Advertisements

Ação de Fernando Garcia contra o Corinthians se transforma em fonte de dinheiro para demais credores do clube

Andres Sanches, Fernando Garcia e Paulo Garcia

Dentro do acordo extra-oficial mantido com o ex-presidente Andres Sanches, o agente Fernando Garcia tem utilizado empresas satélites para processar o Corinthians, justificando, e até ampliando, o pagamento de suas intermediações.

Porém, especialmente numa dessas ações, o Timão se deu muito mal.

Se, nas outras, os bloqueios judiciais, até então, serviam para satisfazer apenas os interesses dos processantes, no procedimento nº 1047365-29.2020.8.26.0100, em trâmite na 2ª Vara Civel do Tatuapé, os demais credores alvinegros – inclusive, e, principalmente, os trabalhistas, que possuem prioridade de recebimento – estão sendo beneficiados.

Todos tiveram acolhidos pedidos de ‘penhora no rosto’.

Ou seja, antes da B2F (a processante ‘oficial’), ou junto dela, eles possuem prioridade de recebimento.

No escopo do processo, todos os patrocinadores do Corinthians estão sendo obrigados, mensalmente, a depositarem 5% do que devem ao clube.

Nesta semana, por exemplo, a AMBEV depositou R$ 108 mil.

Noutro dia, a Globo pagou R$ 1,5 milhão.

Essas quantias, que deveriam servir para quitar, com alguma rapidez, a pendência com Fernando Garcia, abatidas no contexto das movimentações descritas, estão ocasionando desfalque relevante na contabilidade alvinegra.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: