Advertisements

Justiça penhora cadeira cativa de dono da BWA no Morumbi por calote em imobiliária

Há quase dez anos, Walter Balsimelli Neto, dono da acusadíssima BWA, comprou luxuoso imóvel pelo qual pagou R$ 7 milhões.

Comprometeu-se, no ato, com direito a assinatura em documento de confissão de dívida, a pagar R$ 450 mil a Imobiliária ‘Coelho da Fonseca’, por conta da intermediação.

Nunca honrou o combinado.

Pior: constam nos autos diversas manobras que dão margem a suspeitas de ocultação de patrimônio.

Depois de algum tempo, ainda sem receber pelo trabalho, os corretores conseguiram penhorar um imóvel em nome de Balsimelli, além de sua cadeira cativa no estádio do Morumbi.

Eis que, por conta desse bem, o dono da BWA enlouqueceu.

Ingressou com recurso não para desbloquear o imóvel, mas o lugar no estádio do São Paulo, alegando ser torcedor do clube e que tinha profundo apego sentimental pela propriedade.

Os desembargadores do TJ-SP não deram bola.

Indeferiram o pedido e ordenaram o pagamento da dívida antes que os bens penhorados sejam leiloados.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: