Advertisements

Traumatismo “ucraniano”

O treinador Mano Menezes tem falado a pessoas próximas estar chateado com o que considera traição do ex-presidente corinthiano, Andres Sanches.

Soube que para manter-se no cargo, o dirigente, “parceiro” de negócios, chegou até a insinuar que poderia entregar sua cabeça.

Além disso, não o defendeu nenhuma vez, publica ou internamente, após a humilhação ocasionada pelas declarações de Marin, escancarando saber de seus esquemas.

Fato que lhe ocasionou um verdadeiro traumatismo “ucraniano” no bolso, além de problemas com os parceiros do Leste Europeu.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: