Advertisements

Torcida desorganizada*

Por ROBERTO VIEIRA

http://oblogdoroberto.zip.net/

Pergunte a qualquer torcedor das antigas.

Bom mesmo era no tempo da torcida desorganizada.

Todo mundo pagava ingresso.

Pai levava filho ao estádio.

A única coisa mal encarada era o cachorro-quente.

Os torcedores assistiam ao jogo lado a lado.

Numa boa.

De vez em quando tinha briga.

Mas era do popular com a patroa gritando gol na hora errada.

Não tinha alambrado.

Era tudo fosso.

Que a gente pulava na comemoração de título.

Levando um pedaço da rede pra casa.

Grito de guerra era João de Deus.

Nada desse negócio de matar ou morrer.

Pois, se alguém morria, era enfarte na certa.

Nada de bala perdida.

Era um tempo de pegar carona num fusquinha.

E andar 300 quilômetros para ver uma pelada.

Como se fosse final de Copa do Mundo.

Camisa era velha, meio suja, remendada.

Aquela que deu sorte na decisão de dez anos atrás.

Quando o jogo terminava.

E a derrota surgia inevitável.

A gozação era motivo de sorriso amarelado.

Lágrimas no escuro do quarto.

Promessas de amor eterno ao clube amado.

Reconhecia-se no adversário um velho amigo.

Não um inimigo a ser eliminado.

Pergunte a qualquer torcedor.

Bom mesmo, era no tempo da torcida desorganizada.

Quando as mães iam dormir tranquilas.

E as famílias ficavam despreocupadas.

Seus filhos iam voltar do futebol pra casa.

Felizes ou infelizes.

Mas sempre.

São e salvos!

* Pelo jovem Lucas. Que nunca mais verá um gol no Mineirão…

Facebook Comments
Advertisements

24 comentários sobre “Torcida desorganizada*

  1. Tiago

    Nos dias de hoje,o mundo mudou não é mais o mesmo a violencia crescendo a cada dia alguém acha que isso ainda vai mudar?
    É só Deus em nossas vidas.

  2. FLÁVIO F.

    Realmente o que vimos nesta tarde, no Morumbi, foi uma vergonha.
    Nesse caso, é fruto da vaidade e da incompetência das diretorias dos dois clubes.

  3. marcio

    o Pior de tudo é as diretorias de clubes, que tinham que ajudar exterminar esse câncer da nossa sociedade, fazem ao contário , alimentam esses jagunços com mamata e mordomias, algumas como a Torcida Acefála ( Gaviões da Fiel), se consideram cogestoras, Vergonhoso…. Todo pai ou mãe decente, nunca devia deixar seus filhos, entrar nessas escolas do crime. O pior é que vejo autoridades, com interesse pólitico, receberem esses marginais, vejo vereadores baterem no peito , para dizer eu Sou o Vereador da Mancha ou da independente. Todas Não Prestam, certo é o jornalista Flávio Prado ao Dizer, Lixo Merece ser tratado como Lixo, e Uniformizada é menos que Lixo…..

  4. SAO!

    a semana toda foi alimentada essa violencia pelo programa Jogo Aberto, todos os dias ficaram incentivando conflitos…
    deu no q deu.

  5. Pedro pedreiro esperando o trem

    Para onde estamos caminhando? Fui de uma epoca, nao muito distante, que via a Ilha dividida (ou um pouco menos da metade, pouco mesmo) entre torcedores do Sport e Nautico. Epoca que AMBAS torcidas iam ao estadio em forma igual (claro, dependendo da fase do time, uma ia mais do que a outra, mais no geral era muitissimo + equilibrado). E olha que nossa torcida nao era tao grande como eh hoje, principalmente depois do inicio desta decada. O que vejo hoje, eh cada vez menos torcida do Nautico e do Santa na Ilha, ou do Sport e Santa nos Aflitos, e do Sport e Nautico no Arruda. Que tempos absurdos sao esses, gente?? QUE HORROR!!! Fins dos tempos??

  6. Paulo

    Belíssimo texto. Os tempos antigos, como o próprio nome diz, e digo isso infeliz, não voltam mais. Infelizmente, temos que aturar as organizadas, o maior motivo de violência nos estádios, não só no Brasil, como em outros países. Mas, também existem dirigentes muito desprepardos para execer o cargo, como o Sr. André Sanches. Enquanto estava na série B, parece q tudo ia bem no Pq. São Jorge. Foi só um empate contra um dos rivais, aliás, quase perderam o jogo, que tudo ficou confuso no Corinthians. Pergunto eu, simploriamente: Ronaldo??? Empate com um time reserva do São Paulo??? Ingressos a R$ 150,00?? No fim das contas, que “paga o pato” é o torcedor. O TORCEDOR, o cara que ama o clube e não pode ir ao estádio!!!

  7. Bruno

    Parabéns ao Roberto Vieira por suas belas palavras. Uma honrosa homenagem a todos os torcedores de bem, que deixam de ir ao estádio, justamente por não aceitarem essa balbúrdia que se tornou o futebol brasileiro.

    Mas, devemos nos lembrar que as entidades esportivas como CBF e suas regionais, se quer questionam medidas para a resolução do problema.

    Aproveitando-se do caos, a maioria das empresas jornalísticas promovem uma tremenda algazarra sensacionalística em cima dos fatos e se esquecem de sua verdadeira função: debatarem possíveis causas e soluções para se extinguir de vez a impetuosidades dos torcedores exaltados.

  8. claudio

    tenho 46 anos, ia aos estádios quando criança e ficava ao lado de outros torcedores ou mesmo nos onibus vinhamos juntos, um tirando sarro do outro. tinha a geral sentava-me ao lado do torcedor adversário e nem havia discussão.
    hoje os torcedores de degladiam, se xingam, se ofendem aqui mesmo no blog. o futebol virou risco de vida, por isso os torcedores ” comuns” sumiram do estádio, dando lugar aos bandidos uniformizados.

  9. Luiz

    Paulinho: O problema é muito sério, é cultural, basta ver a aparencia truculenta dos “torcedores”, os gritos de guerra. É coisa de bandidos.
    Lugar de bandido é na cadeia, porém se vc. observar que todos os feridos, foram machucados por POLICIAIS, ou seja: a policia devia prender os baderneiros e não agredir ninguém. Basta ver as fotos, isso ninguém em sã conciencia pode negar. Não me venham com resposta que bandido tem que apanhar, BANDIDO TEM QUE SER PRESO, quando se apóia agressões da policia, INOCENTES são agredidos covardemente pela PM. A policia no Brasil tem que repensada. Não é espancando quem tiver a infelicidade de estar no lugar errado na hora errada. É um absurdo pensar que tinha 10 mil marginais torcendo pelo Corinthians e todos foram tratados assim. Um abraço.

  10. Alviverde/SP

    Pois é…como cantava um antigo(bota ANTIGO nisso, rsrs)personagem humorístico da TV chamado LILICO(ALGUÉM se lembra???rsrs), que tocando seu bumbo, entoava: “Teeempo Boooom, Não Volta Maaaaais, Saudaade do Tempo de Paaaz…”
    É…os tempos de paz não voltarão infelizmente…ficaria muito feliz se voltassem, mas isso não passa de UTOPIA nos dias de hoje…
    Tempos em que se tomava o mesmo onibus, o mesmo trem(ainda não havia o metrô)com torcedores rivais, cada um com suas camisas ou bandeirolas de seus respectivos times, tudo na absoluta paz, apenas quebrada aqui e ali, com cantorias e alguma chacota de alguns mais exaltados ou “altos”…as rivalidades acirradas duravam apenas nos 90 minutos de jogo e eram deixadas no vazio dos estádios…
    É…tempo bom não volta mais…

  11. Leonor Macedo

    Antes você publicava opiniões que divergiam da sua. O que aconteceu? Agora o mundo todo concorda com você, Paulo?

  12. Diogo

    paulinho,reconheço que era melhor…mas isto tneta culpar as organizada pelo que acontece..se formos fazer uma comparacao no tempo apenas vera que o futebol aocmpanhou a sociedade…naqueles tempos TUDO era diferente…o futebol mudou assim como tudo…

  13. albeneir

    E sobre o ocorrido ontem no Morumbi?
    Paulinho, os fatos de ontem merecem destaque.
    Para um clube que se orgulha de ser organizado e quer sediar a abertura da Copa, o que ocorreu ontem, JAMAIS poderia ter acontecido.
    E não venham afirmar que a culpa é dos Corintianos, por que o mando e o estadio pertencem ao SP!

  14. marcio

    Andre( Lixo) ZL, espero, que esses marginais nunca façam nada com sua mãe, Vó ou Irmã, Já em relação ao Pai, não tem problema, Vc deve ter pai Desconhecido na Certidão de Nascimento e no RG……Não me intimido com Lixo

  15. O CARA É VELHO !!!

    PELO AMOR DE DEUS.
    ALGUÉM LEMBRA DESSE PROGRAMA E DESSE PERSONAGEM DOS ANOS 50 AQUI ?

    VAI SER VELHO ASSIM NO ASILO VERDE DA TURIASSU !

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  16. Hugo - Corinthians

    Luis,
    A Polícia não constrói estádio, não dirige clube, não vende ingresso, não tem rival nem torce por time A ou B.
    Já o PM não nasceu em outro planeta e foi colocado aqui na Terra, ele é um ser humano como você, que ri e chora, tem coragem e medo, virtudes e defeitos, dificuldades pessoais e contas a pagar, família e amigos, torce pelo Corinthians (ou outro time), lê o blog do Paulinho e é tão bom ou ruim quanto o restante do povo, porque saiu dele.
    A diferença é que no trabalho da maioria, um mau dia é prejuízo financeiro, enquanto que no mau dia do policial, ele é acusado, se machuca ou morre.
    No dia do jogo, ele está a trabalho e, pode ter certeza, como não ganha por hora-extra, torce na verdade é pra não ter problemas; daí acaba logo o jogo e vai embora pra casa descansar.
    Brigas acabam aumentando o tempo de serviço, justificativas aos superiores, controle dos equipamentos usados ou quebrados no conflito, horas no Pronto-Socorro com feridos ou na delegacia registrando a ocorrência, responder a sindicâncias e inquéritos, etc. Prefere evitar.
    Porém, entre perder horas ou apanhar, ele perde as horas. Não vai deixar a família pra trabalhar e voltar surrado por um vagabundo que se diz ‘organizado’ e estupidamente acha que tem o direito de xingar, agredir ou matar outra pessoa só porque ela escolheu outro time pra torcer.
    É mais fácil pra alguns por a culpa na Polícia, afinal ninguém gosta mesmo. Fica sendo o desencargo de consciência de alguns maus torcedores e dirigentes de clubes, mas não vai resolver o problema.

  17. Eduga

    É lamentavel o que aconteceu em BH, mas os fatos ocorridos no morumbi nada tem a ver com as torcidas organizadas do Corinthians. Se uma bomba estoura perto de você, você fica esperando estourar a próxima ou sai correndo? em um local apertado e lotado é tumulto na certa, sendo torcida organizada ou não. Alias, pelo

  18. Eduga

    continua… Alias pelo que consta, essa bomba partiu do estacionamento privativo do SPFC onde também não me parece que qualquer um possa estacionar ou ter acesso. Se as vitimas desse ataque nao fossem os membros das organizadas do Corinthians, fossem os chamados torcedores “comuns”, todos estariam lamentado, mas como foram os “menos que lixo” como foi postado aí… tudo bem! Todo torcedor merece respeito e quem fala das organizadas generalizando com certeza não as conhece direito. O SPFC não vai ser punido pela sua irresponsabilidade e a PM muito menos pela sua truculencia, mais facil é chamar o torecedor de marginal e dizer bem feito!

  19. Felipe

    A Sociedade era outra, hoje o Brasil é muito violento e isso se reflete nos estádios, acho sua ideia de criminalizar as T.Os simpista demais.

  20. Alviverde/SP

    O problema começa pela EDUCAÇÃO dos jovens em casa, pois muitos acham que podem TUDO e ainda sairão IMPUNES…são frutos ESTRAGADOS pelas gerações anteriores, infelizmente…

  21. Alviverde/SP

    RSRSRSRS…e o Lilico não é dos anos 50 não, cara…é dos anos 70. Também não sou tão velho assim!!! RSRSRSRSRSRS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: