Advertisements

Odebrecht recusa encontro com Andres Sanches. Do Corinthians, só fala com Rosenberg

A Odebrecht recusou-se, novamente, durante a semana, a sentar-se com o presidente do Corinthians, Andres Sanches, e também com outros dirigentes do clube por ele indicados, para discutir o acordo de pagamento que foi vendido ao Conseho alvinegro como sacramentado.

Recentemente, executivos da construtora delataram o cartola e alguns de seus parceiros por tomarem-lhe propinas durante a execução das obras do estádio de Itaquera.

Os diretores da Odebrecht só aceitam falar com Luis Paulo Rosenberg, com quem mantém ainda bom relacionamento.

Trata-se de uma situação, por razões óbvias, constrangedora.

Politicamente, existe enorme rejeição do ex-diretor em diversas alas do Parque São Jorge, apesar dele, efetivamente, ainda exercer enorme influência em relevantes departamentos, como o de marketing, financeiro, estádio, etc.

Para desmentir a informação, que certamente desmentirá, bastaria a diretoria do Corinthians apresentar cópia das atas de reuniões do clube com a Odebrecht, que, por conta de sua nova política de transparência, tem por hábito registrar todas as sua negociações.

Advertisements

Facebook Comments

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Open chat
Olá, seja bem vindo ao Blog do Paulinho ! Deixe aqui suas dúvidas, sugestões e denúncias. Todas as mensagens serão lidas
Powered by
%d blogueiros gostam disto: