Advertisements

Presidente da Portuguesa e o conveniente ‘esquecimento’

Em entrevista ao jornal AGORA, Antonio Carlos Castanheira, presidente da Portuguesa, disse:

“Temos que esquecer as administrações anteriores e as máculas como o caso Héverton”

É exatamente o que não deve ser feito.

Relembrar as tragédias ajudará o clube, se de fato essa for a intenção dos novos gestores, a não repeti-las.

Castanheira, assim que assumiu, reconduziu, estranhamente, o diretor de futebol do ‘caso Heverton’ a uma posição privilegiada no Canindé, cuidando de todos os contratos de marketing, ou seja, do departamento responsável pela geração de recursos da agremiação.

Talvez seja essa a razão do pedido de ‘esquecimento.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
%d blogueiros gostam disto: