Advertisements

Somente há pouco mais de um mês Kia Joorabchian retirou-se “oficialmente” da MSI

Durante os últimos anos, o iraniano Kia Joorabchian fez questão de ressaltar que a MSI, empresa criada para ser parceira do Corinthians, que o MPF trata como braço criminoso da Máfia Russa, não fazia mais parte de sua vida.

Não é o que dizem os documentos oficiais, registrados na Junta Comercial de São Paulo.

Somente há pouco mais de um mês, mais precisamente no dia 23/11/2012, Joorabchian deu entrada na JUCESP com uma carta renunciando a seus poderes na empresa.

Ou seja, fez parte da MSI durante toda a gestão de Andres Sanches, no Corinthians, orientando muitas de suas ações dentro do clube.

Sua saída coincide não apenas com a derrocada do ex-presidente alvinegro na CBF, mas também com o crescimento da animosidade entre os grupos que fazem parte da atual administração corinthiana.

Em tempo: permanecem ainda como sócios da MSI (que ainda está ativa), no papel, Nojan Bedroud, indiciado pela PF, e as empresas situadas em paraísos fiscais, MSI GROUP LIMITED e Devetia Limited.

documento msi kia

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: