Advertisements

O “prazer” de Carlos Nuzman

Ninguém ficou surpreso após o COI declarar publicamente, ontem, que está preocupado com atrasos em obras importantes do projeto olímpico brasileiro.

A surpresa seria se tudo estivesse bem.

Nossos dirigentes, estimulados pela falta de punição no escancarado roubo aos cofres públicos no Pan de 2007, utilizam-se dos mesmos hábitos para beneficiarem-se em 2016.

Atrasar o que puder para depois, em caráter de emergência e sem licitação, a chuva de dinheiro público se inicie.

E Nuzman, sem esconder a felicidade, declara ainda que a cobrança do COI é “prazerosa” e “natural”.

Prazer este que poucos, à custa de muitos, devem compartilhar nos próximos anos.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: