Advertisements

Quem pagou os quase R$ 500 mil que os Gaviões da Fiel deviam para o Corinthians?

Recentemente, o presidente do Corinthians, Duílio ‘do Bingo’ Monteiro Alves, declarou que os Gaviões da Fiel, facção alinhada com a diretoria, não deviam um centavo sequer ao clube.

Em sendo verdade, muitas explicações precisam ser fornecidas.

O Blog do Paulinho teve acesso a uma Ata de reunião do Conselho Deliberativo da ‘organizada’, realizada em 07 de maio de 2018, da qual destacamos o seguinte trecho:

“O Conselheiro Ronie (Roni Catarina) perguntou qual a dívida atual com o SCCP relativa a ingressos e o Conselheiro Rodrigo (Diguinho) respondeu dizendo que está em torno de trezentos e cinquenta mil reais (…)”

Desde então, inexiste qualquer menção ao pagamento dessa dívida no balanço do Corinthians.

Segundo informações de fontes alvinegras, a pendência dos Gaviões teria atingido, em 2020, valores próximos de R$ 500 mil.

A declaração de Duílio, que remete a suposto ‘perdão’ do calote da ‘organizada’, gerou indignação nos bastidores do clube – que, na última semana, além de dever R$ 2 bilhões, não tinha sequer R$ 1 disponível em conta bancária -, e também nas demais torcidas que seguem sendo cobradas de suas despesas junto ao alvinegro.

Se não houve ‘anistia’, pairam as dúvida: quem pagou a dívida dos Gaviões? Se foi paga, por que não consta na contabilidade do clube?

O caso demonstra, além disso, o quanto o Corinthians perde de dinheiro ao privilegiar locais em seu estádio para quem não paga ingressos – sob a alegação de que comparecem a todos os jogos – em detrimento dos torcedores que se esforçam para manter em dia suas obrigações com os planos de fidelidade alvinegros.

Facebook Comments
Advertisements

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: