as sedes de XERÉM E LARANJEIRAS, já estão penhorados.

  27. Ouvidoria Says:

    Flamerda e Curintia sao clubes da midia e do governo, portanto jamais sofrerao retaliacoes ou punicoes, como ocorrem com outros clubes em SP e Rio.

  28. Adimilson Anderson Nunes Says:

    Paulinho, mas aí é fácil descobrir do porque isso ter acontecido, fora o fato do time de urubus ter um caminhão de procuradores e desembargadores que trabalham pra ele no Judiciário.

    O clube está louco para dar uma resposta a sua torcida e o Pelaipe quer fechar com o amigão Mano Menezes. O técnico por sua vez pediu garantias de 700 mil reais mensais (será que vale tudo isso mesmo) e cheque em branco para gastar com reforços midiáticos.

    Ora pois, com a PGFN facilitando as coisas, é claro que o time fica com “facilidades”.

  29. fábio vieira Says:

    Se responderem a sério, a Polícia Federal terá que entrar em ação. Então, respondam de mentirinha e passem para a boiada que eles engolirão a justificativa. A torcida dos mulambos,não passam disso mesmo, estão acostumados a enfiar a mão no bolso dos honestos.

  30. carlinhos Says:

    perfeito paulinho. pesos e medidas diferentes.perfeito, jamais dois pesos e duas medidas como algo tendencioso. obrigado por ensinar os jornalistas que com certeza sempre estão de olho em você. cesar sampaio disse que o palmeiras exigia para o mesmo peso e a mesma medida. perfeito, nunca deveria dizer como dizem alguns jornalistas nesse caso dois pesos e duas medidas. para encerrar : o josé trajano acertou sem querer outro dia, dizendo que era um fato de dois pesos

  31. carlinhos Says:

    o jose´trajano disse para algo errado que tinha sido adotado dois pesos e oito medidas. mesmo sem querer acertou em cheio. dois pesos nunca podem ter oito medidas , mas duas podem sim e com correção. dois pesos um elefante e uma tartaruga, duas medidas, cada um pense no tamanho de seu elefante e de sua tartaruga.

  32. carlinhos Says:

    carlos tricolor, nesse caso são duas medidas para o mesmo peso, mesmo estando entre aspas.

  33. Gustavo Says:

    Poderia dizer a mesma coisa em relação ao tratamento que a ANS oferece à UNIMED … se a Agência Nacional de Saúde cumprisse com o seu dever de fiscalizar a UNIMED -Rio estaria falida, e o Flunimed na terceirona pela segunda vez …

  34. BI CONSECUTIVOS NUNCA SERÃO! Says:

    5mall club, time dos CORRU_PT_OS

  35. Mario AV (@mario_eu) Says:

    O Flamengo pagou 40 milhões???
    Alguém viu cópia das guias pagas?
    Tem que ser igual a São Tomé: só acredito vendo.

  36. André Felipe Says:

    Caixa Federal, banco que arrecada bilhões com FGTS e demais impostos, instituição que recebe nosso dinheiro de forma IMPOSTA pelo Governo.

    Esta instituição deveria se preocupar com casas populares, hospitais, escolas, segurança nas agências e na internet e etc….

    Ao invés disso preferem aplicar em times de futebol, que comprovadamente são dirigidos por pessoas que em muitos casos são ligadas ao crime, são investigadas pela Polícia Federal, pessoas inescrupulosas em cargos de confiança e etc….em resumo, se aproveitam de nossa cega e burra paixão e inventam uma nova maneira de sustentarmos vagabundos, deliquentes, mafiosos e contraventores.

    Caso a CEF entre como comparsa no Santos FC, cancelo meu Sócio Rei, não irei mais aos estádios e tentarei convencer muitos a fazerem o mesmo. Não serei cúmplice deste dinheiro mal aplicado.

  37. MARCELO Says:

    O Flu é ligado a unimed que deve ao iss.
    730 Milhões!

    http://veja.abril.com.br/blog/radar-on-line/tag/unimed/

  38. MARCELO Says:

    A diferença GRITANTE é que o FLAMENGO deu como garantias os contratos de seus patrocínios ADIDAS E PEUGEOT, além do terreno do NINHO DO URUBU, enquanto o FLUMINENSE, não tem o que dar em garantias, pois a UNIMED não aceita que seu contrato CAIXA PRETA seja dado como garantia e as sedes de XERÉM E LARANJEIRAS, já estão penhorados.

  39. Breno Says:

    Pra uns a vaca não dá leite, pra outros, até o boi dá…

  40. Rodolfo Goes Says:

    Paulinho, se você tem certeza do que escreveu, beleza, senão fica uma chamada de atenção para o termo apropriação indébita. Isso acontece quando o empregador desconta da folha do funcionário e não recolhe ao fisco o montante em questão. No caso do INSS, além da parte do funcionário há a contribuição patronal. Verifique se a dívida, em questão, não é referente somente a parte devida pela empresa. Se for isso, não se caracterizaria apropriação indébita pois nada foi apropriado.

  41. Rafael Says:

    O fato é o seguinte: o Flu é time de 3ª divisão, e o Flamengo não.

  42. Coração Tricolor Says:

    RMB = Marcelo:

    a diferença GRITANTE é que NÃO EXISTIA nenhuma garantia qdo o fra obteve sua CND pq isso foi ANTES do contrato c/a PEUGEOT, ANTES de implantar seu programa SOCIO-TORCEDOR apenas DIZEM q a Adidas adiantou 40 milhōes q n é nada perto do q vcs devem. Além disso DIVIDAS RECENTES NAO PODEM SER PARCELADAS e a Patty Amorim deixou, segundo os seus atuais dirigentes, um rombo de mais de R$90 milhoes.

    Xerém n está penhorada e a Unimed é um patrocinio PRIVADO q paga DIRETO aos seus contratados, sem passar pelo fluxo de caixa do Clube pq o faz através do direito de imagem. A fra-Globo faz isso direto e tantos outros patrocinadores. Super LEGAL.

  43. Nelson Says:

    No caso dos 40 milhões, como citado em alguns comentários neste espaço, também deveriam ter sido penhorados no ato do recebimento e não recebidos como pagamento de parte da dívida do Flamengo.
    Com o Fluminense estão fazendo o inverso praticando as penhoras, impossibilitando-o de fazer o mesmo que o Flamengo, ou seja, de pagar uma parte da dívida de forma antecipada.
    Aí tem sujeira das grandes…

  44. Dra. Cora Says:

    Paulinho, vamos analisar o “âmago” desta questão:

    A Caixa Econômica Federal, num ato questionável, iniciou patrocínios de clubes brasileiros, inclusive dois ditos grandes. A questão é ampla e jamais seria esgotada aqui e por um rábula. A Caixa Econômica Federal causa um desequilibrio, ou melhor, impede o equilibrio das reais forças do futebol ao INJETAR dinheiro publico em instituições ligadas ao futebol. Sem choro!

    Vamos a parte tecnica. Se o interessado buscar na internet, pesquisando pelos CNPJ´s, verá que tanto o clube do Rio de Janeiro, quanto o clube de São Paulo, tem seus CND´s no status: CERTIDÃO CONJUNTA POSITIVA COM EFEITOS DE NEGATIVA DE DÉBITOS RELATIVOS AOS TRIBUTOS FEDERAIS E À DÍVIDA ATIVA DA UNIÃO.

    Ora, que raciocínio é este que permite, um patrocínio que é na realidade quase uma doação, já que a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, não tem concorrentes e por conseguinte, não tem como questão vital a exposição da marca, para Clubes de Futebol que DEVEM ao Governo Federal.

    Pergunto a quem possa me responder: QUEM DÁ DINHEIRO A SEU DEVEDOR, SEM CAUSA DIRETA RELEVANTE, NÃO ESTÁ NA REALIDADE PROMOVENDO O PERDÃO TÁCITO DA DÍVIDA? Perdão este proibido no Codigo Tributário Nacional.
    E eu já fiz um comunicado ao TCU.

    Ainda dentro do tema, informei tambem ao TCU, que os clubes descobriram um “atalho” para receber as verbas do patrocinio mesmo sem as certidões. Instruem aos seu funcionarios e jogadores, para que ingressem na Justiça Trabalhista e então há a liberação do recurso, num pagamento indireto. Aberração!

  45. Marcelo Augusto Silva Says:

    Parabéns pela matéria . Tem que mostrar a verdade mesmo, Porcada maldita.

  46. vic Says:

    o nivel dos comentarios de alguns torcedores chega a ser deprimente!Coincidentemente todos oriundos dos entusiastas do clube beneficiado. Realmente muto triste constatar que o “vale tudo” a “Lei de gerson” ainda seja regra no imaginario do brasileiro medio (e bota medio nisso!) Mal percebem que a mesma justica que aplica os dois pesos e duas medidas numa questao clubistica, apenas age da mesma forma opressora que destina a populacao em geral.Vantagens e beneficios para poucos e todas as dificuldades imaginaveis para a maioria. E o macaco de auditorio bate palmas,ri, debocha e vai dormir se achando “o cara mais ixperto do mundo”

  47. Filipe Says:

    Vc tenq entender que o Fluminense não divulga seus balanços, ninguem sabe quanto recebe dos seus patrocinadores. Ele precisar provar como vai pagar. E isso ele nao fez! Entao não é dois pesos e duas medidas, e sim um provou como vai pagar e o outro não, simples assim!

  48. Jacy Silva Says:

    Vale lembrar que além dos 40 milhões, o Flamengo cedeu o Ninho do Urubu, como garantia. Talvez o Fluminense não tenha apresentado nenhuma garantia, por isso o acordo não tenha sido aceito.

  49. Fabio Says:

    Isso é uma mentira deslavada! QUem disse que o Flamengo só paga 500 mil por mês ao governo!? Está pagando quase R$ 8 milhões, amigo! E o Flamengo quitou todo débito da Timemania e Refis atrasados, num total de 25 milhões de reais em fevereiro desse ano. Procure se informar antes de sair repetindo o que dizem os torcedores chorões do Fluminense.

  50. Joaquim De Almeida Lopes Says:

    Quem foi o responsável pela situação melhorada do Clube de Regatas Flamengo, foi o Procurador Geral da Republica, o Gurgel, o Flamenguista mais ilustre da Gávea, que lá esteve para prestar apoio e a coisa desandou. Quem quiser provas, eu exponho. Hã?
    Sempre deram um jeito dêsse time ganhar alguma coisa que não conseguiria por suas próprias pernas ou recursos.. A tal CPI do Esporte já já estará pronta, e aí, veremos que terá mais garrafas para vender. Tenho Dito.

    Paulinho: paulinhonet@terra.com.br

  51. Joviano R C Caiado (@Joviano_Caiado) Says:

    Parece que a questão do Fluminense foi que eles fizeram acordos com a Procuradoria, mas descumpriram.Imóvel que o Flu queria dar em garantia, depois de descumprir acordos anteriores, já estava penhorado. O Peter ainda tentou jogar a imprensa e a torcida contra Procuradoria chorando em entrevista, como se fosse vítima. Fla paga cerca de 8M. Como disse o Fabio Says, não é verdade que o Fla pague só 500 merréis…rs

Deixe uma resposta


%d blogueiros gostam disto: