Advertisements
Anúncios

Seleção Brasileira joga muito mal e sofre para vencer Grã-Bretanha no basquete masculino

Jogando de maneira terrível, a Seleção Brasileira venceu a fraca equipe Britânica por 67 a 62.

Nenê foi o único a se salvar.

O primeiro quarto, seguramente, está entre os mais medíocres já disputados em toda a história da Seleção Brasileira.

Até o sexto minuto, o placar marcava incríveis quatro a quatro, tamanhos eram os erros primários de ambas as equipes.

Mas o Brasil, conseguindo a proeza de ser pior do que os Britânicos, conseguiu virar perdendo o quarto por vergonhosos 11 a 4.

De sete arremessos de três pontos, nenhum foi convertido, enquanto das onze tentativas de dois, apenas duas entraram.

Melhorou um pouco no segundo quarto, até porque piorar seria impossível, e atingiu o nível péssimo, empatando a partida em 27 a 27.

No terceiro quarto, tivemos um show de horrores, em que os Britânicos, enfim, conseguiram superar os brasileiros na ruindade.

Embora nosso selecionado tenha se esforçado muito para perder, com lances livres constrangedores de Thiago Splitter e erros de enterradas inadmissíveis de jogadores acostumados a jogar na NBA, enfim o resultado foi favorável, com 48 a 43.

No último quarto, em vez de manter a calma e segurar, ao menos, o marcador, os brasileiros sofreram a virada faltando três minutos, em arremessos de três, sequenciais, de Deng, mas, no final, voltaram a frente, finalizando o jogo em 67 a 62.

Um jogo pra esquecer, e que preocupa demais se repetido contra equipes mais poderosas, o que nem de longe foi o caso da Grã-Bretanha.

Advertisements
Anúncios

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: